quarta-feira, 18 de abril de 2018

Acorda Benfica!

Eu não quero ver no Benfica uma politica comunicacional à imagem dos compadres da fruta e do cuspe. Nem quero o futebol português a ferro e fogo sempre que o Benfica não ganha. Mas que me faz uma grande confusão esta forma de estar - de comer e calar - isso continua a fazer! Uma coisa é entender, e até concordar, com uma estratégia de não comentar arbitragens. Outra coisa é, pontualmente, dar um sinal que estamos vivos! Dar um murro na mesa, dizer basta, chamar os bois pelos nomes...tudo o que for preciso para não sermos comidos por lorpas. Este é um silêncio que não tem justificação. São 9 jogos seguidos (com o Xistra pelo meio) com árbitros da associação de futebol do Porto! O Benfica tem canais comunicacionais próprios e tem, na comunicação social, se quiser, inúmeras formas de se defender e...de contra atacar. Sim, porque às vezes também é preciso atacar. Este deixa andar é que ninguém consegue entender.

Na BTV, dizem-me, o pivô ficou na duvida se houve ou não penalti sobre Zivkovic. Segundo Hélder Conduto, em lances semelhantes àquele, "há árbitros que marcam e árbitros que não marcam". Ora porra Helder! Isso já todos sabemos. Basta recordar o rolha proença, najantas, o penalti de Yebda sobre Lizandro e o trabalhinho do Soares Dias na Luz. É como «calor da noite» e as putas que o frequentam. Umas acabam na cama do presidente do clube da fruta e outras...não. Ora porra Helder. Eu não quero uma BTV à imagem do jota traques ou do gorila dolbeth. Só quero que seja à imagem do Benfica. Isenta, mas sem pretender ser mais papista que o Papa!

Outra coisa é a forma mansa como são encarados, no Benfica, os jogos contra o nosso inimigo. Pá, não me venham com estórias. É assim que eles nos vêm. É assim que eles nos tratam; como inimigos que é preciso exterminar. Eu não quero ver o meu Clube defender-se com fisgas numa guerra onde o inimigo ataca com bazucas e tanques. E não é um problema de treinadores, como a história recente o demonstra. É a forma como se encaram esses desafios. O Benfica pensa numa festa. Eles vêm preparados para a guerra. Porra, pá. Somos melhores que isso. Temos tido melhores jogadores, melhores equipas e melhores treinadores. Mas eles são algum Barcelona ou quê? Sete jogos consecutivos sem ganhar aos fruteiros não pode ser apenas explicado pela sorte ou pelos graves erros dos árbitros. Uma coisa e outra têm muito a ver muito com a postura da estrutura do Benfica, antes, durante e depois desses jogos. 

Que não se façam confusões. Ninguém quer o Benfica à imagem dos sapos, que o sucesso deles só depende do nosso insucesso. Nada disso. Eu quero é ser campeão independente dos resultados contra o clube da fruta. Mas, ganhar-lhes, tem de se tornar natural. Ganhar-lhes com naturalidade é meio caminho andado para sermos cada vez mais fortes e vê-los cada vez mais fracos. Se todos sabemos que eles se alimentam das vitórias contra o Benfica, é aí, onde mais lhes dói, que temos de os atacar.

53 comentários:

  1. Muitíssimo bem Guachos. Fiquei a olhar indefinidamente para uma frase: "O Benfica pensa numa festa. Eles vêm preparados para a guerra."
    Em tão poucas palavras se resumiu toda a nossa história frente aos fruteiros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é como dizes "comer e calar..." NÃO, e não é só ser campeão pode estar a preparar-se o assalto ao 2º lugar. Agora imaginem NÃO facturámos NADA nesta Champions e não irmos à próxima???
      ACORDA BENFICA!!!

