domingo, 15 de junho de 2014

Manaus - palco do melhor jogo até agora...

Colômbia e Grecia, duas equipas de media valia neste mundial, mais media a Colômbia -  media baixa a Grecia; deram o pontapé de saída...
Sobrou pouco deste jogo; dois ou três destaques individuais, sendo que o que me mais me cativou foi Andrés Cuadrado, que me pareceu ser um jogador interessantíssimo.

E ainda deu para ver em acção Santiago Arias, que os lagartos venderam para o PSV da Holanda por 600 mil euros, (quase 45 milhões) em mais um excelente negócio de bruno mentiroso. O resto foi muito fraco, inclusive o árbitro, que perdoou um penalti clarísimo à Colômbia, mas que as virgens ofendias portuguesas não valorizaram. Ainda se fosse ao Brasil...

Felix Brych, o ladrão nazi que roubou a liga Europa ao Benfica, teve ontem a sua estreia (Uruguai-Costa Rica) no mundial. Um merdas é sempre um merdas e este nazi, filho de uma puta, jamais mudará. É um merdas e será como um merdas que morrerá, espero que; seco e ressequido...

O mesmo nazi que viu um penalti, igual ao do Brasil-Croácia, (as histéricas donzelas da cs, desta vez acharam tudo normal) numa confusão de grande área, não vislumbrou 3 penaltis sem ninguém a estorvar-lhe a visão na final da liga Europa. Filho da puta. E ainda validou um golo em fora de jogo à Costa Rica. Tudo normal para as virgens ofendidas da cs desportiva portuguesa. Ainda se fosse ao Brasil...

Jogo fraco; Uruguai e Costa Rica, selecções sofríveis, e um árbitro miserável; não deixará saudades a ninguém.
Depois de ajudar a espetar 3 dedos no anti-benfiquismo que por aí milita, Maxi Pereira deu mais uma satisfação a uma boa série de imbecis. Foi o primeiro jogador expulso (merecidamente) no mundial, fazendo a felicidade dos portugas pobres de espírito...

Portugas pobres de espírito que continuam a espumar de raiva contra Casilhas, que aparece neste campeonato do mundo como um  espinho encravado - dolorosamente encravado em umas quantas almas retorcidas. Recorde-se que, Casilhas, para além de ter uma mulher linda de morrer, (e aqui Casilhas tem mesmo uma mulher linda de morrer, não são os seus assessores que lhe arranjaram e lhe promovem um namoro que não existe) tem o seguinte curriculum...

La Liga: 2000-01, 2002-03, 2006-07, 2007-08, 2011-12
Copa do Rei: 2010-11, 2013-14
Supercopa da Espanha: 2001, 2003, 2008, 2012
Liga dos Campeões da UEFA: 1999-00, 2001-02, 2013-14
Supercopa Europeia: 2002
Copa Intercontinental: 2002
Selecção Espanhola
Eurocopa Sub-15: 1995
Eurocopa Sub-17: 1997
Mundial Sub-20: 1999
Eurocopa: 2008, 2012
Copa do Mundo: 2010
Prémios individuais
Troféu Bravo: 2000
Jogador revelação do Campeonato Espanhol: 1999–00
Trofeo Zamora: 2007-08
Time do Ano da UEFA: 2007, 2008, 2009, 2010, 2011, 2012
Melhor Guarda-Redes do Mundo: 2008, 2009, 2010, 2011 e 2012
Equipe ESM do ano: 2007-08
Melhores goleiros do mundo pela FIFA: 2008, 2009, 2010, 2011, 2012, 2013
Melhor Goleiro do Campeonato Espanhol: 2009, 2012
Real Ordem de Mérito desportivo: 200942 43
Equipe da Copa do Mundo: 2010
Luva de Ouro: 2010
Equipe da Euro: 2008, 2012

É actualmente campeão da Europa e do Mundo de selecções e é também campeão europeu de clubes em titulo.
Segundo os 'especialistas' portugueses; Casilhas não presta, sobretudo; porque segundo consta, teve um desaguisado com José Mourinho. E é isto...

