quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Mas caputa de cambada!

Há anos que eu digo, redigo e volto a dizer; o Benfica faz vender infinitamente mais quando não ganha! E se perder, é um ver se te avias "distribuindo" a trampa que (quase) todos parecem carecer de comprar. As TV's entram em colapso colectivo, com os especialistas atropelando-se entre si, cada um querendo decretar a crise de maiores proporções. Um empate é cantado como uma terrível desgraça, a derrota é vitoriada como o esperado - e desejado - apocalipse e, um a seguir ao outro resultam numa histeria colectiva que só tem paralelo com uma qualquer derrota gloriosa dos lagartos no Santiago Berbabéu. Imaginem que o Gelson Martins marcava, na Champions, um golo igual ao que marcou ontem Gonçalo Guedes. Se três ou quatro corridas deram à luz  um «novo Garrincha», fica até fácil imaginar o nascer de um «novo Pelé»...

Foi uma bela noite para os franco-atiradores e para os mastins, de faca na liga. Até o vasco saiu do cu onde foi procurar os pontos perdidos em Vila de Conde para voltar a encher a minha caixa do lixo. Há gentalha assim, que só se realiza com o mal dos outros. Mas nem tudo é mau. Serve na perfeição para separar o trigo do joio.

Diz que é uma espécie de treinador...
Ontem, antes de mandar para canto toda a trampa e a euforia que grasnava nas televisões, ainda fui a tempo de ouvir o comentador rui águas. A palavra que mais utilizou foi o ''descalabro''. O tipo que cagou no Benfica - e na gloriosa história do seu Pai - para assinar pelos corruptos de Contumil, onde aliás foi sempre enxovalhado (pássaros do sul) como merecia, pareceu ter engolido um descalabro. Descalabro para aqui, descalabro para ali, e dali não saía. É preciso lembrar que esta espécie de treinador ainda na época passada dizia, com ar de quem domina o 'metier', que o Jonas não teria lugar no "esquema" do Benfica. É preciso lembrar que esta espécie de treinador só no mercado africano ainda tem quem lhe pegue. Mas se nos lembrarmos que este moço esteve nos 7-1 dos lagartos ao Benfica, talvez se perceba melhor de onde lhe vem a procura intensa e a obsessão de qualifcar um descalabro...

O Barcelona livrou-se à justa de um mau resultado. O Manchester City teve o primeiro (meio desaire) da época e o Bayern foi amassado no Vicente Caldeirão - onde o Benfica passou com distinção na época passada - livrando-se de um castigo maior por força do falhanço de Griezmann, na execução de uma grande penalidade. Acaso Ancelotti e Guardiola passaram a ser maus treinadores ou o Bayern e o City se transformaram no saco de pancada da imprensa inglesa e alemã?

As parangonas de hoje são um verdadeiro nojo! "CHOQUE" - "OITCHO MINUTOS DE TERROR" - "À BEIRA DO ABISMO"...
Guarda-las-ei para memória futura, até porque me parece que brevemente vamos poder compará-las com outros resultados semelhantes...Mas caputa de cambada!

E por falar em cambada...
A convocatória do seleccionador, sem nenhum futebolista do Benfica, quando nunca como agora - desde há largos anos - o Tricampeão Nacional tem tantos jogadores portugueses no 11 inicial e no plantel, só me dá mais força para, primeiro continuar a defender o Benfica até me doerem as falangetas, e depois, desprezar cada vez mais essa cambada de vendidos.

29 comentários:

  1. Obviamente que nao fico contente com derrotas, muito menos por 4 golos...O que me deixa ainda mais mal disposto é a propria nacao benfiquista criticar jogadores, treinadores, presidente e direcçao à primeira derrota, nos momentos menos bons. Quando pedem que a nossa estrutura( jogadores e treinadores inclyidos) sintam a mistica, a garra do povo, esquecem eles proprios do que isso significa, esquecem eles proprios que tambémm nos, adeptos, temos de a sentir, temos de apoiar e fazer levantar a moral. Somos nos que temos o papel de fazer sentir aos jogadores esses mesmos valores, essa garra que é de todos nos! Isso é que é a mística, esse é o nosso poder. Isso nao quer dizer que cada um de nos nao possa criticar ou propor novas ideias. Nao quer dizer que tenhamos de gostar do treinador, do presidente ou de todos os jogadores! Só penso que a maior vergonha que sinto nao sao os 4 golos sofridos mas sim os benfiquistas que eles proprios fazem um papel pior que os nossos proprios adversarios. Isso sim devia ser uma humilhaçao. Perder todos perdem, ate o barça perde por 4 se as coisas correm mal, a questao é no proximo jogo fazermos passar à equipa que estamos com eles e so for preciso entramos em campo para carrega los as costas.. Nao nos é pedido muito enquanto adeptos...apoiar o nosso Glorioso rumo as vitorias mesmo quando estas parecam impossiveis.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Companheiro Diogo Cordeiro,

      Obrigado.