      Eliminar
    2. Absolutamente de acordo. É uma puta de uma guerra e no meu Glorioso parecem esquecer o que isso aignifica

      Eliminar
  2. Caro Guachos,

    Li ainda agora que, por causa do speaker, levámos uma multa superior ao porto aquando da invasão de campo... a ser verdade juntamos isto a muitos outros casos:

    - Os pedidos de calma que vêm apenas quando o Benfica fala;
    - Castigo super rápido para Samaris e Rui Vitória e a falta de castigo para Marega, Brahimi, Fábio Coentrão, etc etc;
    - O não acontecer nada a quem não cumpre os castigos;
    - A nomeação de ártibros da AF Porto regularmente para os jogos do Benfica contra o Porto como se isto fosse possível em algum lado do mundo e pior um árbitro e um VAR ameaçados de morte de forma pública;
    - A situação do jogo no estoril onde foi tudo muito mal explicado;
    - O Benfica ter, com o VAR, 5 penaltis claros roubados em clássicos só este ano;
    - A premissão para se por em dúvida a competitividade da liga de modo oficial por parte dos clubes das riscas (quando as ofertas são para eles);
    - Etc... etc...

    Da minha parte espero um murro na mesa (ainda que venha tarde) contra quem tinha de atuar nestas alturas e nada fez... o Benfica tem de assumir uma postura de rotura. Se querem as coisas a bem só têm de exigir que as coisas mudem mas, para mim, Fernando Gomes e toda a sua estrutura têm de ser postos em causa e a demissão tem de ser vendida como a única solução perante isso.

    Voltámos ao tempo em que os clubes são tratados de forma diferente e o Benfica é sempre o discriminado. Temos mais que evidências para pedir a demissão da federação.

    Bem sei quais os problemas: não querer tirar o foco dos nossos atletas até ao final da época (basta ver o que têm acontecido quando se fala quando não se deve, mas eu aqui acho que eles precisam é de ser defendidos de tudo o que tem sido dito)... o facto de nada do que nós dissermos passar pelos me(r)dia sem ser deturpado e virado conta nós... mas aí é simples... evidências curtas sem hipótese de refutar os factos.

    Por fim, defender o nosso sucesso... quando este ano começarem (porque vão dizer) que nós sem os árbitros é isto e aquilo é só dizer: saiu o Nelson Semedo, Lindeloff, Éderson e Mitroglou, foram à Luz e nós com o Pizzi (melhor jogador do último ano) em baixo de forma e Jonas (o nosso melhor jogador lesionado) e apenas ganharam com um chouriço... e ainda querem ver que ganhámos nos últimos anos por causa dos árbitros?

    Defendam o Benfica, sff. É só o que peço. Não sei o melhor timming mas sei que vai ser preciso ser muito agressivo este verão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pedes para q defendam o Benfica; supostamente que defendam o Benfica ainda mais do que esta Direcção tem feito... mexer na estrutura federativa com os jogos palacianos que isso implica não é a vocação do Benfica; só serviria para tirar de lá estes palhaços e colocar outros ainda piores...

      Eliminar
    2. Talvez tenhas razão. Tudo o que fazemos encontra uma oposição por toda a gente. Mas é um facto que temos de os colocar em sentido e que esta discriminação ao Benfica tem de acabar. Este ano foi demais.

      Claro que há muito que não sei: a situação dos processos, a real situação económica dos rivais relativamente à UEFA... Mas gostava de alguma reação a estes abusos todos... Não sei qual a melhor nem se há alguma viável para já...

      Eliminar
  3. Cada vez, será possível ?, mais assertivo. Viva o SL BENFICA. !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  4. Este Post do Guachos diz tudo, ao longo dos anos preparamo-nos a festa, eles preparam-se a guerra com ódio. Depois, bem,depois, os resultados estão à vista com Rolhas e A Dias lá vão
    (Papa)no os campeonatos.É Imperioso alterar este números.Esta esperteza saloia tem que acabar.