Para o fim o melhor do dia...
Grande jogo em Manaus, com as duas grandes equipas a lutarem até à exaustão. Muito mais forte a Itália, que "disse" claramente que é também favorita a discutir os primeiros lugares, e a Inglaterra, recheada de bons valores, mas que não tem no banco um treinador capaz de a levar muito longe. É a minha convicção.
Mau, muito mau aquele relvado, pintado para parecer um relvado a sério, indigno de uma copa do mundo,  e que mais parecia o relvado das osgas do alvalixo.

Condições extremas; o muito calor e a humidade sufocante que levaram os jogadores ao limite, não impediram que víssemos um jogo fantástico - de longe o melhor até agora, embora não tenha visto o Holanda-Espanha...
Um Balotelli fantástico (que grande jogador é este estranho rapaz) e o eterno Andreas Pirlo, que não pára de nos deliciar; estiveram em grande. "Boa" arbitragem, se esquecermos que não assinalou um claro penalti contra a Inglaterra...nada de especial - ainda se fosse a favor do Brasil.

Quero lá saber se Pirlo, ou Balotelli, Jack Wilshere, Xavi, Iniesta ou Casilhas, Rooney ou Sterling, são ingleses, italianos ou espanhóis, ou se andam à bulha com Mourinho? quero é que joguem à bola e bem como habitualmente o fazem. Parem de ser idiotas.
Se não gostam deles por uma qualquer razão pessoal ou por pura antipatia, eu entendo perfeitamente.
Também sou assim; há tipos que nem pintados gosto deles. Não confundam isso com o futebol jogado...

12 comentários:

  1. Estou com calor e, sobretudo isso, concentradíssimo no Alemanha x Ronaldo e mais onze, de amanhã.

    Ser-me-á permitido concordar com o texto do Guachos e, para ninguém dizer que só vim aqui para dizer que tenho calor e que estou concentradíssimo no Alemanha x Ronaldo e mais onze, de amanhã, atrevo-me a falar de Iker Casillas. Nada de mais. Está fora de causa que o namorado de Sara Carbonero é um enorme gusrda-redes. O currículo fala por si. Contudo, estranhei que fosse escalado como titular. Esta época, bastas vezes substituído por Óscar Lopez, com sucesso, não seria a melhor altura para o 'atirar às feras'.
    Que dizer de Pepe Reina e de David de Gea, dois atletas que garantiriam outra 'perfomance'?
    Indo mais além, o que terá levado Vicente del Bosque a preterir, na escolha dos convocados, o já referido Lopez?
    Não quero crer que também existem Jorges Mendes e Paulos Bentos em terras de 'nuestros hermanos'.
    Com isso, vivemos bem.

    Espanha x Holanda foi, até agora, o melhor jogo. Regresso da 'laranja mecânica' em versão actualizada?
    Félix (ladrão) Brych ainda está vivo?

    Saudações mundiais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou ver se encontro tempo para ver o Holanda-Espanha...
      Don Vicente não deixa cair quem nunca o deixou ficar mal. Não o censuro. Eu faria o mesmo; contra o mundo se preciso fosse.

      Eliminar
    2. Não concordo, com um resultado tão desequilibrado, e uma 2ª parte toda holandesa como pode ter sido um grande jogo?
      O Inglaterra-Italia foi disputado, equilibrado, sistemas diferentes e duas ideias completamente opostas do que é o futebol, que proporcionaram para mim o melhor jogo até agora.

      Quanto ao Casillhas, e fora odios de estimação e amores desmedidos, não me parece que atravesse um grande momento, embora seja, ou tenha sido, um super GR; eu acho que se fosse o Diego Lopez não estaria muito feliz por o seleccionador do meu Pais preferir o passado ao presente, e o que deve contar para quem é convocado é o momento que atravessa, e o DLopez é um grande GR que não comprometeu no Real, até ajudando a prolongar a luta pelo titulo mais uma ou duas jornadas.

