terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Uma bela jogatana no batatal da Amoreira...

Ainda não tinha falado do jogo Estoril - Benfica e tanta coisa há para dizer...
Primeiro o estado do relvado - custa querer que não seja propositado - pior que aquilo só mesmo a relva do alvalixo e ao pé daquele batatal o relvado do Bonfim parece um tapete de veludo!
Custa a acreditar como é que os corruptos não adiaram o jogo que lá fizeram para a taça da liga, a taça que eles dizem desprezar, mas que este ano talvez passe a ser o objectivo numero 1 já a partir da próxima semana...

No final do jogo, ouvindo e lendo a opinião publica, a opinião que se publica e os expert's das redes sociais, fica-se completamente baralhado e atónito - quem tivesse imigrado entre finais de Agosto e princípios de Setembro para só voltar agora a Portugal, julgaria encontrar-se num outro planeta!

De uma manta de retalhos, oriunda de um plantel formado às três pancadas, feito por uma direcção à deriva e por um treinador inculto e fanfarrão - sem defesa esquerdo, sem centrais de categoria, sem um substituto para o lateral direito e sem médios centro, com um ponta de lança desajeitado e com mais de 345 extremos, passamos a ter um plantel considerado de "imensa qualidade", a ponto de neste momento, os mesmos opinadores, afirmarem, sem um pingo de vergonha na cara, que este é o melhor plantel do campeonato português!!!!
Passaram-se apenas 4 meses e os jogadores são exactamente os mesmos que em finais de Agosto faziam as 'delícias' deste povo tão sapiente - deste povo tão sabedor!

No Coimbra da Mota - vimos uma primeira parte em que o Estoril foi conseguindo parar o futebol atacante do Benfica, tirando partido daquela espécie de relvado, usando e abusando do físico com a complacência de Duarte Gomes, que permitiu - por exemplo - que Gonçalo fizesse umas trinta faltas, chegasse ao fim do jogo sem um único cartão amarelo e ainda marcar o golo do Estoril!
Na segunda parte, à medida que o "gás" dos estorilistas acabava, subia em flecha o rendimento e o futebol acutilante do Benfica, com os (excelentes) golos a aparecerem com toda a naturalidade...

Artur, pensava que o jogo tinha acabado aos 3-0 mas não foi o único - houve um descarregar de baterias geral que podia ter saído bem caro, não fosse o falhanço de Gerso à boca da baliza, num lance que ainda animou o Estoril, mas sobretudo deu alento ao lagarto Miguel Prates, quase lhe provocando um "fanico" em directo!
André Almeida, continua a sua (lenta) evolução e Jardel com uma ou outra desconcentração, parecia apostado em ajudar os imbecis que semana após semana não lhe largam as canelas...

Garay, continua a não dar 'cavaco' a Mourinho, que o preteriu por uns feiosos lá de Madrid e Melgarejo, fartou-se de "chamar" FDP a João Manha durante todo o jogo, enquanto Gaitan aproveitava para gritar, imitando o grande Diego Maradona - que la chupen, y sigan mamando...
Saiu debaixo de uma salva de palmas e disse Ola a Jonh que continuaria o seu trabalho de qualidade!
Matic, o nosso "Tim-Tim" preferido, continua a jogar enormidades, enquanto Enzo Perez, atónito, lhe perguntava; não viste por aí um médio centro?

Sálvio, mete a primeira, mete a segunda, mete a terceira e parte que nem um foguete...
A bola bate na trave - a bola está dentro da baliza e golo é prontamente sinalizado pelo árbitro assistente!
Lá do outro lado campo, o nosso querido Ricardo Santos, de olhar pesaroso, penalizava-se por não ser ele a justiçar o lance, perdendo-se assim mais um excelente «momento de desconcentração»...

Rodrigo e Cardozo talvez tenham guardado a pólvora para os próximos compromissos, facto que Lima aproveitou para usar a 'bazuca' da ordem, e pronto - sem pólvora resolve-se à bomba...
O 'melhor' estava guardado para perto do final e ainda tivemos direito a uma parada de...estrelA - Pablito Aimar disse que está aí para o que resta da época e o que se pede é que a sua entrada em campo sirva apenas para divertir as bancadas...
É que o jogo continuava vivo, como adiante se confirmaria, e os festejos mais os foguetes, devem ficar para o fim do jogo...
..........................................................................................................................................
A animação na blogosfera benfiquista tem sido uma constante nestes últimos tempos!
É um gozo com o circo dos viscondes falidos e já se fala em goleadas próximas e outras 'goeladas'...
Será que ainda se lembram do que foi dito pela esmagadora maioria dos benfiquistas entre o final de Agosto e princípios de Setembro passado?
É preciso lembrar a todos, que, se Vieira fosse fazer a vontade aos cibernautas e aos adeptos benfiquistas, já teria trocado de treinador, mais de metade da equipa tinha sido despedida por incompetência...
...e lá se ia o tal plantel que agora dizem ser de luxo!

5 comentários:

  1. Excelente a forma como a equipa abordou o jogo e a sua dificuldade!
    A maior parte dos jogadores em grande plano!
    Nas exibições menos conseguidas, Jardel é mesmo assim e não se pode exigir o que não pode dar!
    Já o jovem André Almeida, seja pela carga psicológica que este jogo representava ou pela dificuldade em jogar na posição, não gostei!
    Espero que melhore para bem da "lateral direita"!
    Esta atitude perante o jogo e o adversário, que seja a mesma contra a corrupção!
    Sem bloqueios!

    ResponderEliminar
  2. É pá ó Guachos, já não sei o que diga mais sobre os teus textos! Muito, muito, muito bom.

    ResponderEliminar
  3. O Jardel jogou pior do que costuma porque tinha vindo de uma lesão, o campo estava mau e tudo isso contribui para uma menor confiança ou cuidado por parte do jogador.
    Provavelmente até o JJ ter-lhe-ia para ter cuidado pois não temos outro para o lugar. Pelo menos é o que eu teria feito.

    Eu até lhe teria dito para ele correr e olhar bem para o chão para não pisar - não, não me refiro às poias - algum buraco ou alguma toupeira escondida debaixo da areia.! lol.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.