quinta-feira, 4 de junho de 2015

E depois de Jorge Jesus?

Por José Albuquerque

Ainda há poucos dias (não me lembro se num texto ou num comentário) eu opinei que, no Nosso futebol, a História vai passar a medir-se em ‘antes e depois de Jorge Jesus’ e não sei se muitos perceberam toda a extensão do que eu queria referir, naquele momento em que estávamos, ainda, entre o antes e o depois, ou seja: estávamos no ... durante.
Por simples coincidência (dou a minha palavra de Honra), o título que escolhi para o texto anterior ao comentário às Nossas ‘Contas’ foi, se bem se recordam, “Impossível? Não conheço! Nunca vi!”.

Ou seja e por mais surpreendido que eu tenha sido pela atual não renovação com aquele técnico, já não tenho idade para aceitar ‘impossíveis’, nem para esquecer que a responsabilidade dos Nossos Dirigentes é, sempre, a de preparar o futuro.
Por isso, quero começar por cumprimentar o Senhor Jorge Jesus pelo seu trajecto no Clube que eu Amo e despedir-me dele com a garantia de nunca colocar em causa as seis épocas do seu trabalho no Glorioso, além de sinceros votos de muitas felicidades pessoais e ... muito poucas desportivas.

(Discordo da retirada do ‘boneco JJ’ da representação da Equipa Bicampeã Nacional que está na Nossa Megastore: deveriam ter esperado que o ‘boneco’ fosse vandalizado e, então sim, retiravam os restos. Eu sou anti revisionista e aquele técnico bicampeão faz parte da Nossa Gloriosa História)

Depois disto, vamos ao que interessa ... na minha humilde opinião ...

Houve erros?

Sim! Receio bem que sim!

1. Antes de mais, creio que a Nossa Comunicação desde a conquista do Bicampeonato tem estado muito abaixo do exigível e em vários aspetos específicos perfeitamente evitáveis, a saber:
- Por nao ter marcado o ritmo do início da próxima época desportiva;
- Por continuar a permitir a percepção de falta de controle da situação; e
- Por ainda não ter acautelado processos como a queda do valor das acções em bolsa e a renumeração dos Sócios.

2. Eventualmente, pode ter sido cometido o erro de não prever que, na próxima época, haverá mais um candidato ao título e ao acesso directo à Champions, uma possibilidade que tinha de ter sido equacionada, mesmo que houvesse a convicção de que o Nosso ex-técnico ia revovar, ou, no caso contrário, sairia do mercado interno.

Há uns dias, quando aqui me insurgi contra umas declarações (muito) infelizes do Nosso Chief Financial Officer, houve vários Companheiros que consideraram que eu tinha exagerado ...
Infelizmente, os factos comprovam o contrário e, sinceramente, eu espero que o Presidente acorde do seu torpor (pelo menos aparente) actual e passe à acção, corrigindo os erros, limitando as perdas e relançando ‘as tropas’ para a conquista do #35!

Mas, ó Zé, tu estás a dizer que a saída do ex-técnico não foi um erro?

Exatamente!
Tanto quanto eu sei, o Nosso ex-técnico já não reunia as condições para renovar o seu compromisso com o Glorioso e recordem-se que eu escrevi, aqui e há poucas semanas, que, se ele mantivesse esse compromisso, eu apoiaria que lhe fosse aumentado o salário para 6M€.

E estou-me ‘de cagantes’ para onde é que ele vai treinar!
Por todas as razões e porque acredito, agora como sempre, que o Glorioso Benfica deve definir o seu caminho ‘contra tudo e contra todos’.

Sobre o futuro.

Eu ainda vou admitir que os Nossos Corpos Sociais e o CA da SAD não cometeram o erro crasso (para não insistir em chamar-lhe ‘ilegitimidade’) de programar uma qualquer espécie de “downsizing” para o equilíbrio económico imediato do Nosso futebol profissional.