    ResponderEliminar
  5. Concordo e deixo uma sugestão à Administração do SLB.
    Como os meios de comunicação são esmagadoramente pró dragartos, sem desconsiderar o mais importante, FPF, LIGA, Conselhos de Disciplina e Justiça, Arbitragem, onde temos que ser mais interventivos, pressionar o Governo a intervir, expondo todos os casos de desigualdade de tratamento e solicitar se for caso disso, a retirada de instituição de utilidade pública à FPF.
    Escolher comentadores habilitados, como juristas com especialidade no Desporto e difundir na BTV em canal aberto, que seria codificado para assinantes à hora dos jogos transmitidos em casa!
    É fundamental termos uma comunicação assertiva em canal aberto!
    Não necessitamos de esgravatar no esgoto a céu aberto como os dragartos e pseudo comentadores isentos, mas é obrigatório uma defesa dos princípios e Valores transmitidos pelos nossos Fundadores, que agora de uma forma vil, nojenta, baixa, miserável e mentirosa tem vindo a ser colocada em causa com programas que repetem mentiras e calunias de uma forma permanente, até à exaustão, para criar uma realidade alternativa e condicionar, não só a opinião pública, como também is órgãos decisórios do poder!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Benfica pedir a "retirada de instituição de utilidade pública à FPF" é um absurdo.

      Controlar a mérdia nacional avençada é impossível; só os invejosos frustrados aceitam desempenhar o papel ridículo de fazer parte dessa pandilha... temos o Jornal e a Benfica TV; só falta a Rádio... de resto, os cães ladram e a caravana passa.

      Eliminar
    2. Caro Francisco, sei que é absurdo...mas é só isso...
      relativamente à comunicação Dragarta, a única diferença é que não é um pedido nojento...justifica-se para os órgãos do poder do Futebol perceberem que não somos otários e sabemos bem que não são imparciais!
      Podemos fazer "guerra" ou pressionar estas entidades que não nos respeitam, só isso!!
      Claro que existem medidas e formas de actuação mais incisivas e inteligentes, mas pelo meio podemos ter uma comunicação que chateia e desgasta!
      A perspectiva é só essa.
      Saudações Benfiquistas

      Eliminar
  6. Realmente há coisas que não se entendem...
    O porquê do término do programa Chama Imensa?
    Porque é que o Gabinete de Crise não vai ter com o Boa Ventura e começa a rebentar com os dragartos?
    Porquê é que continuamos de forma Institucional a comer e calar todos os atropelos que nos são feitos? Desde castigos desproporcionais, a roubos descarados e legitimados pelo Var....
    Isto é uma guerra, crlh!!!
    E aos inimigos, enquanto estão no chão (porque eles estão no chão financeiramente) pisamos-lhe o pescoço para lhes cortarmos definitivamente o oxigénio!
    Eu quero uma direcção que se esteja nas tintas para o politicamente correcto e despreocupada com o facto de antagonizar os poderes minados de dragartos! Chega!!!
    É para cima deles sem dó nem piedade!
    SEM PERDÃO!

    Gonçalo
    Castelo Branco, cidade ENCARNADA

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Chama Imensa não acabou.

      Eliminar
    2. Li algures... que há árbitros reféns de ameaças por parte dos supercagões e, quem sabe, se elementos da direcção do SLB também reféns... de outras merdas?

      Eliminar
  7. Acorda? Agora já é tarde!!!
    A estrutura anda a dormir desde o princípio da época, e tudo o resto que aconteceu é prova disso!!!
    Onde estava o gabinete de crise quando foi nomeado o A. Super Dragão!?!?!?
    Ora bolas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A última vez que vi o gabinete estava-te a ir ao traseiro taliban.

      Eliminar
  8. Ontem o Valdemar Duarte no programa 105X68, disse, em poucos minutos e sem papas na língua, aquilo que deveria ser dito para todos ouvirem e para acabarmos com as peneiras e com as hipocrisias neste nojento futebol... Não estou muito preocupado com níveis de elevação quando competimos numa competição marcada por todo o tipo de demonstrações de ordinarice e falta de nível, desde a sua organização à sua disciplina, passando pela arbitragem, incluindo todos os intervenientes e a seu ao não cumprimentos sistemático de regras e regulamentos, algo que não acontece em nenhum pais minimamente civilizado!