      Por falar em odios de estimação, o Raul Meioreles e o Bruto Alves comigo não jogavam.
      Viva o Benfica!

      Eliminar
    3. Isso é discutir futebol. Eu se fosse o treinador de Espanha metia Casilhas. Deve haver milhares de pessoas a pensar o contrário. Nada de mal: é futebol. Agora...se Casilhas andou à bulha com Mourinho ou se Mourinho se armou em parvo com Casilhas, estou-me completamente a borrifar para os dois e não isso que me fará pensar que Casilhas é bom ou mau guarda-redes. Mau parece-me difícil...a julgar pelo que ganha...

      Eliminar
  2. N consigo entender os jogos á 13 horas, hora Brasileira...

    ResponderEliminar
  3. Muito simples-é para os espectadores europeus e asiáticos (de onde vem a massa ) poderem ver os jogos a horas decentes, e poderem ir trabalhar no dia seguinte.

    ResponderEliminar
  4. Já ouvi dizer que foi a Sara quem arranjou a trica do Casillas como Mourinho.
    E que levou o ourinho a sair do RM.

    Mas estou-me borrifando para dar importancia a tal gente. Quero é ver bom futebol e os artistas em campo.

    ResponderEliminar
  5. Caríssimo e estimado amigo Guachos,

    Acho que cheguei a um ponto de fanatismo pelo Benfica, que já não consigo opinar convenientemente sobre jogos de selecção!

    Basicamente, na minha cabeça, tudo se resume a observar com atenção os jogadores que gostaria de ver no glorioso e são demasiados caros/conhecidos... e os outros, que sendo desconhecidos, imagino serem interessantes para o Benfica.

    Ao nível de selecções em si mesmas, limito-me a ver e sem grandes preferências pois depois de muitos anos a ver futebol, tudo fica uma « salada russa »:

    Existe algo que me agrada numa, uma simpatia por um determinado seleccionador noutra, um estilo de jogo ainda noutra que é agradável, etc,etc, etc...

    Pelo que no fim... só espero mesmo, ver bom futebol, que ganhem os melhores, que as arbitragens não invertam a verdade do jogo e que um dia exista uma selecção que jogue metade do futebol do Brasil de 1982 de Sócrates, Éder, Zico, Falcão, etc ( sei que foram eliminados pela Itália... mas, aquilo eram deuses do futebol ).

    P.S: Sobre Casillas ou similares, nem vou opinar, porque o futebol por norma surpreende-me...

    Há três anos não acreditava que o Amorim desse metade do jogador que é agora ... e ( este é um segredo quase diria inconfessável ) acreditei que o Urreta ia dar jogador ( não fiquei foi todos os anos à espera do milagre )!

    Ou seja, não sou um « especialista »... mas, felizmente tenho consciência disso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enquanto não joga o Benfica...só se falarmos das toneladas de jogadores que os pasquins compram e vendem todos os dias.

      Eliminar
    2. Caríssimo e estimado amigo Guachos,

      Falei, apenas de um sentimento e de uma atitude pessoal. Compreendo e acho natural que o foco de interesse recaía sobre os jogos do mundial ( que aliás tenho visto quase na sua totalidade ) e sobre os quais, também gosto de opinar.

      Eliminar
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  7. Depois do proença japonês no Brasil-Croácia e do proença colombiano no México-Camarões (não fosse o México ficar c/ mais golos marcados do q o Brasil) aí está, o verdadeiro, o original, o único, proença para o jogo Camarões-Croácia, a "cerveja no topo do bolo", para patrocinar o 1º empate do mundial, não vá o Brasil escorregar... rezando para q Portugal seja rapidamente eliminado de forma a q possa ser nomeado para uma meia-final ou até, para a final...

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.