Para essa (dramática) eventualidade, faço votos que os Nossos Dirigentes arrepiem caminho imediatamente!
Para essa (dramática) eventualidade, todos os Leitores do GUACHOS já conhecem a minha posição: começarei por contestar, quer no Clube, quer na SAD, a legitimidade dessa decisão, exigindo que ela seja ‘ratificada’ pelos Sócios, nem que seja através da aferição da resposta ‘popular’ a uma comunicação específica pela parte do Presidente.
Caso seja necessário, confirmo a minha intenção para colaborar na criação de uma alternativa para as eleições de 2016 e exorto todos os Companheiros que defendam os mesmos Valores e Princípios que eu venho defendendo, a prepararem-se para fazer o mesmo.

Qualquer que seja o caso, espero que a SAD tenha a capacidade de seleccionar o Nosso futuro Técnico com a noção clara de que não pode falhar!
Qualquer que seja o caso, espero que a SAD defenda o Plantel e a Equipa de eventuais tentativas de desestabilização e que contrate reforços importantes e imediatamente, por forma a garantir condições óptimas para que a Equipa cumpra o objectivo mínimo de (12 pontos) qualificação para os ‘oitavos’ da Champions, 80 pontos no próximo Campeonato (sim, prevejo que isso vai ser suficiente para garantir o #35), e presença nas finais das duas Taças internas.

Viva o Benfica!

P.S.1: aos que se perguntavam se eu ia deixar de enviar textos para o meu Bom Amigo Guachos, aqui ficou a resposta.
P.S.2: aos que imaginam que o Companheiro Vento Lusitano (incluindo o próprio) estava mais bem informado do que o Benfica ... desiludam-se.
P.S.3: aos que quiserem acreditar no ‘fantasma de 1994’, Vento Lusitano incluído, pensem que o Nosso Clube era, então, um ‘Gigante com pés de barro’ enquanto, hoje, é O Maior Clube do Mundo.
P.S.4: aos que não saibam como é que eu vou passar a chamar à osgalhada a partir de agora, eu informo que mantenho o termo osgalhada, para não ter de gastar tempo a escrever “sportAng do millennium espírito santo da guiné equatorial”.
P.S.5: recordo a todos que o Benfica não é Nosso e apenas está nas Nossas mãos por empréstimo dos Mais Novos, aos quais temos a Suprema Honra de O entregar ainda Maior e Melhor do que O recebemos dos Mais Velhos

27 comentários:

  1. Muito bom comentário, revelando sensatez e calma... Alvo que parece um pouco em falta nestes dias...

    ResponderEliminar
  2. Venho ao blog todos os dias, não sou do tipo de comentar porque tudo o que aqui é dito nada mais tenho a acrescentar. Assim o é mais uma vez, porém queria só agradecer aos que aqui contribuem para fazer soar a voz dos verdadeiros adeptos benfiquistas e eu como "menino" tenho todo o gosto em aprende-la! Viva o Benfica

    ResponderEliminar
  3. Gostei especialmente do ultimo paragrafo,tambem gostei “sportAng do millennium espírito santo da guiné equatorial”.lolllllllll

    ResponderEliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Enormerrimo Guachos, Companheiro e Bom Amigo,

    Espero que tenhas podido ouvir o discurso do Presidente, mas, se nao pudeste, tenta ouvir: grande, Enorme discurso.

    Viva o Benfica!
    (Jose' Albuquerque)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ouvi com toda a atenção. E digo-te que nunca gostei tanto de o ouvir.

      Eliminar
  6. "P.S.5: recordo a todos que o Benfica não é Nosso e apenas está nas Nossas mãos por empréstimo dos Mais Novos, aos quais temos a Suprema Honra de O entregar ainda Maior e Melhor do que O recebemos dos Mais Velhos"

    Esta e uma das MAIORES VERDADES que eu ouvi nos ultimos tempos.
    E obrigado Guachos pelo excelente trabalho que tens feito e acima de tudo:
    VIVA O BENFICA

    ResponderEliminar
  7. 1º - Agradecer a JJ o trabalho desenvolvido no Benfica - considero q foi o melhor treinador do Benfica desde q me lembro de ver futebol (últimos 35 anos).