    Entre o minuto 20 do programa (mais coisa menos coisa e em pouco mais de 6//7 minutos) disse em bom Português que os árbitros são umas prima donas, que têm todas as mordomias, que são profissionais e que é inadmissível que sejam pressionáveis ou condicionáveis com ameaças. Caso isso aconteça deveriam ou pedir escusa de apitar um jogo ou então denunciar e pedir protecção policial como ainda hoje se verifica ao árbitro do recente jogo RealvsJUventus! Isto de "ou apitas bem ou levas no focinho!", senão "tu e a tua familia..." é de 3º mundo e o Benfica não pode deixar em branco, sob pena de qualquer dia alguém se "passar da cabeça" e começar a vigorar a lei do faroeste, não leva de uns, leva doutros!

    Ser director de comunicação para ter uma comunicação inexistente e/ou marcada por intervenções da treta em redes sociais, faz lembrar o papel que os lagartos fizeram no futebol Português no tempo dos presidentes da aristocracia. Não precisamos de descer ao mesmo nível, nem condicionarmos a nossa imagem em face dos nossos parceiros e sponsors, mas temos de ser muito mais participativos e muito mais contundentes!
    Volta João Gabriel que estás perdoado!

    Ainda somos obrigados a ter que levar com o tamanho descaramento e a lata de dizerem um pouco por essa mérdia, que estávamos mal habituados e que sem padres e missa e o c@ralho...!
    Transformam-se os criminosos de sempre nas vitimas dos nossos dias! Foda-se!

    Depois vemos os números fabulosos do saldo desta tática de terror e ameaça continua...
    A maioria dos árbitros nos jogos quer de Benfica quer dos Fruteiros no campeonato são da AF Porto!
    Mais de 1 ano sem penaltys contra os fruteiros e N por assinalar!
    Para quem tinha uma contabilidade bacoca sempre a subir nos penaltys não assinalados a favor no ano passado, nós este ano já fomos subtraídos em pelo menos 10!
    O VAR é uma bela merda e mostra mais claramente a tendência óbvia e a falta de coerência dos critérios dos árbitros!
    E podia continuar no detalhe mas para bom entendedor...

    Estou farto de ser comido de cebolada e o Benfica tem de ser o maior, também na voz, nas instâncias competentes e fazer por acabar este clima de retorno aos velhos hábitos made in apito dourado( que para mim é apenas a ponta do iceberg, pois como sabemos já perduravam as mesmas práticas desde os anos 80 e não apenas em 2004...).

    Rossetti

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quais são as "instâncias competentes"; eu só vejo "instâncias incompetentes"...

      A única "instância competente" que conheço é o Benfica que se deve manter unido, forte financeira e desportivamente, sem cair na tentação de ter os procedimentos criminosos ou trafulhas dos nossos "rivais"...

      Eliminar
    2. Talvez por não termos representatividade em nenhuma, é que são incompetentes Francisco...

