domingo, 30 de outubro de 2016

Este ano tocou ao Benfica.

Os especialistas da bola nacional acotovelam-se - hoje - ao redor de dois putativos penaltis não assinalados. Um, sobre o esbelto Bruno César, do sporting do campo grande, e um outro, sobre o Otávio do foculporto. Hehehehe! Boa Mike! Fantástico Melga. Nem vou falar de memórias selectivas, nem vou relembrar os fruteiros que «só fala de arbitragens quem é burro», e também não vou relembrar os batráquios que depois da saída de Vítor Pereira a arbitragem ficou limpinha, limpinha, limpinha. Ouvir, ou ler, queixas de arbitragem do foculporto continua a ser para mim motivo de uma boa barrigada de riso, e da lagartagem nem é preciso falar. Basta olhar para a vergonha das primeiras jornadas da época passada.

O esbelto César olha por cima do ombro, pára...espera pelo contacto e deixa-se cair. Simulação muito bem feita, mas ainda assim simulação. Ninguém se admiraria se o árbitro marcasse falta. Agora uma pergunta; onde raio foram parar as imagens de Coates a cometer um penalti escandaloso na área dos sapos? Não lhes peço para serem honestos mas também não nos façam de cegos.

A simulação grotesca de Otávio é tão evidente que nem vou perder tempo com ela. Cartão amarelo muito bem mostrado. Danilo poupado à expulsão. Podem ganir à vontade que não mudam os factos. Habituaram-se a roubar durante décadas jogando com o baralho marcado. Com armas semelhantes valem o que valem. Ponto final.

Querem se queixar, queixem-se dos desenhos do Nuno que não chegaram para uma manter tradição de amigáveis que já levava 18 anos ininterruptos ((não)confundir com corruptos). Ou vão ao Canelas - onde actuam os verdadeiros jogadores à foculporto - contratem o macaco madureira e os seus mastins e vão ver como as coisas mudam. Se não ganharem em campo vencem por falta de comparência dos adversários. De caminho - chamem ao activo o guarda abel e todos os paulinhos santos desta vida. Ah, e também o pratas, o fortunato, o rosa santos, o silvano, o benquerença, convoquem outra vez o proença...

O Braga pode, se ganhar, chegar hoje ao segundo lugar - com os mesmos pontos do foculporto - deixando os batráquios no seu verdadeiro lugar. Na próxima semana pode, se ganhar, tomar conta do segundo lugar, deixando os compadres ainda mais unidos na sua luta particular. Isto é que é preciso divulgar e não vejo ninguém a falar. Começa a fartar-lhes o ar...

Os lagartos faziam melhor se torcessem por uma vitória do Tricampeão, em Contumil. Na sua luta particular entre os grandes candidatos da critica, seria um passo bem importante na sua caminhada triunfal. Como todos sabem, quase todos os anos há um outsider a intrometer-se na luta dos primeiros lugares. Este ano tocou ao Benfica. 

15 comentários:

  1. Sem doping e sem os arbitros, sobram as curtas...

    ResponderEliminar
  2. Grande Guachos, acertas sempre em todas e nem uma te passa ao lado.

    É um gosto chegar aqui, ter sempre um grande texto para ler, rreflectir e até rir.

