quinta-feira, 18 de julho de 2013

Equipa 2013/14: o meu optimismo

Por José Albuquerque

Bem sei que ainda é cedo (para optimismos ou pessimismos), mas não tenho receio de interpretar estes sinais que, apesar de cheirarem a fresco, já constituem evidencias.

Comecemos por alguns pontos prévios, que me obrigo a adiantar para não iludir nenhum leitor:

1 Apesar de concordar com a politica de aquisições da SAD, centrada em “jovens promessas” e completada com o aproveitamento de “oportunidades de mercado”, eu sou dos que consideram que a formação de um futebolista só termina por volta dos 23 anos, pelo que, antes de atingida a maturidade, um Atleta pode ter muito talento, pode ter muito boa “escola táctica”, pode, até, ser genial, mas não lhe podemos exigir a consistência necessária;

2 Se é verdade que o futebol é um “jogo”, cada vez mais ele é um desporto e o pináculo dos desportos de alta competição, o que implica que, por mais artistas que eles sejam (e eu acredito que a primeira coisa que os distingue é a sua técnica, seja qual for a posição em que actuam), os “jogadores” terão de ser atletas de eleição e capazes de interagir (“funcionar”) colectivamente; especialmente por isso e porque eu tenho imensas provas da alta competência e “know-how” detidos pelo Nosso LORD (laboratório de optimização do rendimento desportivo), espero que todos os Atletas que vão ser integrados nas Equipas A e B, venham a registar um importante ‘crescimento atlético’ no próximo futuro;

3 Também sou dos que esperava que o Benfica já tivesse superado o nível em que uma Equipa ainda recorre a Atletas “emprestados”, mas compreendo e apoio as 2 excepções com que fomos confrontados; o Sílvio pode permitir ao João Cancelo uma época inteira na Equipa B (na última época ainda fez muitos desafios pelos sub-19) e o Bruno tem de ser encarado como se fosse um Atleta de 20 anos, … com 26;

4 Eu considero que as únicas fontes seguras de informação sobre os Nossos Atletas e Equipas são o Nosso ‘Grupo de Média’ e os “R&C” que a SAD publica, pelo que eu não participo nessas especulações sobre alegados “detentores dos direitos económicos” de Atletas Nossos, como nos casos do Ola John e do Lazar Markovic;

5 Apesar de (com muita tristeza minha) ser uma realidade que pode vir a extinguir-se, o Benfica Stars Fundo persiste como uma realidade inultrapassável na gestão dos Atletas dos quais ele detém uma parte do “passe”; 

6 O enquadramento económico que a SAD vai continuar a enfrentar a médio prazo, os investimentos recentemente concretizados, os já contratados e a prioridade de alguns outros, adicionados ao carácter determinante dos Nossos resultados económicos no próximo futuro, definem condições ponderosas a toda a gestão do Grupo Benfica; e 

7 Finalmente, o pouco que eu sei sobre futebol apenas resulta de muitos anos como expectador, alguns livros devorados e muita vontade de “ler e interpretar” os sinais que todos podemos testemunhar, dados por quem sabe muito de futebol, como são, por exemplo, os casos dos Nossos “Maestro” e Técnico.

As “saídas”.

Neste momento em que escrevo, dou por adquirido que do Plantel já saíram vários Atletas que fizeram parte da Equipa A nesta última época, a saber: Aimar, Miguel Vítor e Carlos Martins. Por já não terem idade para serem utilizados na Equipa B, creio que a estes se juntarão os seguintes: Michel, Djaló e Luisinho. Finalmente, o Roderick parece-me destinado a Equipa B, uma vez que a SAD continua a acreditar no seu valor.   
Em termos pragmáticos, há que reconhecer que é quase nulo o impacto desportivo destas saídas.

As “entradas”.

