terça-feira, 21 de agosto de 2012

A problemática do portantos, pah


Introdução; O treinador do Benfica (qualquer que seja) luta com um clube que perde 8/9 pontos por época, algo que se não é inédito em todo o Mundo, só terá paralelo nos países em que os títulos sejam comprados no super-mercado...

Porque razão gosto de um treinador?
Se for o do meu clube e me garantir 3 títulos por época (Campeonato, Taça e Champions League) quero lá saber se é gordo ou magro, se mastiga 'chiclas' com a boca aberta, se faz madeixas na guedelha ou aponta o dedo ao Ola Jonh; se estudou na universidade da vida, ou pelo contrario nasceu num berço de (lata) prata! 
Quem quererá saber disso?

Jorge Jesus é o actual treinador do Benfica! 
Como sempre acontece, há adeptos que gostam e outros não! A imprensa também tem preferência, mas a menos que seja bufo, o treinador do Benfica, qualquer que seja, terá sempre os media (não digo que seja por mal, apenas porque vende mais) mais interessados numa boa polémica, que nos seus méritos futebolísticos...
Por mim, como qualquer outro adepto, gosto ou não gosto...
Falando de Jesus e apenas dos seus méritos desportivos, gosto e muito!
Quando sair do Benfica, eventualmente para ganhar (vade retro, satanás) 5 campeonatos seguidos nos corruptos, dedicar-lhe-ei o mesmo amor que hoje devoto ao vitó da mosca! 

Nos dias de hoje não há "bicho careta" que não dispare todo o arsenal que dispõe para cima de Jorge Jesus!
Só isso seria o suficiente para me pôr do seu lado! -dá-me náuseas ver tanto idiota que nada percebe de bola, falar do assunto como se de expert's se tratassem!
Os adeptos no geral, são iguais em todos os clubes; aplaudem nas vitórias e assobiam nas derrotas! É assim em todo o lado e jamais será diferente! O pior é que continuem a comprar jornais...
A exemplo mais fiel do que é ser adepto da bola, é ler (só bocadinho, que ninguém de bom senso consegue aguentar tanta ignorância, tanta  falta de tolerância) nos diversos blogs e caixas de comentários dos jornais desportivos, a forma apaixonada, muitas vezes irracional e porque não dizê-lo estúpida, como os adeptos se engalfinham a propósito de Messi e Cristiano Ronaldo...

Não gosto do discurso 'castrado' de Jorge Jesus! Perde genuinidade e acutilância e serve apenas para dar satisfação a meia dúzia de intelectuais da treta! 
Preferia que falasse meia dúzia de calinadas linguísticas de seguida, mas que defendesse o seu grupo como o fazia antes de chegar à  luz...
Mas vamos ao que aqui me trouxe...
Desde que me lembro, não houve nenhum treinador do Benfica que me desse tanta satisfação a nível pessoal como Jorge Jesus... - Falo de prazer pessoal, porque penso, obviamente, que tomou as melhores decisões para os interesses do Benfica! Nem poderia ser de outra forma.

Jorge Jesus trouxe para o Benfica um futebol rápido, acutilante, de olhos na baliza, mobilizador de massas, capaz de trazer de novo os adeptos ao estádio, como há muitos anos não se via! O futebol medroso, sonolento e sem oportunidades, desapareceu da luz! Lembram-se do antigo estádio da luz com 3 mil adeptos a assistir aos jogos? eu lembro-me perfeitamente! Adiante...

Pegou em jogadores que eu muito gostava (houve alturas em que parecia ser só eu) que estavam encostados/desacreditados e fez deles...o que eles valiam na realidade!
Não fez nenhum milagre, não! Fez apenas (bem) o seu trabalho, tal como agora tenta fazer...
Se fosse a dar ouvidos aos espertos, tinha-os mandado porta fora...

Cardozo; tirou-o da penumbra (estava para ser corrido quando Jesus chegou) e fez dele um dos grandes goleadores da história benfiquista...
Di Maria; pedia-se insistentemente nas bancadas e nas redes sociais (reflexo dos entendidos da imprensa) que fosse vendido por qualquer preço, emprestado ou simplesmente corrido...o importante era vê-lo pelas costas!
Fez de Di Maria um jogador de top mundial!
Fábio Coentrão; mais ou menos o mesmo filme, com a agravante que por este ninguém daria um chavo! A fazer a vontade aos inteligentes, estaria por esta altura no Rio Ave, ou no pior dos casos a jogar nos corruptos...
David Luís; sofreu na pele os piores dichotes (tal e qual o Melgarejo) num celebre jogo em Paris...
Estava, como os anteriores, no plantel a marcar passo e a um passo da dispensa! 
Hoje é de top mundial! 

