quarta-feira, 13 de abril de 2016

Orgulho benfiquista.


Grande Benfica. Orgulho imenso nesta rapaziada. Rui Vitória galáctico e um filho da puta de apito na boca. Próximo sorteio da Champions; Bayern-Atlético Madrid Manchester City-Real Madrid.

19 comentários:

  1. Enormes estes rapazes!
    Enchem-me de orgulho.
    É isto. É Benfica!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  2. Deu para sonhar e babar de orgulho!

    Viva o MAIOR..Benfica!!

    ResponderEliminar
  3. Também aposto nesse sorteio! E PPLURIBUS UNUM.

    ResponderEliminar
  4. Quantos golos e assistências valem juntos MITRO- JONAS-GAITAN?
    Somem-lhe o penalty q ficou por marcar na Alemanha,com o amarelo perdoado ao chileno,q não jogaria em Lisboa,com os empurrõezinhos desta noite do holandês e...
    Ao comentador filho da puta da rtporca q disse q o chileno "gostava muito" do BENFICA,pergunto-lhe onde estava o gosto dele quando jogava na Juventus?

    VIVA O GLORIOSO S L BENFICA!!!!!!!!!

    red wings

    ResponderEliminar
  5. Saudações Benfiquistas,ORGULHOSO!
    Carrega Guachos
    Carrega Benfica!!
    ps:

    ResponderEliminar
  6. Grande jogo, grande postura e atitude, estamos a construir um "dream team" como eu já previra há 2 anos.
    Dentro de 2 no máximo 3 anos somos campeões da Europa. Assim consigamos manter os mais jovens e resistir aos tubarões.
    Senão não.

    ResponderEliminar
  7. Mais uma vez , grande orgulho!

    Viva o Benfica!!!

    ResponderEliminar
  8. Enormes. Magnífico.
    Fizemos tremer o bundesbank (À atenção do António Costa).
    Estou também rendido ao Guardiola. Um senhor. Se calhar com nível a mais para os alemães.
    Vamos ao 35. Com tudo. Com todos.

    CARREGA BENFICA!

    P.S. Eu amo o Benfica!

    ResponderEliminar
  9. Bravos rapazes! Honraram os ases que nos honraram o passado.
    Público, jogadores e técnicos tremendos. Que grande noite de futebol.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  10. Que orgulho voltei a viver momentos a antiga,agora acrescento Guachos nao um filho de .pt@ de apito na boca mas sim dois um la e outro ca ajudaram-nos a empurrar pela borda fora o Bayern ja de si e dificil mas com arbitros destes a tramar as equipas Portuguesas nao vamos la.
    Hoje como sempre me envaideco de pertencer a este glorioso clube mas o Benfica hoje vio como se faz circular uma bola com toques a primeira e certinhos temos que aprender e corrigir a nao errar tantos passes,respondendo ao amigo e companheiro Manuel para o nosso Benfica voltar a ser campeao europeu tem que parar de todos os anos estar a vender os melhores assim nao vamos la Manuel ouço que o Renato ja nao passa deste verao assim e dificil voltarmos a erguer aquele caneco,um dia se estancarmos em vez de vender os melhores se os compramos asim temos um Benfica acredito num Benfica campeao europeu a curto prazo.
    Ps. Confesso que foi um dos jogos em que nao ganhamos nao me sinto triste o Benfica bateu-se com o todo poderoso Bayern com uma galhardia so ao alcanse das grandes equipas,agora ficamos com o caminho desbravado rumo ao 35 o nosso adversario por aquilo que vio hoje deve ter ficado todo borrado e vai passar noites em claro.

    ResponderEliminar
  11. Não sendo seguramente dos mais velhos adeptos do Glorioso, mas factualmente dos sócios mais antigos, eu, que vi as equipas de Eusébio e de Chalana, não gostando particularmente de vitórias morais, procuro que a emoção não me tolha a lucidez e por isso para além de concordar com a opinião do Manuel, não posso deixar de dizer o enorme orgulho que sinto na excepção de uma derrota na eliminatória saber a vitória porque é o rumo do futuro breve.
    Carrega Benfica

    ResponderEliminar
  12. Não me lembro de ter saído da Luz tão bem disposto com uma eliminação do Benfica nunca (e espero nunca mais sair contente com um resultado que não seja um apuramento do Benfica). Mas quem esteve lá ontem sabe de que falo. A noite de futebol a que assistimos foi um privilégio porque para os que gostam de futebol de verdade foi uma benção poder ver o Bayern do Guardiola jogar. Mas jogar contra uma equipa que, não dispondo dos mesmos argumentos em teoria, disputou o jogo de igual para igual e obrigou os alemães a ter que se empenhar a sério. Outros em Portugal teriam a possibilidade de ver o Bayern meter-lhes sete, mas não de ver esta luta. Que aliás só não foi mais renhida porque ficou um pénalti por apitar lá, uma expulsão cá e é a estupida regra que não deixa que joguem os melhores sempre impediu que o fizesse o Jonas (mas não o Vidal). Para quando os senhores da UEFA começarão a respeitar os adeptos e acabam com essa regra estupida que nos impede de ver os melhores em campo (e de passo beneficiam as equipas com mais recursos)?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro RDS,

      A tua (nossa) boa disposição não é só devida ao jogo de ontem.
      É fundamentalmente devida a todos os sucessos que paulatinamente nos últimos 12 anos temos vindo a acumular, ano após ano cada vez com maior frequência, que, inevitavelmente, e como muito bem escreve o Alma, redundará num futuro breve de vitória.

      CARREGA BENFICA!

      Eliminar
  13. Se não há vitórias morais, há, pelo menos, derrotas honrosas. E esta foi um delas. A equipa sai psicologicamente mais forte desta eliminatória, pois fomos dos poucos que batemos o pé ao poderoso Bayern.
    E agora... todos juntos rumo ao 35!!