Neste momento em que escrevo e sem falar nas múltiplas aquisições que me parecem destinadas a reforçar a Equipa B (todos os sub-20 e os irmãos do Lazar Markovic e do Nemanja Matic), é a seguinte a lista dos Atletas que podem vir a reforçar a Equipa principal:

Ruben – do qual me recuso a falar enquanto homem e, ainda menos, como Benfiquista.
Trata-se de um Atleta muito consistente e polivalente, que pode fazer a contento as posições 2, 6, 7 e 8, que eu sempre gostei de ver jogar a 6 e a 8, que pode vir a ter uma motivação adicional esta época (caso o “dranquilo” se conseguir apurar para o Brasil). Português, internacional A, que passou pela Nossa “Fábrica” e que tem o senão de um historial consistente de lesões (não muito graves) musculares.
O que de melhor posso escrever é que estou convicto de que, com ele na Equipa, poderíamos ter vencido o Estoril e, sobretudo, não teríamos perdido no ladrão.

Sílvio – que chega por empréstimo e sem opção de compra. Português, internacional A, que passou pela Nossa “Fábrica” e que tem o senão de um historial consistente de lesões (não muito graves) musculares. Trata-se de um Atleta consistente e polivalente, que pode fazer as posições 2 e 3. Esta ‘aquisição’ tem, a meu ver, a enorme vantagem de libertar o André Almeida para a rotação da posição 6, ‘dar’ ao João Cancelo uma época inteira de crescimento na Equipa B e, ainda, poder suprir alguma urgência do lado esquerdo.

NOTA 1 – não sei se já todos repararam que o Benfica, de quem a mérdia não cessa de criticar os defesas laterais, participou na formação de todos os últimos, esquerdos e direitos, da equipa do “dranquilo” (além dos próprios sub-20, com o Martins e o Cancelo)?  

Steven Vitória – mais um Atleta português, consistente e, de algum modo, polivalente (posições 4, 5 e 6), que pode ser muito útil nas bolas paradas (defensivas e ofensivas) e que, tal como o Ruben e o Sílvio, vai ter uma época com motivação especial.

Sulejmani – um verdadeiro fora de série, em “frasco pequeno”: soberbo de técnica e enorme velocidade de execução! Trata-se de mais um polivalente (rotinado a 7 e a 11 e capaz de fazer de “9 e meio”), com queda para as transições ofensivas e forte capacidade de concretização. Ou muito me engano, ou o Sulejmani vai entrar no grupo dos “alvos dos tubarões”.

Bruno – muito complicado de avaliar, até por ser o Atleta com a integração mais ‘atrasada’. Parece-me um Atleta que tem tanto de lateral esquerdo quanto o Fábio e o Melgarejo, antes de o serem! No blogue LATERALESQUERDO definiram-no como um típico “jogador de bola”, sem noção do que é o futebol europeu. Excelente técnica e atitude (muita vontade), mas tudo por fazer do ponto de vista táctico. Tal como já escrevi antes, trata-se de um Atleta de 26 anos, que vai ter de ser ‘trabalhado’ como se tivesse 20 (exceto do ponto de vista atlético, claro). Caso venha a tornar-se num verdadeiro lateral esquerdo, pode ser uma ‘pechincha’ por 5 milhões!
NOTA 2: se e quando JJ conseguir fazer do Bruno um lateral esquerdo, poderemos assistir a uma alteração táctica muito importante nas Nossas transições ofensivas, uma vez que aumentariam de 2 (Matic e Enzo) para 3 as alternativas de condução da bola, tal como acontecia com o Fábio.   

Lisandro Lopéz – tenho de me ‘agarrar’ para não desatar a gritar que a SAD conseguiu, uma vez mais, descobrir um diamante pelo preço da chuva, mas é muito raro ver um Central promissor nesta idade. Mais um Atleta que tem todas as condições para fazer furor. Tem competição garantida na Nossa Equipa, mesmo com o Garay.

Mitrovic – um verdadeiro ‘armário’, mas bastante rápido (veremos o que o LORD vai fazer com ele) e com aquela “genica sul americana” que nos encanta a todos e, parece-me, com uma técnica bem acima da media. Mesmo que o Garay vá multiplicar o seu salário para longe, espero que o Mitrovic progrida na Equipa B (ou, por empréstimo, em alguma equipa em que possa competir).