    2º - Lamentar (embora compreendendo) a decisão q JJ tomou q corresponderá, mt provavelmente, a 1 passo atrás irreversível na sua carreira - ir enterrar-se naquele clube, c/ um presidente daqueles não lembra ao diabo... JJ, parece q já não sentes a cor mas não é verdade - 6 anos no Benfica, c/ a enorme carga emocional q tiveste, nunca + se apagam... o teu sangue é vermelho, em breve te aperceberás disso e terás saudades de pertencer ao maior clube do mundo...

    3º - Ter confiança em LFV e em Rui Costa - certamente vão tomar a decisão correcta como fizeram c/ a contratação de JJ (confesso q na altura me surpreendeu e q tive muitas dúvidas de q fosse uma boa opção). Se me permitem uma sugestão, gostaria de ver o actual treinador do Sevilha à frente da nossa equipa.

    4º - Esperar q a Direcção do Benfica ouça os conselhos de "upsizing" q JA tem defendido neste magnífico Blogue - "sem ovos não se fazem omeletas" e "o barato sai caro", são 2 ditos populares q se aplicam à actual situação do Benfica... necessitamos de renovar c/ Maxi e de 1 extremo e um "playmaker" q entrem de caras na equipa... só assim, continuando a ganhar, é possível ir integrando alguns jovens de qualidade q temos na Equipa B (Lindelof, Pavel, Listkov, Guedes, Nuno Santos, Diogo Gonçalves)

    O Benfica respira saúde por todos os poros - a comparação c/ 1994 é simplesmente ridícula... estou certo q qd a bola começar a rolar ninguém se vai lembrar de JJ (a não ser nos confrontos directos) e todos vamos continuar a apoiar como tem sido habitual.

    Nunca + chega o mês de Julho para podermos novamente assistir, tranquilamente, na Benfica TV, a + uma pré-época e ao nascimento de uma nova Equipa q nos dará muitas alegrias...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enorme Francisco, Companheiro,

      Agradeco (e aplaudo) este teu comentario, mas obrigas-me a corrigir uma interpretacao errada que, talvez por minha culpa, tu retiraste dos meus textos: e' que eu nao defendo nenhum "upsizing", de modo nenhum.

      O que eu defendo e' que a Nossa SAD deve manter a estrategia descrita ha' anos (basta ler os "R&C", agora afinada com os resultados consolidados da BTV, a erupcao natural dos primeiros talentos da "Fabrica" e sem nenhuma exagerada obstinacao numa reducao do Passivo demasiado rapida.

      Quanto a investimentos na Equipa, a minha preferencia e' o que tem sido declarado, desde ha' 7 anos, nos "R&C": o Benfica tem de manter-se ativo no Mercado e atento 'as oportunidades.
      Nunca me veras defender investimentos tresloucados.

      Viva o Benfica!
      (Jose' Albuquerque)

      Eliminar
    2. Peço desculpa pela hipérbole q indevidamente utilizei, mas como não existe "normosizing"... lá escapou o "sizing" q estava mais à mão...

