terça-feira, 29 de dezembro de 2015

A verdade dos números, essa não engana ninguém...

Já se fizeram centenas, cada uma mais floreada e á medida de cada um. Esta é uma análise que me parece interessante. Foi retirada (daqui) de um blog sportinguista, daqueles que o grunho gostaria de calar....

*Uma análise de Francisco Ribeiro:
"Façamos contas e não olhemos apenas para o número grande apresentado!

Contrato NOS + Benfica (Total: 400M€):
– Direitos televisivos equipa sénior A (Contrato revisto após 3 anos, podendo ser renovado por mais 7 anos) – A partir de 2016;
– Direito transmissão e distribuição da BTV em sinal aberto (10 anos).

Contrato MEO + Porto (Total: 457M€):
– Direitos televisivos equipa sénior A (10 anos) – A partir de 2018;
– Direito transmissão e distribuição do Porto Canal (12,5 anos);
– Principal Patrocinador das camisolas (7,5 anos);
– Direito de Exploração Comercial de Espaços Publicitários do Estádio do Dragão (10 anos).

Contrato NOS + Sporting (Total: 446M€):
– Direitos televisivos equipa sénior A (10 anos) – A partir de 2018;
– Direito transmissão e distribuição da SportingTV (12,5 anos);
– Principal Patrocinador das camisolas (12,5!!!! anos);
– Direito de Exploração Comercial de Espaços Publicitários do Estádio Alvalade XXI (10 anos).

No que toca ao Sporting, houve de facto um grande negócio que foi a renegociação do contrato em vigor com a PPTV para os jogos até 2018 e publicidade do estádio, sendo que este último ponto foi adicionado ao contrato pois não fazia parte do contrato anterior.

Há ainda a suposta cláusula no contrato do Benfica com a NOS de aumento de 10% caso haja negociação dos rivais por valores superiores, contudo não sabemos se esta cláusula de facto é real.

Mas podemos perceber aqui que o FCP e o SCP se venderam por completo, à excepção do naming do Estádio, contudo, tendo a NOS e a Altice os direitos de Exploração Comercial de Espaços Publicitários dos Estádios, estes vão estar tão identificados com estas empresas que será difícil a negociação deste activo (Naming).

O Benfica deixou esta possibilidade em aberto para um potencial negócio e, já tinha o seu principal Sponsor nas camisolas (Fly Emirates).
Mas podemos concluir que se a Exploração Comercial de Espaços Publicitários dos Estádios rende em média 20M por ano, hipotecando 10 anos desta fonte de rendimento, são 200M que devem ser retirados aos 457M e 446M do FCP e SCP respectivamente, sobrando assim 257M no caso do Porto e 246M no caso do Sporting para as camisolas, Canal do clube e Direitos de TV.

Se tomarmos por base os 5M por ano que a PT pagava aos clubes pelo patrocínio nas camisolas e, se for o mesmo valor atribuído, retiramos 37,5M (7,5 anos) aos 257M que sobram no FCP e 62,5M (12,5!!! anos) aos 246M que sobram no SCP.

Agora para o Canal do Clube e direitos televisivos sobra 219,5M para o FCP e 183,5M para o SCP.

Assim chegamos à conclusão que os acordos para a exploração das mesmas coisas (Canal do Clube + Direitos TV) ficam como abaixo indicados:
Benfica: 400M
Porto: 219,5M
Sporting: 183,5M

A verdade dos números, essa não engana ninguém."

35 comentários:

  1. Saudações Benfiquistas,era o que eu pensava,e escrito por um sportinguista nada a acrescentar,só tenho pena deste senhor,pois o badochas com certeza lhe vai mover um processo disciplinar.
    Carrega Guachos
    Carrega Benfica

    ResponderEliminar
  2. É engraçado é como os valores de publicidade estática e virtual variam tanto por essa internet fora :) Já vi não os considerarem por acharem residuais, como também neste caso consideram-nos de 20 milhões por época. Já vi dizerem que essa venda impede naming dos estádios como já vi dizerem que não. E por aí fora.

    Sem considerar essa parte nos contratos dos adversários continuamos a ter o melhor contrato. Tem sido sempre a aumentar e dos 8 milhões por época à uma década atrás passámos para 40. Acho engraçado alguns falarem numa possivel clausula de o nosso contrato aumentar para 10% em relação aos rivais. A questão é que isso já acontece...