Duricic – pode o Técnico dizer dele o que quiser que, para mim, este Atleta genial já pode fazer de “9,9”, pelo menos! Nos sistemas tácticos preferidos pelo JJ, este “garoto” (que mais parece um Atleta maduro, quando lhe passam a bola) pode fazer o tal “9 e meio”, mas se o LORD lhe somar uns quilos de massa muscular e o Técnico lhe ensinar os posicionamentos tácticos defensivos (de recuperação da posse de bola), Duricic pode transformar-se num 8 temível.
Ou muito me engano, ou o Duricic vai entrar no grupo dos “alvos dos tubarões”.

Lazar Markovic – “last but not least”, o mais novo de todos e o que implicou maior investimento da SAD (irmão incluído, ahahah). Pelo pouco que dele pude ver, pode ser o mais genial de todos os ‘reforços’ contratados: um daqueles absolutos fora de série que pode fazer qualquer posição de campo (técnica perfeita, com ambos os pés, rapidíssimo e com excelente porte atlético), mas que seria um ‘crime’ jogar longe da baliza do adversário.

Em resumo, eu diria que a SAD tem colocado á disposição do Técnico várias “pérolas” nestas épocas mais recentes (Di, Luiz, Matic, Gaitan, Witsel, Enzo, Sálvio, etc.), mas este ano ,,, “esmerou-se”, ou “abusou”!
Por mais alto que alguns considerem ser o salário do JJ, só o seu trabalho com aquelas “pérolas” já faziam dele um Técnico ‘barato’. Veremos o que ele vai fazer com todo este manancial que acabam de lhe dar.   

Como ficou, então, a Equipa …

Sem alterações na baliza.
Uma vez que a situação do Oblack tem sido muito discutida, quero repetir que considero que seria um ‘crime’ sujeitá-lo a uma condição de ‘suplente’, uma vez que, na sua idade, ele necessita imperiosamente de competir.
Portanto, eu sou favorável a termos um GR suplente com as características do Lopes (com a vantagem da nacionalidade), ou seja: um Atleta capaz de substituir o titular nas poucas oportunidades previsíveis.
No caso de se verificar um impedimento permanente do GR titular, poderia equacionar-se um eventual recurso ao Mica, ou uma interrupção do empréstimo do Oblack.

Defesas laterais (posições 2 e 3)
Maxi e Melgarejo como primeiras opções, Sílvio e Bruno a garantirem a competitividade, Rúben e André Almeida em caso de ‘crise’, ou seja: posições claramente reforçadas e, para efeitos UEFA, com possível recurso a 3 Atletas nacionais e, todos eles, da “Fábrica”, mais um de “lista b” (o Melgarejo)

Defesas Centrais (posições 4 e 5)
Sem alteração nos titulares (pelo menos por enquanto) – Luisão e Garay, Lisandro, Jardel e Steven a garantirem a competitividade, Mitrovic eventualmente disponível em caso de ‘crise’, ou seja: posições reforçadas e, para efeitos UEFA, com um Atleta nacional.
NOTA 3: uma eventual saída do Garay já se encontra ‘solucionada’ com este conjunto de Atletas.

Médios Centro (posições 6 e 8)
Sem alterações nos titulares (idem) – Matic e Enzo, 3 portugueses para “rotação” (os 2 Andrés e o Ruben), ou seja: posições reforçadas, se optarmos pelo pragmatismo.
NOTA 4: a muito provável chegada do “Farinha” (ahahah, que não tenho til neste teclado), poderá significar mais um reforço a estas duas posições.
NOTA 5: uma eventual saída do Matic (ou do Enzo) obrigará a SAD a ‘ir ao mercado’, … se for a tempo.