    Miguel

    ResponderEliminar
  3. Muito Boa crönica, como sempre. Ao deparar com a foto do "esquizofrénico" e com essa frase que ele largou, ( pretencioso e vaidoso como o deve ser um aristocrata,mesmo falido...), não posso esquecer o modo como ele correu, literalmente, com o Marco Silva, numa ação "mafiosa", co-adjuvado por dois ou três nojentos,( daqueles que transitam por alguns corredores do futebol...), cujos nomes dão-me asco sö de os pronunciar. De lembrar ainda..."o Presidente do Benfica propôs-me uma reunião para me propor a supremacia do futebol em Portugal..." ??? LFV tratou-o de MENTIROSO em direto na TV; ele, descarado e revelando "um à vontade" certamente adquirido em situações anômalas, disse que tinha sido a brincar...!!! Estes dois factos, não dos menores...DEFINEM O QUE TEM SIDO O COMPORTAMENTO DESTE INDIVIDUO, cujo contador, assinala por agora... DOZE(12) falências. Eis, quem foi posto a presidir os destinos do scp. Até à data ,NENHUM sportinguista "de peso",(os de risco ao lado, gravata às riscas e "blazer" azul-escuro, confecionado diretamente nas alfaiatarias das 'Testemunhas de Jeovà'...),pronunciou-se sobre a "febre comunicativa" e o "estratagema" dos vouchers, numa autêntica cruzada anti-Benfica, espezinhando as regras mais elementares de convivência que devriam existir entre clubes de futebol...tendo obtido com isso, apenas uma super-taça,um troféu(r.santos)apenas homologado pela 'sic' e 4 campeonatos ganhos no Facebook e no Internet. Magra consolação para tanto esforço intelectual.Com o caso dos vouchers a dar em fiasco e com o futebol em baixo (apesar dos 8 milhões de € pagos ao treinador...), a hora do balanço aproxima-se. Veremos os "tais de gravata" sairem da toca para a contagem de espingardas,disparando sem aviso, para cima "do lunàtico". Com esta poeira toda, evitaram o castigo ao Slimani, conseguiram modificar os estatutos do Futsal, AINDA não foram julgados no caso Paulo p.cristôvão , (estando em causa a DESCIDA DE DIVISÃO...)etc., etc. Se as artimanhas tivessem resultado...uma autêntica auto-estrada abrir-se-ia devante b.de Carvalho, e TODA A ESFERA sportinguista SEGUIRIA O LIDER, mesmo o Presidente da Liga, tudo em nome de uma NOVA ORDEM NO FUTEBOL PORTUGUÊS, contando com a passividade e cobardia, tradicionais no futebol Português.(Sarilhos-Grandes).

    ResponderEliminar
  4. Caros Companheiros Benfiquistas, para aqueles que se safam bom em inglês, sugiro que visitem uma página onde até agora encontrei as melhoras piadas de sempre em ingles, falo naturalmente da página do sporting do lumiar versão inglesa. Poderão encontrar pérolas como "but it was Bruno César who came closest in the dying stages". Quando se preocupam mais com o Benfica do que com a sua própria casa, acontecem coisas destas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "We are ready for a competative match".
      "The Game was very stop-start".
      Tudo com sotaque pronunciado amadorense.
      Lindo!

      Eliminar
  5. Ser sapo é ser ridículo.
    E caberiam em absoluto na definição da palavra, algo irrelevante que provoca o riso, não fossem os sapos jornaleiros.
    Estes, e tendo em conta as obriações deontológicas que deveriam respeitar, e que é essencial serem respeitadas, são também despresiveis e revoltantes.

    Mas não deixam de ser essencialmente patéticos. E é hilariante ir assintindo de cadeirinha ao desenrolar dos vários estágios da alucinação batráquia.

    Para esta gente as épocas começam todas da mesma maneira. Com o Sporting campeão e o Benfica em crise.
    Pelos lados do Lumiar moram indiscutivelmente os melhores jogadores, o melhor plantel e o melhor treinador.
    O treinador é até, diga-se com toda a justiça, indiscutivelmente um dos melhores do mundo.

    E repare-se bem na utilização intensiva da palavra indiscutível. Fazem questão de frisar que vivem na bolha, onde as suas opiniões são factos e os seus desejos, realidade.
    Até mesmo as suas afirmações mais absurdas são factos indesmentiveis que nem merecem discução.

    Neste cenário quase que se torna um aborrecimento, um proforma chato, ter que se jogar à bola. Mais valia dar logo o troféu aos sapos, e acabava-se a história.
    Mas lá se começou o campeonato. E as primeiras quatro jornadas apenas vieram confirmar o que já se sabia. Vitória atrás de vitória, conseguidas com uma qualidade de jogo superlativa, digna da equipa que melhor futebol joga porque sim.

    E é por esta altura que acontece sempre algo de extraordinário. Na época passada terá sido o 3-0 na Luz, e esta época foi a brilhante vitória por 1-2 em Madrid contra o Real. De nada interessou que o Real tivesse encarado o jogo como o Benfica encarou o jogo com o 1º de Dezembro. Aquilo era prova cabal que não só o Lumiarense era o melhor de Portugal, como também, quem sabe, da Europa e do mundo.
    Os elogios, os auto-elogios, a arrogãncia e a cagança misturaram-se numa bola de neve que crescia sem parar, descontrolada.

    Só que toda a gente sabe o que acontece a um sapo que começa a inchar. Incha... incha... incha, até que não pode inchar mais e... explode.
    E o primeiro a explodir foi o sapo Jesus, num lindo e magnífico caleidoscópio de cor e de imbecilidade batráquia, proferindo uma série de afirmações do mais cretino alguma vez produzidas por quem se diz treinador de futebol.
    E a partir daqui foi o descalabro.