      Eliminar
  8. Só para quem não conhece a história e a força do Benfica é que pode pensar que a ingratidão ou a falta de respeito para com o Benfica e para com os Benfiquistas nos torna mais fracos. É precisamente o contrário. Eu pessoalmente tomei pela primeira vez consciência dessa realidade há uns anos atrás aquando do episódio da saída de Dito e Rui Águas do Benfica. Na altura era ainda um jovem e pensei na minha ingenuidade que era o inicio do fim daquela maravilhosa equipa que tinha acabado de ir a mais uma final da Taça dos Campeões Europeus; ao mesmo tempo esses dois "insubstituíveis" jogadores tinham saido como saíram, mostrando toda a sua falta de respeito em relação clube e aos Benfiquistas e ainda por cima tendo em conta para onde foram. Para reforçar na altura o meu estado de espírito pessimista, O Benfica responde a estas duas saídas "insubstituíveis" com a contratação de um desconhecido e lento Ricardo Gomes... como!!! estamos a falar de Dito um dos melhores da Europa na altura; e para substituir o Rui Águas, foram contratar um PL a uma equipa que ficou abaixo do meio da tabela um tal de Vata, já para não falar do seu colega de equipa Miranda e de um jovem de uma equipa da segunda divisão, o Vizela, um tal de Paneira... mas está tudo doido. A história mostrou quem estava doido era eu e todos aqueles que apostaram no fim de ciclo do Benfica. Passados uns anos lá veio um novo baque, o verão quente que a osgalhada aproveitou para vir aqui buscar o Paulo Sousa e o Pacheco; mas nessa altura eu já mais adulto e com o real conhecimento do que é a real força do Benfica, principalmente quando faltam ao respeito a esta enorme é inigualável instituição Nacional... sorri e vi que o futuro ia continuar a ser risonho e como sempre quem nos tentou passar a perna ia perceber que com o tiro lhes tinha saído pela culatra.
    VIVA AO BENFICA

    ResponderEliminar
  9. Para mim, a cabeça de um projecto ganhador, para além da Direcção, é um grande treinador, um grande líder em campo, um grande Guarda Redes (nas modalidades que o têm), juntos com uma plantel equilibrado. E tudo isso existe no Benfica, e fez com que a nossa hegemonia seja quase sufocante, e pode ser ainda mais histórica se concretizarmos a vitória no futsal. Por isso, não tenho receio de dizer que a saída de JJ é um erro crasso ( um processo muito mal conduzido e onde fizemos figura de enjeitado), e desejo ardentemente que a solução que se venha a encontrar esteja ao nível de quem nos serviu nestes 6 anos.

    Para isso, a escolha do próximo treinador é estruturante e fundamental para os resultados que se querem obter- acho que é preciso ter rasgo, visão e dar um sinal forte para a nossa grandiosa Nação. Neste momento, ouso dizer, e até sabendo interpretar as palavras do Presidente, parece que estamos sem ar, tal o soco no estômago, desorientados e a recuperar. Cabe ao Presidente dar esses sinais, devolver aos adeptos a confiança abalada pela saída de Jesus, e fazer, através da Comunicação, que permaneça na cabeça da comunidade desportiva os excelentes resultados de toda a área desportiva do Benfica. E acho que neste momento, a agenda mediática está a ser conduzida a favor dos interesses do Sporting-desenganem-se os que pensam que as emoções e expectativas não contam para o sucesso. Só acções fortes, marcantes e eficazes farão reverter a nosso favor o cenário actual. A discrição é necessária, mas as vezes é preciso marcar uma posição, que custou muito a conquistar.
    É absolutamente necessário que não se crie a ilusão que depois de Jesus, o caos! È de uma importância fundamental o jogo da Supertaça em Agosto, onde terá de ser totalmente exposto a qualidade da nossa Equipa e do novo Treinador.

    Quanto a Jesus, confesso que me sinto traído, e desiludido.No entanto sem todos os dados não tenho a certeza de qual o grau de culpa de Jesus neste processo-será que não agiu como alguém que sentiu não ser desejado? Como é óbvio, estarei sempre grato a Jorge Jesus, e tentar "apaga-lo" da nossa historia não é apanágio da nossa grandeza.

    Este desabafo não invalida algo simples-antes de Jesus, o nosso Clube já tinha 105 anos de Glória, mas esta colaboração não devia ter terminado desta forma.