Médios Ala (posições 7 e 11)
Sem alteração nos titulares (idem) – Sálvio e Gaitan, muita competitividade oferecida pelo Sulejmani e pelo (espero) Ola John e possível “rotação”, em caso de “crise”, com o Lazar Markovic e o próprio Urreta (que ‘tem’ de ser utilizado na Equipa B), ou seja: posições muito reforçadas.
NOTA 6: em termos de UEFA, Sálvio e Urreta podem incorporar a chamada “lista b”,

Segundo Avançado (de “nove e meio” a “quase 10”, ahahah) e Ponta de Lança (posição 9)
Caso se confirme o meu desejo de vermos o Tacuara continuar, poderemos dizer que mantemos os titulares (Tacuara e Lima), mas assistiremos a um aumento enorme da competitividade e, ainda mais, de soluções tácticas alternativas, já que ao Rodrigo se vieram juntar o Duricic e o Markovic, no que me parece ser um leque de opções quase ‘exagerado’, porque estes 3 ‘suplentes’ terão de competir o mais possível.
NOTA 7: em termos de UEFA, o Rodrigo já pode integrar a “lista b”

Concluindo …

8 Comparativamente com as épocas anteriores, vejo muito facilitada a ‘engenharia’ para seleccionar os 17 estrangeiros que a UEFA limita (eu vejo apenas 15 como ‘obrigatórios’, mais 2 pela “lista b”, que podem ser Sálvio, Rodrigo, Melgarejo, e/ou Urreta);

9 Saúdo o facto de a Equipa poder manter-se competitiva mesmo numa convocatória com 6 (!) Atletas portugueses;

10 Caso não se verificasse nenhuma saída neste grupo de Atletas ‘titulares’, quer-me parecer que os objectivos da Equipa poderiam ser aumentados.

11 Em qualquer caso e uma vez mais, os apintadores terão de se ‘esmerar’ para impedir o Nosso sucesso nas competições internas.        
               
Viva o Benfica! 

16 comentários:

  1. Caro José Albuquerque,

    gostei da sua análise, mas quanto a mim ela é otimista quanto às alternativas existentes para as posições 6 e 9.

    A priori, julgo que apenas A.Almeida tem tem características, de recuperação e de saída com bola, que podem ser trabalhadas por JJ para ocupar bem a posição 6. Mas em termos de envergadura física, fica-se aquém do músculo que Matic ou Javi proporcionavam ao meio-campo. Veremos como Farina é aproveitado(de Amorim, que preferia que saísse do plantel, espero muito pouco), mas julgo haver no mercado jovens com potencial que deveriam ser atacados desde já, face à provável saida de Matic, como Guido Pizarro ou o Capoué, por exemplo. Esta posição é fundamental no esquema de Jesus, e sem o super Matic, acentuar-se-ão ainda mais os problemas de equilíbrio e consistência em campo,de uma equipa com enorme vocação ofensiva, como é a do Benfica.

    Na posição 9, penso que a saída de Cardozo levará também à necessidade de se contratar um jogador com maior presença na área do que aquela que Rodrigo, Djuricic ou Markovic podem dar. Acho que Éder encaixaria muito bem.

    Enfim, até 31 de agosto muito poderá acontecer, e só aí se terá uma melhor percepção da capacidade competitiva do plantel. Mas que espera muito trabalhinho a Jorge Jesus, lá isso espera.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enorme Superaguia, Companheiro,

      Compreendo e aceito essas tuas interrogacoes (eu tambem sou um defensor absoluto da capacidade atletica das equipas) e, por isso mesmo, defendi que em caso de saida do Matic (ou mesmo do Enzo) a SAD deveria ir ao Mercado (se for a tempo). O que nao me parece correto e ir 'preventivamente', pelo risco de truncar a competitividade de que os Andres necessitam.
      Quanto aos nomes que sugeres, confesso que nao conheco bem o Pizarro, mas concord que o Capoue seria uma excelente alternativa (nao sei quanto custaria, nem que nivel salarial ja tem atualmente).

      Numa coisa creio que todos estaremos de acordo: um dia, um dia que espero ainda venha longe, todos vamos 'morrer de saudades' do Nemanja Matic, que arrisco considerar o melhor medio centro que tivemos desde ... (melhor que o Paulo Sousa) ... (melhor ainda do que o Jonas Thern) ... o Senhor Mario Coluna.

      Tambem concordo contigo quando sublinhas a determinancia desta posicao na Equipa, mas junto-lhe uma pequena 'nuance': fundamental mesmo, vai ser o equilibrio entre quem possa entrar e o que possa ficar, nesta dupla maravilhosa que o Tecnico fez com o Enzo e o Matic.