Estes são (alguns) exemplos de jogadores que ninguém gostava e todos queriam pôr na rua! Não me venham com tretas que eu tenho memória de elefante e sei bem o que passei para tentar convencer alguns amigos dos méritos destes jogadores; sem êxito, obviamente!
Vale mais uma cronica num jornal desportivo arrasando um jogador; vale mais o deitar abaixo insistente e continuo que os comentadores fazem durante um jogo de futebol, que mil discursos feitos por mim ou qualquer outro adepto que não goste de ser enganado...

Jesus acabou com a pouca vergonha do caso Mantorras!
Era indigno de um clube como o Benfica, ter nos seus quadros de jogadores profissionais, um coxo (é duro, mas é a realidade) para "jogar" 10 minutos para entreter o pagode...
Mandou embora Quim, um guarda-redes que não valia metade da fama, responsável por inúmeras derrotas, mas que com a imprensa favorável que tinha, mantinha em respeito todos os treinadores do Benfica!
Trapattoni tentou mandá-lo embora...Ronald Koeman também! - Não foi por acaso, não. E não havia má vontade...

Jesus, só na segunda tentativa conseguiria ver-se livre dele!
Ficar-lhe-ia bem caro esse propósito! Os media jamais lhe perdoaram a falta de noticias de dentro do balneário que a decisão terá acarretado e destruiriam o seu substituto...
Mandou embora Nuno Gomes, igulamente à segunda tentativa!
Tal como de Quim, nunca gostei de Nuno Gomes! Nunca lhe reconheci méritos para ser o ponta de lança que o Benfica precisava!
Ganhava como se marcasse 30 golos por época e não passava dos 5/6!
Tal como Quim, tinha demasiados 'amigos' na comunicação social, que se passariam de armas e bagagens para os detractores de Jesus...

Estes são os casos mais mediáticos onde as suas decisões mais prazer me deram!
Sei que, principalmente, nos casos Nuno Gomes e Quim, serão muitos os que não estão de acordo! 
É assim a vida; concorde-se ou não, respeitemos a crenças e os saberes de cada um...

Como o texto já vai longo, continuarei o assunto no próximo post, onde abordarei também a questão Rui Costa e os mexericos (certos ou inventados) que circulam por aí...

18 comentários:

  1. Amigo Guachos, diria que te esqueceste de pelo menos mais 1 jogador (Moreira) também ele com muitos amigos na CS. Há! já agora por onde anda esse titularissimo?
    Carrega Guachos...

    ResponderEliminar
  2. Alguem antecipou precisamente o nome que ia apontar: Moreira...esse guarda redes fantástico da cantera do Benfica que era um injustiçado só por....TODOS os treinadores. Mas os adeptos idolatravam-no! Quando saiu lá caiu o Carmo e a Trindade...e hoje nem sei onde joga pois a ultima noticia que soube era que ia ser dispensado dessa potência do futebol Europeu: Swansea!!!!
    Revi-me nestas palavras e recordei os tempos que de facto o futebol (se é que assim se podia chamar) era fraco, sem intensidade, tudo aos repelões etc...Compravam-se 20 jogadores por época, sem qualidade NENHUMA....e acabavamos em 4ª e até em 6ºlugar, eliminados com equipas de segunda na taça de Portugal, nas competições Eurpeias com equipas de segundo escalão e por aí fora.
    Memória fraca de muitos Benfiquistas de facto.
    Venha de lá a continuação! ;)

    Abraço!

    ResponderEliminar
  3. Totalmente de acordo, caro Guachos. Até eu já me tinha esquecido de alguns desses casos!

    ResponderEliminar
  4. Esqueci-me de salientar esta frase que concordo em absoluto:
    (Não gosto do discurso 'castrado' de Jorge Jesus! Perde genuinidade e acutilância e serve apenas para dar satisfação a meia dúzia de intelectuais da treta!
    Preferia que falasse meia dúzia de calinadas linguísticas de seguida, mas que defendesse o seu grupo como o fazia antes de chegar à luz...)

    Abraços

    ResponderEliminar
  5. Boa Com.Social,sim mas amigos, nem a minha barriga que até ela me prega partidas...

    O problema de muitos "benfiquistas" é que tem um défice de complexo B,maior que a dívida portuguesa...

    ResponderEliminar
  6. Compo todos JJ erra e continuará a errar, como tu ou eu, se fossemos treinadores, faríamos o que julgavamos melhor, mas certamente seriamos criticados por quem pensa diferente.
    Na minha opinião, neste jogo aconteceram coisas que me custam perceber, mas a verdade é esta, pergunta a 10 pessoas qual o melhor 11 do Benfica e terás 10 respostas diferentes e depois há ainda a grande condicionante de não conhecer-mos por dentro o dia a dia da equipa.
    A mim JJ também me devolveu a alegria de voltar a ver o Benfica a jogar, alegria essa a muito arredada, mas a verdade também que o povo exige vitórias e se elas deixam de surgir os ciclos terminam, é assim em todo o lado e não vejo dramas nenhuns nisso.