    Mas realmente tenho curiosidade em saber mais ou menos os valores que essa publicidade permite obter por ano. Talvez o grande José Albuquerque consiga decifrar este mistério :)

    ResponderEliminar
  3. Esta também não me convence, talvez o amigo José ajude a esclarecer estes negócios. Só "descascando" os 20M de Pub em fatias e conhecendo na integra os acordos feitos entre Clubes/operadores para perceber quais as rubricas que foram "hipotecadas" pelos rivais...

    ResponderEliminar
  4. Também vi esse comentário. Nada de errado quando se inverte a lógica dos cálculos só que há uma coisa que me causa impressão, embora perceba a ideia, os direitos de Exploração Comercial de Espaços Publicitários dos Estádios não rende em média 20M por ano para o Sporting e Porto. Serão 20M para o Benfica mas não para os outros dois que são inferiores, se me não engano 17M para o Porto e 14M para o Sporting, embora não esteja certo. A diferença não será significativa, 30M para o Porto e 60M para o Sporting, mas a ideia mantém-se.

    Depois há outro inconveniente, é que essa maneira de calcular não pode ser seguida na contabilidade já que não irão bater certo com os resultados apurados no futuro.

    Enquanto que um cálculo baseado nos números existentes, como eu fiz adicionando-lhe as parcelas que faltam aos proveitos das outras parcelas do Benfica mais facilmente serão confrontados no futuro com os números reais.

    Viva o Benfica

    ResponderEliminar
  5. « Fosga-se », caríssimo e grandíssimo amigo Guachos,

    Tenho estado bem caladinho e em reflexão pois por norma não gosto de me precipitar e dizer o primeiro disparate que vem à cabeça para parecer entendido nesta ou noutras áreas...

    Mas diria que é quase surreal que tenha sido surpreendido por uma análise perfeita sobre os contratos dos direitos televisivos, redigida precisamente por um membro dessa subespécie humana que dá pelo nome de Homo Nalgas!!!

    O mais « giro » e interessante da situação é que ele tem razão.

    O mundo está verdadeiramente de cabeça para baixo. É um membro da tribo dos Nalgas que explica correctamente aos pseudo-Benfiquistas, aos Flopategos, a todos os jornaleiros, a todos os comentadores de taberna das televisões e ao próprio Nalgas... a realidade dos números.

    P.S: Se fosse presidente propunha já uma troca: adquiria esse Nalgas para fazer de degrau no Estádio da Luz e... enviava como pagamento para o WC de alvalade umas centenas daqueles escritores de papel higiénico virtual que andam ocupados a declamar poesia sobre uns números estranhos que só existem na « mona » deles.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Homo Nalgas!!!!! Ahahahahahahahahhahahahahahahah

      Eliminar
  6. Uma análise muito bem feita, mas gostava muito que os companheiros José Albuquerque e Manuel comentassem o que o Guachos retirou do blog sportinguista, pois ao que percebo eles entendem e bem do que aqui se fala.

    Miguel

    ResponderEliminar
  7. A exploração dos espaços comerciais não dá nem de longe nem de perto 20M ano nem ao SLB muito menos aos outros 2. Outra questão é a o poder da marca, ou seja alguém tem duvidas que valemos no mínimo o dobro dos outros 2, então isto não entra nas contas. dizem que os outros venderam tudo, wc etc, pois bem então vendamos também nós os wc, ou será que temos poder para vender-mos em separado.Cada vez mais me convenço que negociámos mal, não quer dizer que não seja o melhor contrato dos 3, mas certamente não espelha as diferenças das marcas e isso é mau. Outra questão, então vendemos os direitos e ficamos com a publicidade estática, mas agora somos especialistas em vender publicidade, não me parece! Penso que o SLB deve exigir renegociar o contrato, se a NOS está interessada na Pub estática dos lags então tem que estar disposta a negociar a nossa, isso não é o nosso cor business, como tal devemos vêndela e aproveitamos o facto da nos já ter negociado com os lags e colocamos + x % sobre isso.
    O que me parece é que somos a locomotiva mas quem tira partido disso são os outros. Corruptos e lags estavam á beira da falência e nós somos uns beneméritos.

    Fico a aguardar os próximos passos do Benfica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico deveras satisfeito pela pluralidade existente no meu clube, o Glorioso Sport Lisboa Benfica!
      Mas ver este tipo de comentários tolda-me a vista!
      O caro blogueiro SLB1958 percebe aquilo que está a dizer? Tem know-how suficiente para opinar sobre este assunto? Ou só fala porque... Lhe apetece dizer qualquer coisa que seja do contra?
      Ainda não percebi se está contra a direcção ou contra a NOS por se ter "aproveitado" dos pacóvios que estão à frente da SAD. Sei que está contra algo.
      Mais uma vez, Ainda bem que temos esta liberdade de expressão! Mas vamos tentar perceber do que estamos a falar antes de lançarmos farpas a torto e a direito!
      Do que entendo sobre os negócios que vieram a público, o Maior ficou na frente porque "só" vendeu os anéis. Ainda temos dedos!