      Ja no que toca a posicao 9, confesso-te que nao gosto nem do Eder, nem de nenhum outro que estime dentro do nivel de custos adequado (sobretudo pelos salarios), pelo que, no caso de saida do Tacuara, nao teria receio de ver a posicao ocupada pelo Lima/Rodrigo e fer a SAD a apostar no longo prazo com mais um jovem de bom potencial (nao me record do nome dele, mas gostei muito de um PL, muito alto, que fez alguns jogos pelo Uruguai neste ultimo Mundial U-20).

      Desde ja, antes mesmo de 31 de agosto, tem a palavra ... o Tecnico!

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  2. Enorme companheiro José Albuquerque

    Concordo com quase tudo... até na questão do sacana do ponto 11 que é o que me retira o optimismo

    ResponderEliminar
  3. Mas lá que eles vão ter de roubar ainda mais descarados... lá isso vão! LOL

    Um grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enormerrimo Carlos Alberto, Companheiro,

      E e so isso que podemos fazer: obriga-los a ser descarados (nao e que eles se 'incomodem' muito com isso, como ficou provado nestes ultimos meses, os FDGP)!

      Infelizmente e depois de muito sofrimento, eu sinto que temos de continuar a 'empurrar', 'empurrar' e 'empurrar' com mais forca e determinacao, ate que este "des porto" regresse aos trilhos da Verdade Desportiva.

      Entretanto, quero dar-te os meus parabens, porque vais ter uns desafios de preparacao para ver bem pertinho de casa, seu sortudo, ahahah.

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  4. Primeiro notar que continuas em grande forma - o sol não te consegue esmorecer a clarividência!

    Dos reforços não meto (que raiva!) o bedelho.
    Do resto; Na baliza 100% de acordo, nas laterais e no centro também.
    Por mim não vinha Sílvio, por razões não desportivas, sendo que das desportivas desconfio bastante, mas olhando para o mercado, fazer o quê?

    No meio campo é o mercado terá a ultima palavra e o Benfica está de mãos atadas; se por um lado a SAD desejará um bom encaixe financeiro, por outro lado que ninguém mexa nos nossos meninos...
    Uma coisa é certa - gastar por antecipação é um risco enorme que a SAD não parece disponível para correr, tal como na época passada...
    Confesso algum receio nessa perspectiva.

    Por mim dispensava Amorim por razões não desportivas, sendo que nas desportivas desconfio bastante da sua utilidade, a menos que saiam Matic e Enzo...
    Mas aí, ficaríamos mesmo mal. Amorim não tem nível para ocupar um lugar de titular e os Andrés também não. Não no Benfica actual.

    Bons para fazer parte do plantel e da cota de portugueses necessária, mas pouco mais do que isso...um ou outro integrados na equipa com bom andamento tudo bem. Agora - depender deles, jamais.

    Na frente - esqueçam Cardozo (voltarei em breve a este tema e de arma na mão) e concentrem-se nos que temos.

    Nos teus pontos 10 e 11 é que estará o busílis da questão...
    Abraço e viva o Benfica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enormerrimo Guachos, Companheiro e Amigo,

      Suponho que sabes que eu subscrevo essas tuas "razoes nao desportivas", mas ... desde que os Atletas ajudem, eu nao me importo de manter alguns sapos nas bochechas (ja viste como fazem os hamsters?).

      De resto:

      1 O 'problema' com os "miudos" que ainda nao sao geniais (olha o Di, ou o Luiz, quando chegaram) passa pela inconsistencia e a necessidade de estarem o mais possivel em competicao (para treinarem sempre a 100%), razao pela qual nao podem ser titulares, mas nao podem ser terceiras escolhas (consegui explicar-me?);

      2 Compras "preventivas" colocam mais problemas desportivos que financeiros, na minha humilde opiniao;

      3 Espero que (ao menos tu, ahahah) acredites quando eu insisto que a SAD nao "tem de vender", mas "deve vender", ou seja: a valorizacao 'comercial' dos Atletas constitui um pilar do modelo de crescimento, mas nao tem momentos (ou Atletas) 'obrigatorios'.