      Viva o Benfica!
      (José Albuquerque)

      Eliminar
    2. A derrota nao foi por 4 golos, foi por 2 (DOIS) golos, que é a diferença no marcador.

      Será que se o resultado fosse 2-0 seria um terror? E se fosse 10-8, seria uma sinfonia de futebol ofensivo? A comunicação social precisa destes "descalabros" para tentar semear a discórdia e a desconfiança, mas a vida continua, assim como continuou quando com outro treinador perdemos por 4-1 em Liverpool.

      Há adeptos que só são do Benfica nas vitórias, e só apoiam quando se ganha, por isso é que no Domingo lá estarei, dê por onde der, para apoiar a minha família, assim como o fizeram os que estavam no estádio em Nápoles, cantando e aplaudindo os jogadores, não obstante ser patente que não estávamos a fazer um bom jogo. E foi isso apenas que aconteceu, um jogo.

      Viva o Benfica!!

      Eliminar
    3. Essa derrota de 4-1 com o Liverpool, lembro-me muito bem, foi o JJ que levou uma banho táctico do Benitez. Do Benitez, gente!!!

      Ontem não foi uma vitória da táctica, o RV só pecou na escolha do guarda redes para este específico jogo (não me refiro à qualidade). A teoria estava certa, mas por vezes não funcjona na prática! Acontece, é andar para a frente!

      Eliminar
    4. perder contra o Benítez devia envergonhar qualquer um ;)

      Eliminar
  2. Caputa dantena 1. " o Benfica foi goleado por 4-2. E Portugal perdeu em futsal, por 5-2, com a Argentina." É desta merdosa gentalha que a CS está cheia. Mas cá estamos, para contar como vai ser no fim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa antena 1 está infestada de Dragartos,transmitem desejos e não informação, para esses jornaleiros de toda a CS, a minha sigla: fiquem bem seus GFDP.

      Eliminar
    2. Benfica FM, preciza-se com urgência. Carrega S.L.B.

      Eliminar
  3. Saudações Benfiquistas!!!!
    Sempre mandas a setas para acertar no alvo e desta feita não foi diferente,é sempre uma orgia de comentários faustosos do caos que se aproxima do Glorioso,cada vez que empata ou perde é o delírio dos carneiros e afins (clube da fruta que só conta para o totobola),mas já estamos habituados a esta Me#dia,no dia anterior,o clube da fruta perdeu aonde nunca ganhou(UK),num grupo que é considerado ser da Liga Europa,e tem os mesmo pontos que o Benfica,mas desgraça é só o Benfica,clube da fruta está bem e recomenda-se,lolopetegui ri-se,gostava de saber se já lhe pagaram,nos carneiros,esses são os maiores,nem precisam de ganhar mais nenhum jogo,a exibição dos oitchencha e oitcho dá para delírio durante duas décadas,o das bost é o maior,melhor arranque que o cotevaladas,só não percebo porque a juve foi gastar 90 milhões no higuain quando tinha este monstro por menos dinheiro,lá está o olho do melhor olheiro do mundo.
    Quanto à selecção,o normal,uns estão aleijados são convocados,outros que estão aptos,estão no banco e não há ritmo de jogo,só tenho pena do Renato Sanches (nem do banco deve sair) esteja ali,senão era a desejar o pior possível,P Q os P !!!!

    Carrega Guachos!!!!
    Carrega Benfica!!!!

    ResponderEliminar
  4. No caso da convocação da selecção , é uma Bênção não ir ninguém....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De acordo. Em Dezembro Janeiro, lagartos e porcos vão começar a cair que nem tordos,
      ou se não for antes, pois não estão habituados a jogar 2 x semana.

      Eliminar
  5. Meu Bom Amigo e Companheiro Guachos,

    A mérdi@ "des_portiva" nacional continua o mesmo desastre dos tempos do POLVO: foram muitos anos a utilizarem a consciência como tu e eu usamos papel higiénico, com a diferença que nós deitamos fora o papel e eles têm de reutilisar.
    Obviamente, aquela coisa está muito cagada (ahahah) e mal tratada.

    Quanto ao senhor engenheiro, eu até lhe agradeço que não convoque nenhum dos Nossos, mas vou continuar a ignorar aquele grupo excursionista, enquanto por lá andarem uns certos especímens.