    VIVA o BENFICA!
    PS_Gostei do discurso do Presidente, mas esperava um discurso que me motivasse, me desse esperança, mas de certeza que por minha culpa não senti isso, porque a verdade é que a sensação que sinto de ter sido traído é muito forte.Estou desencantado...

    ResponderEliminar
  10. Bem, se me perguntassem se estava à espera que JJ saísse, eu diria que não enjeitava essa possibilidade, muito embora a saída para o Sporting fosse para mim inverossímil, mesmo sabendo que no futebol é tudo muito volátil.
    Seja como for, sendo eu um adepto do treinador JJ e tendo, num primeiro momento, ficado incomodado com a sua saída, procurei abrandar a emocionalidade e ver as coisas com alguma racionalidade.
    Reconheço que esta ruptura na continuidade mexe-nos com as emoções, pois sabemos não só da competência de JJ mas também habituámo-nos a vê-lo como um dos nossos, esquecendo-nos que ele é um profissional e que no futebol a única coisa que devemos ter como certa é a nossa paixão imorredoura pelo Benfica.
    Aqui chegados, não vou especular sobre qual(ais) o(s) motivo(s) do rompimento desta relação de 6 anos, porque os desconheço. Por isto ou por aquilo, a verdade é que JJ já não é o treinador do Benfica. Sendo-me de igual modo indiferente que tenha optado pelo Sporting, de ora em diante, reconhecendo-lhe a sua grande capacidade de treinador de futebol e, daí, preferisse que ele tivesse prosseguido por mais algum tempo no Benfica, espero que as coisas não lhe corram bem, pois passou objectivamente a ser nosso adversário.
    Quanto ao futuro do Benfica, ainda ontem, num anterior post, manifestei a convicção de que na próxima temporada teremos um Benfica forte e que, creio, com JJ seria provavelmente fortíssimo. Não estou, por isso, apreensivo e mesmo tendo consciência de como estas coisas mexem com os adeptos, admito que me faz espécie a histeria catastrófica que se desenvolveu.
    Caramba, estou certo que muitos daqueles que agora entraram em depressão pela saída do homem fizeram parte dos que o maltraram durante grande parte da sua permanência no clube e, até, quem sabe, dos que o cuspiram no Jamor. Haja paciência.
    Por outro lado, a tal racionalidade leva-me a concluir que seria mau de mais que o Benfica só ganhou o que ganhou por única e exclusiva responsabilidade de JJ. Isso, sim, seria a falência de toda a orgânica e estratégia do clube. Eu não acredito minimamente nisso. As vitórias ocorreram porque ao cabo de anos o presidente e os seus colaboradores aprenderam com erros cometidos, aprenderam o que tinha de ser feito e, estou convencido, que com JJ isso tornou-se mais fácil.
    Independentemente de, aqui e ali, surgirem erros, que sempre existirão, eu estou tranquilo, porque crente de que a direcção dará ao futuro treinador, e será decerto alguém competente e que sabe o que dele se espera, seja ele quem for, as condições necessárias para que a senda de vitórias continue.
    Aos benfiquistas resta apoiar, naturalmente com sentido critico responsável e não numa linha de bota abaixo que a nada leva, sendo certo que na altura devida teremos oportunidade de avaliar o trabalho de quem dirige o clube e decidirmos o que será melhor. Ate lá, entendo que devemos deixar as pessoas trabalhar, pois, em minha opinião, as coisas encarreiraram e não nos temos dado nada mal face, para os esquecidos, pois que para os que em tudo veem mal nem vale a pena, àquilo que o Benfica viveu num passado não tão longínquo assim.
    Finalmente, e como me custa falar desta merda, uma nota sobre a minha estupefacção de como é possível de um momento para o outro dar-se importância ao que um de tal vento lusitano anda para aí a escrever. Sobre a eventual ida de JJ para os lagartos já se tinha lido isso na imprensa e até o Rui Santos atirou essa possibilidade para o ar. Essa tal ventania não passa de um infiltrado e, pasme-se, há quem o elogie pelo seu benfiquismo. Ah ganda true eyes, MVPinto, ou o raio que o parta, como ele bem os engana e desestabiliza.
    Por último, acho mesmo que se há adeptos, os responsáveis, que têm razões para ficar preocupados e apreensivos não são exactamente os do Benfica.
    Carrega Benfica

