segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Taras - cada um com a sua...

Começamos com as taras do leccionador Paulo Bento e seguimos por aí fora...
Diz o seleccionador que a «Aposta em Rui Patrício não é tara» (clique nos links)
E a aposta em Rolando - é o quê?

"Iturbe é um animal em campo"  - Diz o empresário do avançado argentino...
Só pode ser tara - mandaram um animal embora e contrataram um (Josué) porco?

«Nuno Marçal insultado e humilhado na Luz»  porque alguém lhe terá despejado sopa na cabeça!
Para quem há pouco tempo atrás se virara para os seus adeptos do seu clube, na sequência da vitória do Benfica nos playofs de basquetebol, pedindo-lhes 'encarecidamente' "Vocês vão deixar que eles festejem?? -Façam qualquer coisa, partam-nos todos..." até que nem foi nada mau!
Podia ser bem pior - podiam ter-lhe cuspido no rosto como fez o suíno Josué...

"Sumaríssimo? Não cuspi"  - Diz o tarado adestrado...
Deixa lá isso - podes sempre cuspir na sopa do Marçal...

À primeira vista pareceria que a 'tara' de Jardim pelo Olympiakos, dizem as más línguas que muito por causa da bela primeira dama do clube grego, não tem fim à vista, mas, notícias mais recentes garantem-nos que o moço não terá falado à imprensa grega. 
Faz sentido - a menos que fosse por telefone não o estou a ver pôr-se a jeito da manápula do presidente do Olimpiakos...
E porque seria uma deselegância para Jorge Jesus que ainda na semana passada recusou várias entrevistas para dar a táctica ao adversário dos lagartos na próxima eliminatória da champions...

«Bale custou, afinal, 101 milhões!» - Mas que grande tara!
Dar 101 milhões por um jogador que não vale nem metade já é preciso ser um grande tarado, mas pior, é a tara de tentar esconder o verdadeiro preço só porque há um tarado que tem a tara de ser o mais caro jogador do mundo! 

- Querem apostar que ainda vai aparecer um tarado a meter a culpa em Jesus ou no preparador físico da equipa?
A notícia diz que é o mesmo departamento médico que anda a tratar o presidente...

Só um tarado é que não percebe e marra contra a grandeza deste projecto!

"Javi pede City-Benfica na final" - cuidado Javi - os "diamantinos" andam à solta por aí...

Já é tara - a imprensa portuguesa marra com Del Bosque sem que se perceba o porquê!
É - Del Bosque parece ter tara em ganhar vários campeonatos da Europa e do Mundo, só é pena andar tão confuso!!! 
Imagine-se que o Rolando era espanhol!

"O presidente e as rosas vermelhas" - o rei dos tarados!
- O pior não é haver um 'troll' que tenha este tipo de comportamento absolutamente imbecil e esquizofrénico!
- O pior é haver quem lhe satisfaça a vontade! - Não dá para imaginar a quantidade de tarados imbecis naquela sala!

15 comentários:

  1. Grande Guachos, sempre em grande!

    Miguel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miguel,
      temos de agradecer ao Bento...ele é que se lembrou das taras...

      Eliminar
    2. Grande Guachos,

      realmente, há taras e não são poucas cá no nosso burgo!


      E PLURIBUS UNUM!
      FORÇA BENFICA!

      Eliminar
  2. Essa do Bruno Carvalho lembra a do outro lagarto, o médico cirurgião, que "odeia o sangue por ser vermelho!" (sic)

    Imaginem um médico especialista em cirurgia ao fígado a dizer uma barbaridade destas. Não passa de mais um doente mental. A juntar aos outros 25% da população portuguesa, como veio há pouco nos jornais. E esses são os conhecidos... Imaginem a quantidade de doentes mentais que caíram fora das estatísticas.

    ResponderEliminar
  3. Enormerrimo Guachos, Amigo e Companheiro,

    Isto de nao termos a Equipa a jogar, da'-nos cabo dos dias, hahaha.

    Entretanto e mesmo sabendo que vou ser polemico, nao ficaria de bem com os meus valores e com a minha consciencia se nao condenasse, veementemente, a agressao de que foi alvo o bardamerda do ex atleta do crac e nem sequer o venho fazer por ser um "pacifista".

    De facto, eu sou dos que acreditam que com "olho por olho e dente por dente" acabaremos todos cegos e desdentados, o que nao me agrada nada. Nesses termos e mesmo nao sendo "pacifista" considero que misturar Desporto e uma qualquer forma de violencia nao pode ser um comportamento Benfiquista, a menos que a violencia fosse dirigida ao alvo exacto e depois de ela ser confirmada como o ultimo recurso disponivel.

    Ora acontece que nao so' nenhuma das duas premissas anteriores se verificaram, como a forma de violencia exercida juntou o ridiculo a uma cobardia vergonhosa.

    Assumindo que os autores da parvoeira sao Companheiros Nossos, muito gostaria eu de poder dizer-lhes, cara a cara se possivel, que perderam uma belissima oportunidade de confrontarem o bardamerda do ex atleta do crac com alguns dos seus comportamentos em campo, nomeadamente com aqueles incentivos por ele dirigidos aos chupadragays contra as legitimas comemoracoes dos entao novos Campeoes Nacionais de Basketball: confronta'-lo com esses actos cobardes e antidesportivos e confronta'-lo com o desportivismo Benfiquista, isso sim, teria sido uma excelente atitude.