    ResponderEliminar
  7. No dia em que Jesus se pirar para os Porcos vai passar a ser o maior treinador de todos os tempos e universos!
    Estou cansado desta merda de benfiquistas sempre prontos a atacar o Benfica. O que eu sofri naquele estádio com as equipas do Fernando santos e Quique Flores! Quem não consegue perceber porque é que querem o Jesus fora do Benfica e o quanto o futebol do Benfica melhorou com Jesus não é burro. É mais estúpido que um calhau.

    ResponderEliminar
  8. O Eixo Cascais-Leça (qualquer dia pareço um maluquinho a falar disto) fez com que o Jesus da Reboleira mais pareça o Artur da Cedofeita!!!

    Ó Jesus... manda-os pró caralho porra!!!

    Ganda Guachos, gostei muito deste post.

    ResponderEliminar
  9. Amigo Jotas;
    as vitórias deixam de surgir???
    Mas, ainda te consegues lembrar do 'antes de Jesus'?

    ResponderEliminar
  10. O que me fez mesmo MUITA confusão para não dizer pior, foi os do costume a assobiar a nossa equipa, os nossos jogadores, e no final do jogo, uma das claques a "aproveitar-se" disso e a ofender o nosso treinador com canticos! Triste...muito triste!
    Não me revejo neste tipo de Benfiquismo. Nunca ousarei assobiar quer um jogador quer um treinador por muito mal que jogue ou por muito más opções que tenha. Lembro-me pouco do futebol dos anos 80/90, e por isso talvez tenha uma certa dificuldade em perceber estas coisas. Lembro-me e bem da era pré LFV, e por menos bons que os resultados tenham sido desde essa altura, não é comparável na minha opinião.

    Abraço!

    ResponderEliminar
  11. Embora seja difícil meter na cabeçorra dos imbecís a verdade nua e crua, é necessário combater a ignorância com a evidência embora a cegueira faça também parte da imbecilidade.

    Venha daí a continuação e quanto mais acutilante melhor.

    ResponderEliminar
  12. Concordo com este parágrafo:
    "Porque razão gosto de um treinador?
    Se for o do meu clube e me garantir 3 títulos por época (Campeonato, Taça e Champions League) quero lá saber se é gordo ou magro, se mastiga 'chiclas' com a boca aberta, se faz madeixas na guedelha ou aponta o dedo ao Ola Jonh; se estudou na universidade da vida, ou pelo contrario nasceu num berço de (lata) prata!
    Quem quererá saber disso?"
    O resto do post não é coerente. Ninguém com tantos meios conseguiu tão fracos resultados.

    ResponderEliminar
  13. Ramalhete,
    De um texto tão grande, citas a parte irracional que como adepto assumo, e ignoras a opinião de facto do autor!
    Não me surpreende!
    O adepto (irracional) é mesmo isso...
    Obrigado por tão bem o exemplificares...

    ResponderEliminar
  14. Mas o adepto é por definição irracional.
    Às tuas considerações poderia contrapor outras tantas que por aí circulam. Todos têm o direito a ter a sua opinião. A minha está resumida na minha última frase.

    ResponderEliminar
  15. Enorme Guachos,
    Excelente texto, como sempre.
    Escrevo-te para, se me permites, te fazer uma sugestao: ja que te vais referir ao "Maestro" nesse proximo texto, faz com que os que perguntam "o que e que ele anda a fazer?" percebam a imensidao da agenda pela qual ele tem de se distribuir.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  16. "Ninguém com tantos meios consegui tão fracos resultados" Pois! É que Jesus é de longe o melhor treinador que o Benfica teve desde há quase 20 anos e uns merdas de treinadores quaisquer como o Vitó, exemplo supremo! conseguem ganhar campeonatos para os Porcos exactamente com esses mesmos meios! É isso que até entra pelos olhos adentro e mesmo assim ainda há quem não veja.

    ResponderEliminar
  17. Ramalhete,
    tiremos então o irracional...
    "Ninguém com tantos meios conseguiu tão fracos resultados"
    Que meios são esses que referes?
    Quem teve mais e melhores resultados?

    Jose Albuquerque,
    Obrigado pela visita e pelo incentivo...

    A verdade é não conheço em pormenor a agenda de Rui Costa, embora acredite que estará sempre bem preenchida...

    Faço questão de abordar a interligação que ele tem (ou não) como director desportivo, com Jorge Jesus!

    Nada de concreto e apenas a minha opinião de observador atento!
    Acredito mesmo que não vou agradar à maioria, o que até nem é de estranhar...

    ResponderEliminar
  18. IDIOTAS ANTI-BENFIQUISTAS À SOLTA

    www.http://covildosidiotas.blogspot.com/

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.