    ResponderEliminar
  11. Aguardo serenamente.
    Bela Guttman ganhou 2 TCCE's, e de seguida, apesar de Riera, fizemos mais 3 ou 4 finais finais, se não estou em erro, a maioria delas no campo do adversário!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  12. Pouco ouvi do discurso, porque o pouco que ouvi, não gostei nada. Populista, com várias biqueiradas ao Jesus, cheias de incongruências, só para indignar os sócios. Se os projectos são diferentes para quê falar em ingratidão. Se querem apostar na formação, apostem, porquê dizer que o Jesus tinha medo. Pudera, ele é que tinha que responder perante os resultados.
    Há dois anos Vieira estava sozinho a defender Jesus, deve ter sido das decisões mais acertadas que teve na vida, paradoxalmente, após dois anos excelentes, põe tudo em risco. Quem consegue explicar este hara-kiri?! Só pode ser questões de ego!!!
    Caro, José Albuquerque, o desinvestimento que tanto temia, tal como eu, porque não faz sentido. Está em marcha!!! Espero que seja coerente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enorme Joaquim Rato, Companheiro,

      Quanto 'a minha coerencia, podes ficar tranquilo, porque ambos escrevemos e assinamos com os nossos nomes.

      Quanto a quem tem que responder pelos resultados, ontem, hoje e sempre, tu fizeste muito bem em recordar que quando o Nosso ex-tecnico perdeu tudo, foi o Presidente quem respondeu pelos resultados (e com o apoio expresso e antecipado de todos os que por aqui escrevem).

      Quanto ao "downsizing" (eu prefiro este termo, para significar uma reducao real dos custos salariais e nao so' do "investimento", que e' um termo muito mais discutivel), eu creio que estamos a receber sinais confusos (grave erro de comunicacao), pelo que aguardo para ver os factos concretos.

      Viva o Benfica!
      (Jose' Albuquerque)

      Eliminar
    2. Enorme José Albuquerque, e grande benfiquista, infelizmente não há muitos, daqueles que acima de tudo estão os interesses do Benfica. Não são mesmo muitos, dos vip só me vem à memória o grande José Capristano, daqueles que se pode dizer que metíamos a mão no fogo.
      Portugal é um país de gente pequena, mesquinha, invejosa, enfim! Como dizia o grande César Monteiro, e grande benfiquista. Nasci português, enganaram-me. Como pode haver um Ferguson em Portugal! O Benfica esteve quase, mas infelizmente, não é este ainda o presidente. Mas vai ficar na grande história do Benfica, como o Jorge Jesus, que vergonhosamente quiseram apagar!!!!

      Eliminar
  13. Caro José Albuquerque,
    a manifestação de disponibilidade para colaborar com a criação de alternativas eleitorais é interessante, positiva mas algo inquietante...

    Nada me indica haver um menor compromisso com a vitoria do Benfica, uma menor atenção quanto ao pulpus corruptus, uma menor dinâmica empresarial ou uma visão menos transnacional do clube.

    Há quem diga haver comprometimento de jj com o sporting há vários meses daí resultando alguma "desilusão" quanto ao desfecho depois de tudo o que se fez nestes anos.

    É tempo de decidir o novo treinador e de se concretizar o reforço do plantel para a próxima época. Força Benfica!

    E Pluribus Unum!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enorme Superaguia, Companheiro,

      Erros ... todos cometemos e eu nunca deixei de me solidarizar com os Nossos Corpos Sociais s'o por deles discordar.