      Abraço
      Rossetti

      Eliminar
  9. Nem mais Guachos! Sou do verdadeiro norte, o Minho. Aqui é claro e mais notório a impunidade que gozam os dragartos, mais propriamente os morcoes curruptos do porto. As influências e coação sobre entidades municipais, sobre grupos empresariais, a forma como tentam intimidar os Benfiquistas, dos mais velhos mas sobretudo os mais jovens. Vivendo e constatando essa realidade, de guerra, ódio ao Benfica e a tudo o que representa por uma rede criminosa ligada ao clube corrupto do porto, entendo a postura da direção do clube, no sentido de defender e apaziguar o clima do futebol, e a festa dos adeptos, mas nunca vamos ser competitivos porque enquanto para eles ganhar é tudo, e estão dispostos a tudo, como é exemplo entre vários, a campanha assente num crime que levaram a cabo, e o jogo comprado ao Estoril. Para a nossa direção o que interessa é a festa e os negócios. E se a nossa direção ignorar que para os batermos, não basta dize-lo e ve-los como adversários, pois eles na realidade nunca o serão. Serão sempre inimigos que nos odeiam, e que festa para eles e lagartos é cada vez que perdermos. Por isso dói ver que eles têm razão quando me dizem na cara, com aquela expressão sem caracter, que o Vieira nunca vai fazer nada, nem mudar nada no futebol, porque ta mais preocupado com o dinheiro e com o negócio. Na prática a nossa direção e muitos benfiquistas mais a sul e noutras paragens, porque não veem e não querem acreditar ser possível o que os benfiquistas do norte contam do que os corruptos do porto fazem, ainda vão na conversa dos emails, e de lutar pelo negócio e espetáculo do futebol. Por mais factos e evidências demonstrasse nunca faria justiça, eles são mesmo um bando criminoso que faz tudo pra nos ganhar...e nós pensamos que com bons rapazes e vivas ao Benfica, e amo o BENFICA vamos lá. Acordem caralho!!!!
    Se entrassem num ringue em que vocês iriam combater boxe, e o vosso adversários iriam utilizar todas as técnicas e artes à disposição deles para vos derrotarem veriam quem ganharia mais vezes. Enquanto a direção e os benfiquistas ignorarem que para ganhar mais temos que querer mais, e acima de tudo denunciar e não ter medo, vamos sempre entrar a perder. Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nos últimos anos quem ganhou mais vezes foi o Benfica... eles ficam-se por estas "vitórias de Pirro" nos confrontos directos... é a verdadeira imagem da sua pequenez.

      Eliminar
  10. Caro Guachos:
    Nunca duvidei que o desporto para os dragartos é uma guerra contra o Benfica e, não me venham com a conversa de que os Sapos são diferentes dos fruteiros.
    E não é de agora.
    A estrutura do Benfica á muito que devia estar preparada para isto, com gente que diga o que tem de ser dito mas, fundamentalmente que seja e exija ser ouvido. Um Benfiquista competente prestigiado e sério com os ditos no sitio.
    O que se passou e se está a passar no futebol é uma vergonha mas, maior vergonha é a incapacidade do Benfica em se fazer ouvir.
    De forma alguma defendo uma atuação idêntica á dos dragartos, o desporto deve e tem de ser uma festa.
    Não entendi o porque do João Gabriel sair e irem buscar o diretor de comunicação dos sapos.
    Como disse o Rui Vitória – isto ainda não acabou!
    Mas se acabar da forma que não queremos – fomos comidos de cebolada!
    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "A estrutura do Benfica á muito que devia estar preparada para isto, com gente que diga o que tem de ser dito mas, fundamentalmente que seja e exija ser ouvido. Um Benfiquista competente prestigiado e sério com os ditos no sitio." - achas, realmente, que a estrutura não está preparada, que não é ouvida ou que não os temos no sitio?

      Eliminar
    2. Caro Francisco:
      Um exemplo de muitos – em situações idênticas os castigos aplicados a jogadores do Benfica e os aplicados aos dos dragartos
      Por aqui se vê a desconsideração que os vários órgãos do desporto tem pela estrutura do Benfica e não e apenas no futebol.
      Para alem de não ser ouvida ainda e gozada com castigos ao próprio presidente.
      Quanto a “não o temos no sitio” – não foi isso que eu escrevi.
      Saudações Benfiquistas

      Eliminar
  11. Também tenho observado este silêncio do Benfica. Não me parece que esteja a produzir resultados.... veremos. As estatísticas que nos mostras servem para o Cabelo do Aimar atacar o nosso treinador... a estrutura... parece -me de má fé.