    ResponderEliminar
  14. Foi bonito, belo, deslumbrante o ambiente que se viveu ontem no EStádio da Luz. Um belo jogo de futebol, onde o querer e ambição de uns, disfarçou, e bem, a maior qualidade de outros.

    Mas, e infelizmente há sempre um mas, temos de nos focar e voltar à liga pestilenta que disputamos.

    Ontem, em mais uma tentativa mesquinha de desestabilização, o zézinho dos croquetes - aquele que se não fosse um ser rastejante, depois do episódio Marco Silva, nunca mais abriria a bocarra - regressou com mais um não assunto da infindável agenda da gosma verde. Nem me vou dar ao trabalho de escrever sobre tal. Em frente.

    Aquilo que me causa alguma estranheza/perturbação é o facto de estes mentecaptos não perceberem o mal que fazem ao futebol português em geral, e, em últíma instância, ao próprio zbording. Não seria altura das entidades competentes colocarem um ponto final em todo este lamaçal que os acólitos do trinca bolotas tornaram o futebol português??

    O que é que vai ser preciso fazerem para alguém dizer basta e colocar estes arruaceiros no lugar?? Que imagem é que isto dá do nosso futebol para possíveis investidores além fronteiras apostarem no nosso futebol??

    Mais do que nunca, é vital vencermos este campeonato. Será um chapadão de luva branca para muita gente e a prova de que se pode estar no futebol de forma correcta e cordial e, ao mesmo tempo, VENCER !!!

    Uma vitória do zbording, pelas razões óbvias, seria mau. Mas pior ainda, seria o que ela significa. A vitória do jogo sujo, da baixeza, da falta de nível, do não olhar a meios para alcançar os fins.

    Por favor Benfica, DÁ-ME O 35 !!!!

    ResponderEliminar
  15. Por partes

    Bayern de Munique; o respeito que tenho por esta instituição, é proporcional ao quanto desgosto da mesma. Muito.
    Por isto mesmo fico satisfeito por ver sair o Guardiola. Um dos meus jogadores favoritos de todos os tempos, para mim o melhor treinador do mundo, e um senhor. Um grande senhor.
    Jogam muito estes Alemães. Ontem, num jogo em que deram tudo o que têm, em que mostraram tudo o que sabem, que ninguém duvide, eu estive lá e vi, deu para perceber isto mesmo. Jogam muito estes Alemães.

    E nós também. Nós também jogamos muito. Só um bocadinho menos do que eles.
    Falta-nos só um bocadinho mais de qualidade no plantel, que já a tivemos, um bocadinho mais de tempo com o Rui Vitória, um treinador a sério, e um bocadinho mais de experiência destas andanças, um bocadinho mais de habituação a estes jogos, que nos permita acreditar um bocadinho mais, por vermos dentro de campo que eles são homens como nós, que suam como nós, que se cansam como nós, que sangram como nós, sendo que nós queremos muito mais do que eles.

    E é esta a essência do Benfica. Não nos podemos voltar a esquecer disto.
    É para estes jogos que estamos talhados, foi nesta competição que nos tornamos enormes, e é nesta competição que temos que ganhar. É este o nosso lugar, e tem que ser este o nosso legado.
    Portugal é pequeno demais para os nossos sonhos. Ontem a catedral pegou fogo, como não acontecia há décadas.
    Não porque lá estava o Bayern. Não porque queríamos perder por poucos. Mas porque acreditámos. Porque nos fizeram acreditar. Porque queríamos ganhar, e porque agora sabemos que vamos voltar a ganhar. Contra o Bayern, contra o Real, contra o Barça, contra o Inter, contra quem for, nós vamos voltar a ganhar.

    Não podemos voltar a cair nas tentações de falsos profetas, que a única coisa que têm para nos oferecer é a pequenês tacanha, a pequenês provinciana, a pequenês pacóvia, ou ainda pior, a pequenês sportinguista.
    A pequenês de quem não perde porque nem sequer chega a tentar. A pequenês de quem acha que não vale a pena. A pequenês de quem se contenta por ser o melhor da rua dele.
    A pequenês de quem não percebe nem pode perceber. Nem que treinasse o Benfica 60 anos.

    Mas agora temos um treinador a sério. Um treinador que não só percebe como sente. E ainda mais importante do que isto, um treinador que sabe e que quer. Que quer ganhar.
    Não o título de maior lá da terra dele, mas ganhar o mundo. Porque o mundo é o seu palco. E é o nosso palco.

    Em conjunto com o nosso presidente, que vai anunciar como grande objectivo desportivo do seu próximo mandato a conquista do título de campeão Europeu, não tenho quaisquer dúvidas, e em conjunto com uma massa adepta que sente novamente o que é ser Benfiquista, e que como tal acredita, nós vamos voar.
    Vamos voar nas asas de uma águia e conquistar a glória.

    Eis o Benfica.



    Mas agora, com os pés bem assentes na terra, com todo o respeito e humildade, que venha o próximo. E o próximo é o adversário mais difícil que vamos ter pela frente, o Vitória que vem de Setúbal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade q têm 1 pouco + qualidade de jogo do q nós, mas essa qualidade foi mt bem compensada c/ o querer dos jogadores impulsionados pelos Enormes Adeptos do Benfica.

      O q desequilibrou, de facto, foram 2 arbitragens ver-go-nho-sas... e, sobretudo, se eles são tão bons, têm tantos milhões, pq é q precisaram dos árbitros?
      FranciscoB

      Eliminar
  16. Manuel Afonso

    Parabéns pelo belo comentário.
    À Benfica. Parabéns mesmo.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.