      O que esta', aqui e agora, em caso de eventual reducao (significativa) dos Custos salariais, com prejuizo da competitividade da Equipa, nomeadamente forcando 'a integracao precoce de jovens ainda em idade de formacao atletica, tecnica e psicologica ... se for isto que se pretende, entao eu considero que ha' necessidade de fazer passar essa profunda alteracao (inversao, para ser rigoroso) de estrategia pela legitimacao dos Socios.
      O Presidente nao foi eleito com esse programa! O pior da crise ja' passou!
      Se o Presidente, mesmo assim, acha (3 anos depois de ter dito o contrario) que o caminho correto e' esse, entao trate de se justificar (aqui temos uma daquelas situacoes em que um "Parlamento do Benfica" poderia ser util, se existisse) ou, num limite, solicitar a antecipacao das eleicoes.

      Percebeste-me?

      Nao esta' em causa se eu concordo, ou nao!
      Nao havendo razao evidente, uma alteracao tao dramatica da estrategia exige uma legitimacao eleitoral.

      Viva o Benfica!
      (Jose' Albuquerque)

      Eliminar
    2. Concordo com a visão do P A C
      e confio em LFV

      Eliminar
  14. No princípio, rejeitei a vinda de Jorge Jesus. Achava que ele tinha a mania que era bom. Depois apercebi-me que não era mania; ele era mesmo bom. E afeiçoei-me ao seu estilo muito próprio e acho que é um dos melhores treinadores do mundo. Agora, continuando a não compreender muito bem o que se passou, não sou daqueles que caem em extremos, chamando traidor a JJ ou incompetente a LFV. Como acontece muitas vezes, a verdade estará algures no meio... Prefiro pensar deste modo: chegados a uma encruzilhada, ambas as partes decidiram seguir caminhos diferentes, pelo que agora é pensar no futuro. Enquanto Jorge Jesus foi o meu treinador, defendi-o de muitas críticas, nomeadamente sobre a sua maneira de expressar-se e dei-lhe sempre o meu total e incondicional apoio. Agora que foi para o sporting, quero que ele se foda!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  15. Que os meus netos se possam orgulhar de serem associados e "donos" da ultima e unica grande instituição Portuguesa que escapa ao controle das ditaduras africanas da nomenklatura chinesa e russa dos interesses americanos e dos donos alemães da Europa.
    Será sinónimo que nós, os nossos filhos e os nossos netos continuam a tratar bem deste especial empréstimo!
    O resto? O resto é a espuma dos dias.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  16. Muitos parabéns por este calmo, racional e clarividente post e alguns/muitos comentários aqui publicados subsequentes.
    Julgo não ser nem hipócrita nem ingrato, como tal sinto-me traído e também surpreendido pela ida de JJ para o Sporting, não pelo facto em si, mas pela maneira que foi. Mas, que seu eu e muitos dos que aqui é noutros blogs comentam inclusivamente na CS por demais evidente anti-benfica?
    Também venho aqui todos dias assim como a outros blogs mais anti JJ e LFV. Gosto de saber o que pensam todos mesmo aqueles em que não concordo nada no bota abaixo permanente...
    Evidentemente que houve aspectos que náo me agradam ou agradaram no JJ, nomeadamente:
    A referência à play station quando ele ainda estava no Braga, ou que o FairPlay play é uma treta quando treinava o Belenenses, ou as atitudes no Totenham- Benfica a empurrar o Shéu, ou a postura em alguns muitos jogos da Champions, no entanto tenho de lhe agradecer tudo o que fez no nosso clube nestes últimos 6 anos.
    Também não concordo com a retirada da fotografia dele na Megastore.
    Em conclusão, muitas felicidades para o JJ e muitas infelicidades desportivas.
    Queria concluir, agradecendo ao Guachos pelo VERDADEIRO SERVIÇO PÚBLICO BENFIQUISTA aqui revelado ao longo dos tempos.
    Pelo Benfica, sempre pelo Benfica e muito obrigado a todos que o defendem
    RA

    ResponderEliminar
  17. A CMVM acaba de suspender as acções da osgalhada.