      Paulo M.

      Eliminar
  8. Agora e fazer bluf com a Nos que se esta a vender o publicidade estatica e o naming do estado com a meo e viceversa.

    ResponderEliminar
  9. Por acaso leio esse blog "camarote leonino" com alguma frequência porque me parecem verdadeiros sportinguistas.
    Mas o que eu lamento é que tenhamos de nos socorrer dos argumentos desse blog (que até estarão certos?! sei lá!) para explicar a tanto Benfiquista coisas que parecem o que não são.
    Ah, já agora, quanto à Nossa Equipa de Honra, só tenho um comentário: lastimável!

    PS: Não admito insultos, que não eram habituais neste excelente blogue.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  10. Durante o jantar em casa dos meus pais,(a sagrada reunião durante a quadra natalícia), o meu pai, ao houvir este super negócio do grunho do Lumiar saiu-se com uma que define ao pormenor o que se está a passar :
    -O Benfica venceu um par de luvas
    -Os corruptos venderam o par de luvas, mais os anéis.
    -As osgas venderam o par de luvas, os anéis e 9 dedos, sobrando somente um para se puderem cossar
    o orifício anal, caso haja necessidade....o que me vai parecer bastante óbvio......

    ResponderEliminar
  11. Onde é que vocês foram buscar esses valor dos 20 milhões pelos direitos de Exploração Comercial de Espaços Publicitários no Estádio da Luz?

    Porque segundo o R&C 14/15 a rubrica patrocinios e publicidade era de 20 Milhões.
    Portanto é preciso tirar pelo menos os patrocínios todos. E depois provavelmente algum valor respectivo a outro tipo de publicidade que não seja a dos espaços publicitários no estádio.

    Mesmo que o valor dos direitos de Exploração Comercial de Espaços Publicitários dos Estádios aumente, continuo sem perceber onde é que foram desencantar esse numero dos 20 Milhões.

    ResponderEliminar
  12. Continuo a pensar que os únicos contratos comparáveis são os dos corruptos e dos batráquios e claramente os corruptos ficam a ganhar, uma vez que em valor absoluto o contato MEO/Altice é superior e a duração é menor.
    Relativamente ao SL Benfica fez um bom contrato e se continuarmos a ter sucesso desportivo poderemos facilmente estabelecer novas parcerias com empresas internacionais, enquanto que os outros se limitam a ter parceiros nacionais.

    ResponderEliminar
  13. Mais uma pergunta... o valor que a MEO vai pagar pelo Canal Porto... é todo para o clube? Ou os co-proprietários actuais do canal vão receber metade?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Troza

      O porto Canal é 100% do grupo FC Porto. Eles compraram tudo este ano. Aliás já vem a 100% na consolidação da época 2014/15.

      mg

      Eliminar
  14. Companheiros,

    Embora compreenda os apelos que me fazem para tentar "comparar" estes contratos, repito que isso me é impossível, uma vez que só li um deles e, quanto a esse, já aqui escrevi profusamente, nomeadamente alertando para que ele "vale" algo mais que os 400M€ garantidos.

    Com tudo o que já se escreveu sobre este tema, creio que há várias conclusões que podemos retirar, a saber:
    1 - embora o Glorioso tenha um melhor contrato (e sem o risco da excessiva concentração num só Sponsor), é claro que as diferenças de valor não fazem justiça à Nossa diferença para esses dois clubecos, que conseguiram, com a Nossa ajuda involuntária, safar-se muitíssimo bem;
    2 - uma vez mais e como o Guachos bem sublinhou, o Nosso Clube confirma ser a "locomotiva" de todo o fenómeno desportivo em Portugal e do futebol em particular, questão que eu espero venha a ser reconhecida por todas as instituições a ele ligadas e, especificamente, que justifica um comportamento sério e respeitoso pela parte da BOIADA;
    3 - este mês de dezembro de 2015 decretou o fim do POLVO que determinou o futeluso na primeira década deste milénio e na anterior; podem tentar substituir esse POLVO por outro, mas o controlo brutal detido pelo mamão chupista, que tinha nas suas patas um garrote financeiro sobre tudo e todos, esse morreu e é irrecuperável;
    4 - indiscutivelmente e por mais que possamos lamentar a ajuda que demos aos inimigos (cuja única preocupação parece continuar a ser manipular números para simular uma grandeza comparativa que sabem não ter), a Nossa Parceria com a NOS constitui um instrumento estruturante capaz de gerar muito mais valor do que o instrumento (BTV2) que veio substituir; a partir de julho próximo e mais uma vez, cabe-Nos a Nós concretizar essa proposta de valor e "obrigar" a NOS a congratular-se por ter um contrato com prémios suficientes para corrigir a "injustiça" que praticou com o que pagou (muito menos) às osgas pela transmissão dos seus jogos e por aquela espécie de televisão (ahahahah) e, finalmente, cabe ao CA da SAD transformar este valor adicional em desenvolvimento e crescimento para a Nossa Marca e o Nosso Clube.