    Ao primeiro resultado negativo foi a negação. Foi um jogo a seguir à champions. Era coisa curriqueira. O mesmo aconteceu a equipas comparáveis. Esmos obviamente a falar de gigantes da Europa. Não queria dizer coisa nenhuma.

    Ao segundo resultado negativo passaram à fase da negação preocupada. Novamente depois de um joga de champions, novamente coisa espectável, mas que convinha não acontecer novamente, com o Benfica já 3 pontos na frente.

    Ao terceiro resultado negativo, entraram na fase das desculpas esfarrapadas. Foi de tudo. Vouchers, lesões, ou melhor, lesão, champions, jogadores novos, inexpriência, jogadores vendidos, árbitros, antijogo, tempo de desconto, e sei lá mais o quê. Claro que tudo isto parecia ainda mais ridículo quando se comparava com o Benfica em profunda crise, a 5 pontos de distância na liderança do campeonato.

    Com este último empate, entraram na fase da resignação esperançosa. Começamos a ver sapos tristinhos, introespectivos, a olhar para dentro, e a chegar à conclusão do costume. É preciso levantar a cabeça, nada está perdido, e a culpa é do Benfica.

    ResponderEliminar
  6. A única coisa que me surpreende é ver sapos na fase seguinte da sua meteforfose de passagem da iluisão à realidade.
    A fase em que se apercebem que tudo está perdido, e se tornam em fervorosos adeptos do Porto, assumindo como suas as dores deles.
    Inventarem grandes penalidades não assinaladas e insurgirem-se violentamente contra o facto do Porto ser prejudicado é apenas um dos sintomas.

    E isto faz-me pensar que este ano estão ainda mais desesperados do que é normal. E pensando no assunto, o problema desta gente não é só o Benfica ganhar. Não é só o Benfica conquistar o bi-18. É o tetra. A possibilidade do Benfica poder conquistar o tetra é que lhes tira o sono.
    Nunca podemos substimar a mesquinhês de um sapo. O facto de poderem dizer que têm uma coisa que nós não temos, por muito patética e insignificante que possa parecer e ser, é importante, muito importante para aquela gente pequenina e complexada.

    ResponderEliminar
  7. Por este andar cheira-me que em breve a única coisa que eles têm que nós não temos são os cornos.

    ResponderEliminar
  8. Aquilo esta prestes a arrebentar, e so o Quimaraes passarem lhes a frente. Ja nem falo do Braga, que espero que ganhe hoje.
    Aquilo Vai se tudo virar contra o bruno decoca e este a por as culpas no jjudas.

    Forza GGuedes. Vitoria sempre, Forza Benfica!!!

    ResponderEliminar
  9. Eu não me esqueço nunca que o sporting foi o único clube do mundo que despediu um treinador durante a conferência de imprensa da sua apresentação (Mourinho), pela simples pressão da claque presente na sala. Razão? O treinador tinha ganho ao sporting dias antes.

    ResponderEliminar
  10. Hoje o Diário de Notícias num texto sobre o mau arranque lagarto mete o brunalgas a desejar o 23º título nacional. Mas o que me espanta é esse pasquim no sub título desse texto dizer sem problema 23º título.

    O sem vergonha do jornaleiro daquela maneira engana os menos informados nas calmas.


    Miguel

    ResponderEliminar
  11. A única maneira do babalu se safar em Portugal, depois de ser corrido do clube dos sapos, é oferecer-se à tvi para fazer um reality show, o "Big Bruno", só com a família dele e mais um ou outro amigo. Desafios diários, podia gerir negócios online e tomar decisões, prazos, metas..ia ser um fartote. Recebia bom dinheiro e as tv´s continuavam a facturar com ele e, com os malucos que o veneram.

    Tia Alzira.

    ResponderEliminar
  12. Bom dia benfiquistas. Aqui vai uma anedota para vocês:
    Filho: Pai, posso vestir-me de portista no Halloween?
    Pai: Filho, o Halloween é para meter medo, não é para meter nojo...

    ResponderEliminar
  13. e o penalti assinalado a favor do scp foi um teatro muito bem feito e que até agora ninguém viu? o jogador do scp agarra ou no braço ou na camisola e reboca o jogador do nacional, daí a sua corrida atabalhoada,e depois larga-o pondo esse braço bem no ar e manda-se para o chão dando a impressão que foi empurrado. foi bem treinado, não há dúvida nenhuma e como tal enganou toda a gente. aconselho a verem a imagem em câmara lenta e há um ângulo que não deixa dúvida nenhuma !!!!

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.