    Agradeço troca de links...

    http://aguiatriunfante.blogspot.pt/

    Quanto a novo treinador espero escolha criteriosa e que o plantel seja valorizado.

    ResponderEliminar
  18. Confesso que ainda estou um pouco zonzo.
    Não esperava que o JJ aceitasse substituir o Marco Silva.... e o Inácio... e o presidente dos lagartos!

    Sempre defendi o Jesus. Mesmo em Maio de 2013 defendi a sua continuidade por considerá-lo o melhor treinador português.
    E era JJ quem eu defendia como melhor solução até à última terça-feira.

    Mais do que tentar entender o que nos trouxe até aqui interessa-me saber como vamos reagir a esta nova realidade.
    E aqui faço minhas as palavras do JA:
    "...espero que a SAD tenha a capacidade de seleccionar o Nosso futuro Técnico com a noção clara de que não pode falhar!"

    O Benfica costuma ser ainda mais Benfica nestas alturas e estou confiante que é isso que irá suceder mais uma vez.
    Confesso que ainda estou um pouco zonzo.
    Não esperava que o JJ aceitasse substituir o Marco Silva.... e o Inácio... e o presidente dos lagartos!

    Sempre defendi o Jesus. Mesmo em Maio de 2013 defendi a sua continuidade por considerá-lo o melhor treinador português.
    E era JJ quem eu defendia como melhor solução até à última terça-feira.

    Mais do que tentar entender o que nos trouxe até aqui interessa-me saber como vamos reagir a esta nova realidade.
    E aqui faço minhas as palavras do JA:
    "...espero que a SAD tenha a capacidade de seleccionar o Nosso futuro Técnico com a noção clara de que não pode falhar!"

    O Benfica costuma ser ainda mais Benfica nestas alturas e estou confiante que é isso que irá suceder mais uma vez.
    Confesso que ainda estou um pouco zonzo.
    Não esperava que o JJ aceitasse substituir o Marco Silva.... e o Inácio... e o presidente dos lagartos!

    Sempre defendi o Jesus. Mesmo em Maio de 2013 defendi a sua continuidade por considerá-lo o melhor treinador português.
    E era JJ quem eu defendia como melhor solução até à última terça-feira.

    Mais do que tentar entender o que nos trouxe até aqui interessa-me saber como vamos reagir a esta nova realidade.
    E aqui faço minhas as palavras do JA:
    "...espero que a SAD tenha a capacidade de seleccionar o Nosso futuro Técnico com a noção clara de que não pode falhar!"

    O Benfica costuma ser ainda mais Benfica nestas alturas e estou confiante que é isso que irá suceder mais uma vez.
    Confesso que ainda estou um pouco zonzo.
    Não esperava que o JJ aceitasse substituir o Marco Silva.... e o Inácio... e o presidente dos lagartos!

    Sempre defendi o Jesus. Mesmo em Maio de 2013 defendi a sua continuidade por considerá-lo o melhor treinador português.
    E era JJ quem eu defendia como melhor solução até à última terça-feira.

    Mais do que tentar entender o que nos trouxe até aqui interessa-me saber como vamos reagir a esta nova realidade.
    E aqui faço minhas as palavras do JA:
    "...espero que a SAD tenha a capacidade de seleccionar o Nosso futuro Técnico com a noção clara de que não pode falhar.

    O Benfica costuma ser ainda mais Benfica nestas alturas e estou confiante que é isso que irá suceder mais uma vez.

    ResponderEliminar
  19. Campeão,

    Excelente texto. Tomei a liberdade de o citar em: http://tudoportibenfica.blogspot.pt/2015/06/3-ao-poste.html.

    Esperemos que o downsizing não se confirme, aguardemos por explicações na assembleia geral de dia 15.

    Saudações Benfiquistas
    Fred
    Tudo Por ti Benfica

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.