    Aproveitar a vantagem numerica e logistica para descarregar um prato de sopa, so' pode ter servido para humilhar os cobardes dos autores e justificar todos os actos antidesportivos com que o POLVO vai continuar a garrotear a Verdade Desportiva.

    A Vitoria prepara-se, a Vitoria organiza-se, a Vitoria constroi-se sim, mas com e dentro dos Nossos Valores, sob pena de termos de abrir uma nova sala no Museu, dedicada ao que NAO e' ser Benfiquista.

    Viva o Benfica (PORRA)!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo amigo José, mas essa grandeza de espírito não nos impede de glosar o tema de forma mais ou menos 'engraçada'...

      Eliminar
    2. Caro José Albuquerque tu, à semelhança de muitos, foste outra vítima da propaganda e da mentira. O gajo, infelizmente na minha opinião, não foi agredido.

      Impediram a equipa de jantar no restaurante na Luz, o que eu acho muito bem, e enfiaram-lhe um prato de sopa pelas trombas abaixo. Infelizmente falharam pois o porco desviou-se e assim lá se foi a sopa. Isso foi o que ele próprio declarou aos pasquins.


      Eliminar
    3. Caro José Albuquerque,

      A nobreza das suas palavras só lhe fica bem.

      Infelizmente, para vigaristas destes pouco adianta sermos assertivos...

      Lembro-me de que, há cerca de 30 anos, Fernando Martins deslocou os "jornalistas" para instalações menos próprias no nosso estádio porque eles, embora estivessem nos melhores lugares do estádio, frequentemente diziam pérolas como "do local em que nos encontramos não podemos ajuizar bem o lance" ou "o árbitro estava perto do lance"...

      Eliminar
  4. Sou contra a violencia. Mas ao contrario do que ja vi dizer por aí,que isto é a portização do benfica,acho muito bem terem feito o que fizeram ao marçal e so tenho pena que não o façam tambem a outros,todos que tratam mal o benfica devia ser assim.Espero que ninguem o tenha agredido,apenas o tenha feito sentir incofortavel e menos á vontade,que eles assim ja nao se passeiam por lisboa ou outras cidades do país de sorriso aberto,como quem goza com a cara do povo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha...olha.... o rui, aliás o pai do Tozé anda desencabrestado por esses blogues fora a tentar mitigar a dor que o acompanha deste que soube que o Tozé, o filho, é gay e já não bastava ser corno agora com filho gay às costas.Tenham dó, ele não diz coisa com coisa embora continue a bater com a cornadura em cada parede que encontra...depois de corno, chulo e azeiteiro só lhe falta virar paneleiro...tenham dó ....coitado!!!

      Eliminar
    2. Tu tens que idade? Cuidado que costuma andar aqui um pedofilo á solta,se ele te apanha vais passar a cagar grosso

      Eliminar
    3. Pelos vistos sabes bem do que falas não é Ruizinho palerminha?

      Eliminar
  5. Tens é que acautelar o cusinho do Tozé contra esse pedófilo que dizes conhecer.

    ResponderEliminar
  6. Por falar em taras, tem de ser reposta a verdade nesta história do canalha Marçal.
    Uma testemunha de como tudo se passou, conta:

    “O sr. Nuno Marçal se fosse homem vinha dizer o que realmente se passou. Eu estava presente no restaurante e assisti. Nenhum adepto do Benfica despejou deliberadamente sopa em cima do Nuno Marçal. Aliás a equipa do Maia jantava tranquilamente e sem incidentes, quando um empregado entornou a sopa de forma acidental pedindo desculpas de imediato. Acontece que o sr. Nuno Marçal logo praguejou e insultou, nomeadamente o Benfica. Teve o azar de naquele momento entrar um grupo de adeptos do Benfica que se sentiram provocados e reagiram. Não da melhor forma é certo, mas foi uma reacção. O sr. Nuno Marçal, pelo bom que fez no basquetebol nacional deveria contra a verdade.”

    E estas são as declaração de um dos directores do Maia basket.

    “Ligámos ao 112, chamámos o carro patrulha, não porque tenhamos sido agredidos, mas porque estávamos sozinhos e não sabíamos o que podia vir a acontecer. Às 22.45 deixámos o local e fomos jantar às Caldas da Rainha”.

    Portanto ninguém foi agredido ao contrário da mentira que estão a tentar passar. Que o próprio Marçal, uma má rez e um biltre, tentou passar ao afirmar mentirosamente que lhe tinham atirado com sopa pela cabeça abaixo armando-se em vítima de algo que não se passou, na senda do que já é habitual naqueles animais.

    Os benfiquistas que defendem estes animais são tão hipócritas como eles.

    ResponderEliminar
  7. Claro que foi um mero acidente! mas os Benfiquistas de Lisboa têm lá coragem para dar uns murros nas ventas destes animais? afinal nem um prato de sopa conseguem enfiar pela cornadura abaixo desta besta!!!!

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.