    Viva o Benfica!
    (José Albuquerque)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também os ignoro, como bem sabes, mas a questão não é essa, como tão bem sabes.
      A questão é a afronta - não posso olhar para isto de outra forma - ao Benfica e aos seus adeptos.
      Antes a desculpa é que não tínhamos portugueses no 11. E agora qual é? Não prestam os jogadores do tricampeão nacional? FDGP.

      Eliminar
  6. Tens toda a razão.

    Quanto à selecção, ainda bem, pelo menos não se lesionam ao seu serviço.

    Miguel

    ResponderEliminar
  7. Tens toda a razão.

    Quanto à selecção, ainda bem, pelo menos não se lesionam ao seu serviço.

    Miguel

    ResponderEliminar
  8. ...meu caro,permite-me:...(votei Filipe Vieira(sempre),e vou votar Filipe Vieira)...para dizer,(escrever),que uma das poucas coisas que me incomoda, é o "nosso?,meu"Presidente nos inícios de cada época correr a dar entrevistas a ESTA MERDA DE JORNAIS...confesso que ainda não alcancei qual o motivo para que tal aconteça..BENFIQUISTAS como tu, eu, e milhões,certamente ficamos um pouco incomodados com tal atitude,meu caro,uma vez mais és oportuno num tema que merece reflexão dos dirigentes do BENFICA....ATÉ QUANDO VÃO PERMITIR ESTA VERGONHA,ESTE PERMANENTE ENXOVALHO AO GLORIOSO E TRI-CAMPEÃO NACIONAL SPORT LISBOA E BENFICA...abraço..Afonso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou a favor de dar entrevistas. Mas acho q 1 os devia dar ao nosso jornal, dando de seguida aos outros.
      Pq a bem ou a amal, nos adeptos precisamos "conhecer" o q se passa no clube e é importante q uma vez ou outra o presidente de uma grande entrevista(ou uma entrevista grande).

      Eliminar
  9. Hoje, reflectindo melhor e, mais friamente, não me parece que, em jogo jogado, tenhamos sido inferiores ao Nápoles.
    Trocámos bem a bola, fizemos pressão alta, etc.
    Houve aqueles 8 minutos esquisitos e...mais nada.
    Os gajos aproveitaram tudo que a sorte e o nosso azar lhes proporcionou.
    Lembro-me que em 1969 levamos 4-0 nas auntas e, no fim ficámos campeões com os andrades a 19 pontos de distância.
    Vamos lá prá frente!
    PS: - Não gosto do Carrillo

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  10. ...meu caro,permite-me:por lapso não referi anteriormente o assunto seleção..(deixo já claro)estou a CAGAR-ME para a seleção de Portugal,PORQUE ENTENDO QUE O BENFICA É GRANDE DEMAIS PARA ESTE PAÍS COM GENTALHA DE MERDA(JORNALISTAS,(RADIOS/TVÊS/JORNAIS)...já quanto a essa MERDA fernando santos,faço um apelo a todos os BENFIQUISTAS....quando ESSA MERDA ,se sentar na CATEDRAL,vamos todos exigir que (A MERDA SE PONHA NAS PUTAS DALI PARA FORA)...assim como proenças e restante ESCUMALHA....VAMOS MOSTRAR-LHE QUE QUEM MANDA NO BENFICA SÃO OS SÓCIOS E ADEPTOS....abraço(Afonso

    ResponderEliminar
  11. Guachos:
    A selecção da FPF não ter jogadores do tricampeão nacional não é uma afronta, é uma benção!
    Viva o Benfica!
    Abraço.

    Tigre de Pantufas

    ResponderEliminar
  12. O que vale é que esses jornais é só pra limpar a casa do cão e forrar a casa em duas de pintura. a equipa do Benfica está blindada contra esses chuviscos dos junta letras.
    O caminho é para a frente e felizmente não vai haver portugueses lesionados ao serviço da seleção. Que se lesionam os Aurélios e que se cansem muito.

    ResponderEliminar
  13. Quanto ao insucesso de ontem, estamos conversados. Lá mais para a frente vamos ver quem sai por cima. Quero que jornalistas e outros que tais literalmente se fodam. Não ouço nem vejo nenhum do telelixo em geral e muito menos no que respeita ao futebol e em especial ao Benfica. Sou já burro velho e falta-me a paciência para ouvir alarves e medíocres.
    Na vida já há tanta porra a que não se consegue escapar, que aquilo que depende apenas da nossa vontade não deve ser desperdiçado. E assistir a merda é pura perda de tempo.
    Naturalmente que, ainda assim, não deixamos de aqui e ali acabar por saber o que se diz e o que nos rodeia e a mim incomoda-me muito mais a postura dos benfiquistas que só o são nas vitórias, basta estar-se minimamente atento, do que os outros. A esses basta o desprezo. Aos do Benfica, aos idiotas que jamais aprendem com os erros reiterados, dá vontade de os mandar foder. Enfim.
    Quanto à questão de não haver nenhum jogador nosso convocado, até entendo a perspectiva do Guachos, mas não concordo. Por mim está bem assim.
    Por várias razões, por ser desde há muito uma feira de vaidades pelas eventuais lesões. Por mim, que desde há muitos anos olho com indiferença para a equipa da FPF, até que um dia a geração ronaldete se reforme, está muito bem assim. Que o engenheiro dos tiques continue a convocar outros.