    Eu sei que seria pedir demasiado, mas conviria que aqueles Companheiros que vivem condicionados pelo seu anti-Vieirismo primário, considerassem esta Parceria com a NOS não como uma "obra do orelhas" que há que descascar, valendo tudo, para tentarem viabilizar uma alternativa eleitoral de que não dispõem, para passarem a considerá-la como o que ela verdadeiramente é: Mais uma Enorme Vitória do Glorioso, ela própria sintoma das próximas que já se anunciam.

    Boas Entradas para todos e

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela serenidade de sempre. E tanta falta que ela faz!

      Eliminar
    2. Este negócio das transmissões dos jogos, foi um respirar de alívio para as osgas e corruptos, mas principalmente para o nalgas. Sem fazer nada para isso, caiu-lhe nos braços um bom patrocinador que lhe comprou os anéis todos, os dedos e as hemorróidas.

      Eliminar
  15. Ora Boas, companheiros. Não sendo, nem de perto nem de longe, um expert nesta matéria, gostava de responder as questões que o colega SLB1958 levantou.
    Compreendendo que a venda de publicidade não é o nosso core business, tenho a convicção de que o temos feito de forma competente, e o pensar e agir out-of-the-box tem-nos dado frutos. Não haverá melhor exemplo que a BTV, visto a produção e difusão de conteúdos audio visuais não ser, de todo, o nosso core business também. Além disso entendo que adicionar um intermediario, que produz zero, entre os potenciais clientes e o SLB dificilmente nos trará vantagem. Se nos oferecerem 20 é porque esperam vender por 25..e por aí em diante. Assim sendo acredito que a estratégia da direccao, da separacão das aguas na elaboracão do contrato para a cedência dos direitos de transmissão foi acertada e estou convicto que o futuro lhes dará razão. Para terminar deixar um abraço ao carissimo Guachos bem como a todos os que aqui diariamente comentam. Ajudam este benfiquista, a viver na Malásia, a deixar a chama Benfiquista bem acesa.

    Um abraço,

    Tiago R

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Suponho que a publicidade nos jogos(estática?) não pertencia à BTV, mas sim à Sad(?!), por isso não entrou no negócio.

      Eliminar
  16. E pumba na Irina!!! Mais 25% que o segundo melhor contrato...

    Advinha-se uma digestão difícil dos talibans. Creio que nem com uma tonelada de mostarda e demais condimentos conseguirão comer tanto boné atirado ao ar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deixa assentar a poeira! ainda é cedo para acreditarmos em tudo. Os nossos adversários também se devem ter protegigo contra alguma alteração.

      Eliminar
    2. Não o creio, caro ALM,

      No caso tanto da NOS como da MEO e depois do acordo realizado connosco seria impossível colocarem uma nova cláusula similar nesses acordos...

      Essa é vantagem de negociar em primeiro lugar. Uma nova cláusula geraria um ciclo ininterrupto e interminável. Por ex: Benfica mais 25% e eles mais 10% que o Benfica. Um aumentava, o outro aumentava e assim sucessivamente sem fim. Na NOS ninguém se quer suicidar e na MEO de certeza que nunca avançariam para uma situação assim sem se precaverem do imbróglio em que se iriam meter.

      Acredita existindo a cláusula como parece haver, é um bigode total e completo de LFV na concorrência e em todos os antis.

      Eliminar
  17. BENFIQUISTA, se és assinante da MEO ou NOS estás a contribuir para o patrocínio das camisolas dos dragartos.

    Subscreve Vodafone ou Cabovisão, deixa os dragartos provarem a sua grandeza.