      Quanto a dupla Enzo/Matic (mais ainda que a cada um deles individualmente), o problema nao sera, nunca, "substitui-los", porque os consider insubstituiveis. O problema vai ser, mais tarde ou mais cedo, supercar a saudade que dela vamos ter.

      E e nestes momentos que eu nao compreendo a inveja que tantos sentem pelo salario do JJ, porque lhe vai competir resolver o impossivel, ahahah.

      E ele ja deu provas de ser capaz de o fazer ...

      Viva o Benfica!

      Eliminar
    2. Meu caro amigo Albuquerque,
      Miúdos geniais não estou a ver nenhum - tenho alguma expectativa no A. Gomes, mas isso depende muito dele; se ganhar músculo e intensidade temos homem - se não, acabará numa equipa de segunda.
      Muito potencial mas pouca produtividade...por agora.

      No resto estou de acordo, embora com algumas dificuldades em deglutir os sapos...
      Abraços

      Eliminar
    3. Ahahahah,

      Nao engulas esses sapos (ainda por cima aos pares), que isso so pode fazer mal a saude; faz como eu e utiliza a tecnica do hamster.

      Como somos novos (ahahah), basta ter paciencia ... que o prazer de os 'cuspir' (atencao, isto e diferente de 'cuspir neles') esta absolutamente garantido.

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  5. Todos anos a mesma coisa, esperancas...palhacadas,depois la ganhamos uns jogos a malta anima um bocado,no fim levamos as melancias embora e pronto,pro ano estamos ca outra vez.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Anonimo,

      O proposito deste texto foi, exatamente, avaliar se sim, ou nao, devemos ter esperancas e quais devemos poder alimentar.

      E tambem abordamos a principal ameaca a concretizacao dessas esperancas.

      Como Benfiquistas, mantemo-nos Orgulhosos e Determinados.

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  6. Melancias nem é mau - fresquinhas então são uma maravilha. Pior são os melões comidos a quente...

    ResponderEliminar
  7. Companheiros,

    Eu ate estou arrepiado!

    Passei no Nosso sitio (slbenfica.pt) e ...



    18-07-2013 19:15

    Desde o dia 1 de Julho

    Comunicado: Benfica TV atinge os 80 mil assinantes


    A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa que a Benfica TV atingiu os 80 mil assinantes, decorridos 18 dias desde o início da emissão como canal premium em diversas plataformas.



    O presidente do Sport Lisboa e Benfica, Luís Filipe Vieira refere que “estes números são um bom indicador de que estamos no caminho certo e que com o empenho e vontade de todos os benfiquistas alcançaremos os objectivos que delineámos. Desejo que a nação benfiquista continue a aderir maciçamente demonstrando assim o carácter singular do nosso Clube”.



    A Benfica TV é canal premium desde o passado dia 01 de Julho, emitindo actualmente nas plataformas da PT, ZON e Cabovisão, em Portugal, assim como na Zap, para Angola e Moçambique.


    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  8. Parece explicado o porquê de a equipa não estagiar fora...
    Os directos na BenficaTV fazem milagres...e ainda mal começou!

    ResponderEliminar
  9. Gostava de saber quantas desistências terá tido a sporcotv do mamão chupista, até a barraca abana hihi!

    E PLURIBUS UNUM

    ResponderEliminar
  10. "O que de melhor posso escrever é que estou convicto de que, com ele na Equipa, poderíamos ter vencido o Estoril e, sobretudo, não teríamos perdido no ladrão."

    LOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLLLLLLLLLLLL

    Acho que é melhor veres como é que o Braga perdeu contra o Porto no ano passado.

    Como é que se pode dizer que um jogador que esteve mais de metade do tempo lesionado no dois últimos anos é consistente a não ser na capacidade inata de ficar lesionado? Outro Carlos Martins?? Ou seja, um Rubén a jogar pouco e quando for chamado é expulso. Onde é que já vi isto? Ahhh, pois, foi contra o Estoril...

    Claro que tenho de discordar na análise as opções do miolo até porque o Farina sempre foi um 10 ou um 11. Por isso temos as opções que tínhamos o ano passado e que foram insuficientes.

    Nem falo do Oblak porque provavelmente nunca jogará no clube...

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.