    ResponderEliminar
  14. Para todos os antis e taliban a um ditado que diz que se enquadra perfeitamento a todos eles "a caravana passa e os caes ladram".

    Forza RVitoria, Vitoria sempre, Forza Benfica!!!!

    ResponderEliminar
  15. Depois de ver a imprensa fazer do gr adversário de uma equipa portuguesa roubada numa final europeia o herói, nada me surpreende.

    A imprensa em Portugal é nojenta. São o reflexo de um país que vive no passado e em que alguns manda chuvas mandam nisto há dezenas de anos e fazem de tudo para proteger o seu feudo prejudicando todos os outros. E o Benfica sempre foi o clube do povo e a imprensa sempre manipulada por esta escumalha nascida em berço de ouro.

    ResponderEliminar
  16. Pois eu compreendo perfeitamente os títulos, e epítetos, da imprensa em relação ao jogo.
    Quando aos 60 minutos de jogo o Benfica perdia por 4-0, a satisfação era tão orgásmica que atingiu o ponto de não retorno.

    Tivesse o Benfica marcado 3 (ou empatado ou mesmo virado o jogo), os títulos incluiriam sempre a goleada, o terror, o horror, o choque e o abismo.

    ResponderEliminar
  17. Graças a Deus amigo Guachos, que finalmente não temos ninguém convovado na equipa da Nike, do Mendes e dos amigos do Ronaldo. Deveria ser sempre assim, evitávamos lesões que já em tempos nos impediram de ganhar jogos e campeonatos. O que eu gostava mesmo é que também os nossos estrangeiros também não fossem convocados. Quando os nosso jogadores regressam das seleções vêm lesionados, nós é que lhes pagamos os salários e fazem-nos falta para ganharmos as nossas competições, as únicas que realmente me interessam. Quero lá saber da seleção da federação, a minha única seleção equipa de camisola Vermelha e usa uma Águia ao peito! Carrega Benfica. E Pluribus Unum

    ResponderEliminar
  18. Não posso deixar de dar razão ao Guachos. Sendo uma benção não ter ninguém convocado, é também uma afronta o que o Fernando Santos está a fazer.
    E é sintomático da escumalha que domina a FPF e todos os merdia nacionais. Imaginam o Gelson a marcar um golo em Nápoles, igual ao do Gonçalo Guedes, e a não ser convocado para a selecção principal?
    Seria um escândalo de proporções épicas, e as perguntas dos jornalistas iriam ser implacáveis.

    ResponderEliminar
  19. Este é o meu bloge preferido, já o disse. Também não morro de amores pelo Rui Águas, pelas mesmas razões que enumeraste. Mas acusar o Rui Águas de exagerar ao falar em descalabro, depois de tu próprio teres usado a mesmíssima palavra no post anterior, era coisa que não estava à espera.
    Provavelmente a derrota toldou-te o raciocínio. Eu confesso que também fiz tristes figuras no tasco onde vi o jogo.
    Espero que nos passe rapidamente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há derrota que me tolde o raciocínio. Nenhuma. 15 minutos de descalabro são 15 minutos de descalabro. Não é o fim do mundo. Podem não significar nada ou podem deitar por terra todo o trabalho da equipa. E foi isso que aconteceu. Aqueles 15 minutos, com erros individuais que são evidentes, ditaram o resultado. Dou-te um exemplo; o Benfica teve uns minutos de descalabro com o Braga mas isso não significou o deitar por terra de todo um trabalho. A diferença? O Braga não concretizou em cima dos nossos erros e o Nápoles não perdoou. Tudo tem a ver com a eficácia. Não se pode, como fez o Rui Águas, fazer de um jogo que acaba com uma diferença de dois golos, e era disso que ele falava, um descalabro total. O lagartedo apanhou 3 (diferença de 2) e ninguém falou em descalabro. Nem mesmo daqueles minutos (mais ou menos os mesmos) em que sofreram os três golos. Abraço

      Eliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.