    ResponderEliminar
  18. Caros

    A renegociação dos contrato com a PPTV foi um grande negócio. Onde? Nada mais falso.
    Passo a explicar:
    Pelo que foi diviguldado, a renegociação para as 3 épocas desportivas até 2018, incluindo esta, vale 69 M (515-446). Ou seja 23 M por ano.
    O contrato em vigor que a lagartagem tinha era de 108 M por 5 épocas até 2018 (http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR29255.pdf) ou seja, 21,6 M por cada ano em média. No entanto o valor a receber em cada ano é crescente (aumenta cerca de 1M por ano até prefazer 108M, isto pode ser verificado nos relatórios e contas das osgas). Pelas minhas contas receberiam nestes 3 últimos anos 67,5M (21,5+22,5+23,5). Digam-me lá então onde está o fantástico negócio de fazer uma renegociação de 67,5 para 69 M.
    Isto foi apenas propaganda para atirar areia para os olhos dos lagartos, para tentar fazer com que o negócio que fizeram com a NOS, que não sendo mau, é muito inferior ao do Benfica e até inferior ao do Porto.

    Discordo também dos valores que são referidos para a publicidade estática nos estádios. Nem de perto nem de longe se aproximam dos 20 M por época (basta ler os relatórios e contas dos 3 clubes para perceber isso). Basta ver que o clube que apresentou as melhores receitas em publicidade na época passada foi o Benfica, 20M (inclui tudo, até a publicidade nas camisolas) 13M para os corruptos e 10M para as osgas.
    Aquilo que temos de perceber, é saber que publicidade é que foi vendida à NOS (Sporting) e MEO (Porto).
    Na minha modesta opinião o que foi vendido foi exatamente aquilo que os clubes tinham anteriormente vendido à PPTV e PT (contartos das camisolas). Explico:
    No contrato dos direitos televisivos com a PPTV estava incluída a chamada publicidade de primeira linha (os paineis à volta do campo). Penso que agora é igual com a NOS e a MEO (no caso do Benfica essa publicidade não foi vendida à NOS). Pelos relatórios e contas essa publicidade não deve valer mais 2,5 a 3M no caso do Benfica, 1,5 a 2M no caso dos outros) por ano.
    Os anteriores contratos que os lagartos e os corruptos tinham com a PT para a publicidade nas camisolas, incluia a publicidade em 2 bancadas dos seus estádios. Penso que agora deve ser igual. O Benfica tem apenas 1 bancada incluida no contrato com a Emirates.
    Dito isto, não há qualquer dúvida que o negócio do Benfica é o melhor de todos.

    Saudações Benfiquistas
    MG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MG, quase correcto. Não houve nenhuma renegociação.
      Eles receberam 39 milhões e faltam 69 do contrato de 108 milhões.
      Receberam 9 adiantados, em 10/11, 11/12 e 12/13. E depois 15 em cada uma das épocas seguintes.

      Eliminar
    2. Eles já receberam foi a "massa" toda do contrato com a olivedesportos, através de financeiras.
      Amart

      Eliminar
  19. Mais algumas questões a ter em conta sobre esta questão dos contratos. Tendo todos nós a certeza que a marca Benfica vale muito mais que as outras, sabendo nós que os outros 2 clubezecos estavam a passar um mau bocado (porto falava-se em ordenados em atrazo e sportem dificuldades várias, doyen etc), gostaria de saber a razão de negociar agora este contrato e as vantagens que dai advém.
    Gostaria de lembrar que nem sportem nem porto tiveram capacidade de negociar a sponsorização dos seus trapos, o que diz muito sobre o seu (deles) valor. O que acontece é que com este avanço do Benfica permitiu-lhes resolver também este assunto. Portanto a não ser por uma absoluta necessidade de vender já, não encontro explicação para este negócio ser feito desta forma, não digo que sou contra, apenas não vejo qual a vantagem.
    Gostaria de ver este assunto discutido por quem possa estar mais por dentro do assunto, e uma ultima nota, parece que já fui acusado de anti Vieira por alguns, aproveito para informar que não o sou, agora permitam-me dar a minha opinião e se essa opinião não vai de encontro aquilo que outros pensam, bom, a isso custuma chamar-se pensar pela nossa cabeça e viver em democracia, defender o Benfica não será certamente termos todos a mesma opinião, é aliás isso uma das coisas que nos distingue dos outros.

    ResponderEliminar
  20. ALTICE no país das maravilhas"

    Interessante esta "guerra" entre a NOS e a MEO pelos conteúdos desportivos Nacionais que irão determinar quem será o Operador que vai dominar o mercado de assinantes televisivos nos próximos 12,5 anos.

    Mais interessante é que o Grupo Altice, dono da PT/MEO, começa a ter alguns problemas financeiros e a ser acusada de ser uma enorme "Dona Branca" das Comunicações...

    Interessante também, depois da NOS ter assegurado o Contrato com o Sporting, como é que a MEO irá transmitir os jogos do FCP. Tendo a NOS assegurado desde já o Benfica, o Sporting, a Champions League, Liga Inglesa, Francesa, Alemã, Espanhola e Italiana, vai ser giro ver como é que a MEO irá vender o Canal Porto isolado, sabendo que Benfica e Sporting têm a maioria de assinantes/apoiantes. Atendendo ao número de espanhóis no Clube corrupto talvez os jogos sejam transmitidos na TV Espanhola

    Com a assinatura com o Sporting a NOS deu um passo enorme para dominar este negócio para os próximos 12,5 anos e ironia das ironias....o Benfica e o "ceporte" ficam romanticamente juntinhos no mesmo canal.
    smile emoticon

    Muito giro também é ver todos aqueles tristes Lagartos que fizeram figurinha de otário aquando do anúncio do acordo Benfica-NOS e cancelaram as respectivas assinaturas com a NOS e que estão agora todos em fila á porta das lojas NOS á espera de reactivar os antigos contratos com a NOS sem perder as regalias adquiridas

    ResponderEliminar
  21. Penso que é mais que claro que o Benfica fez o melhor contracto até ao momento.

    E mais , é um contracto por 3 ANOS +1+1+1+1+1+1+1 até perfazer 10 anos.
    O que deixa a porta aberta para que em 2018 o contracto seja renegociado por valores superiores e assim sucessivamente a cada ano até aos 10 anos de duração assinada enquanto que os adversários ficam presos a um valor por 10 anos a começar em 2018.

    Mais , o Benfica deixa a porta aberta para a negociação de tudo o resto , desde camisolas a naming do Estádio , a publicidades diversas , algo que pode facilmente e em 10 anos quase duplicar o valor total do negócio NOS.
    Obviamente é algo que acarreta algum risco e só correrá bem se conseguirmos aliar Sponsors muito bons , como o caso da Emirates a bons desempenhos desportivos.

    Fala-se em clausulas de salvaguarde de até 25% de valores contratados pelos adversários , espero que a direcção do Benfica tenha tido a prudência em salvaguardar-se tal como outros fazem...:
    O que não é habito , vide caso JJ e MAXI entre outros onde essas clausulas de salvaguarda não existiam...

    Pelo que está para já apurado creio que facilmente se chega á conclusão que o Benfica tem tudo para conseguir um bolo total que será nunca menos do DOBRO do melhor contracto dos adversários.

    ResponderEliminar
  22. É bater mais no ceguinho mas ainda falta deduzir uma parcela aos valores dos outros dois.
    Os direitos + transmissão do canal do clube só rendem a partir de 2018, pelo que os valores respectivos têm que ser actualizados (isto é, descontados) para valores de 2016.
    Se usares uma taxa de 6% (generosa para clubes doutra dimensão que não a do Maior), os valores baixam para €195,4M e €163,3M.
    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  23. Ainda vamos ver na página do Burro de Carvalho um comunicado a dar conta de que o "naming" do estádio foi vendido ao Mark Zuckerberg e vai passar a chamar-se "Facebook Arena".
    Saudações Gloriosas! SLB4EVER

    ResponderEliminar
  24. Contas tão mal feitas. Então onde está contabilizado o enorme esforço que o Benfica fez para chegar a este contrato e que não foi feito pelos outro? eativeram sem receber e a investir na BTV. E alienaram um activo, a BTV com 300 000 assinantes e isto não é contabilizado pela sumidade que atribui 20Mio a publicidade do estádio? Isto é que é saber fazer contas.

    ResponderEliminar
  25. Contas mal feitas.
    Da época 2015/16 á 2027/28, só em DireitosTV, PublicidadeEstática, CanalClube, SponsorPrincipal, os grandes vão ter as receitas garantidas/potenciais seguintes :
    GARANTIDO POTENCIAL
    SLB 645 850 +205
    FCP 550 (85% SLB) 620 (73% SLB) + 70
    SCP 515 (80% SLB) 515 (60% SLB) + 0

    jap

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.