    ResponderEliminar
  12. Habitualmente o sentimento de raiva depois de (mais)uma derrota com aqueles filhos da puta que foram cagados e não paridos, vai diminuindo. Mas desta vez tem vindo a aumentar porque não consigo encaixar o tamanho da estupidez do vi no domingo. Enquanto o Benfica continuar a pensar que os jogos terminam quando o resultado nos é favorável, vamos continuar a perder jogos e pontos fundamentais. Se (há uns anos) em vez de deixar o filho da puta do tripeiro correr campo fora como fez, alguém tivesse partido a perna ao Kabrão..., e se tivesse cagado para a expulsão (a 2 minutos do fim , o que interessava isso.), hoje já teriamos o 37.
    Só nós (adeptos do Benfica) vamos a Luz ver o Benfica jogar.Os outros não vêm a Luz para nos ver jogar e pedir camisolas. Vêm para levar (os nossos) pontos. Enquanto continuarmos assim, vamos continuar a perder.Mais do que ACORDA, percebe e MUDA DE ATITUDE BENFICA!
    (até me doi: para o ano há mais. Puta que pariu esta merda!)

    ResponderEliminar
  13. No meio deste terrível pesadelo duas coisas são difíceis de compreender.
    A primeira já foi debatida nesta opinião do GV demasiados mansos na abordagem de temas preponderantes para equilibrar os pratos da balança. Os árbitros isentos e preparados para apitar de determinada maneira.
    A segunda ainda vai ser mais difícil de engolir; perder uma campeonato para uma equipa que foi intervencionada, teve que vender os melhores jogadores e não pode comprar o que gostava. Vai ser difícil de justificar a perfeita incompetência na abordagem e definição desta época
    uma perfeita vergonha.

    ResponderEliminar
  14. ...caro GUACHOS...porra!!!mas esse é o grande dilema:não queremos um Benfica de fisga na mão,mas também não queremos um Benfica badalhoco!!!posso aqui afirmar o que já escrevi:O Benfica tem em seu poder provas da vigarice que se passou no campo do Estoril no jogo com os corruptos:O Benfica tem trunfos para apresentar contra os bandidos dos e-mail,e afins...!!!então porque não ter já avançado???precisamente porque quer seguir os tramites que a lei manda!!!o problema é que essa lei, é como o funil(largo em cima,estreito em baixo)!!!o problema é que a lei é corrupta e está ao serviço do fcporto!!!(na região porto,quem dita as leis é o fcporto!!!estou a dizer/escrever alguma mentira???então que fazer!!!???meu caro,eu tinha aqui escrito antes do jogo,que os adeptos do Benfica poderiam ter posto fim a este crime organizado contra o BENFICA(estás recordado!!!???)pois, é:para grandes males,grandes remédios:quando o LADRÃO SOARES DIAS(FICA LIGADO AO ROUBO DO PENTA AO BENFICA)não marcou um PENALTY,MAIOR QUE A TORRE DOS CLERIGOS:os adeptos do Benfica logo ali deveriam ter acabado com a roubalheira???mas,depois o Benfica era castigado e tal!!!e,depois???que mais roubariam ao Benfica do que o que já têm roubado esta época,com a conivência da federação/liga/cofina/árbitros/justiça???isto só vai ter fim,quando os benfiquistas fizerem justiça pelas próprias mãos,eles(ladrões)têm rosto(XISTRA/SOARES DIAS/JORGE SOUSA)mais os TIAGOS MARTINS desta vida!!!não foram os gajos do porto que disseram com todas as letras que teriam de matar alguém???claro que não vou por aí,mas terem dado um MALHA DE PORRADA AO SORES DIAS,só se tinham perdido as que tivessem caído no chão!!!mas ainda estão a tempo...aceita um abraço(Afonso

    ResponderEliminar
  15. Guachos, desta vez tenho que discordar do que dizes; não por não teres razão mas porque o que pedes se coaduna com o velho ditado do sol na eira e chuva no nabal...

    Também fiquei doido com a roubalheira de que fomos vítimas, num jogo que controlámos do principio ao fim... temos, de facto, a melhor equipa da Liga Dragarta e como disse uma amigo nestes comentários só nos ganharam com um chouriço...

    Como dizes, qualquer árbitro português que apitasse este jogo nos faria desconfiar; não aceitamos os do porto, nomeavam o huguinho... de onde era o proença? desta vez, o dias ficou definitivamente queimado como ficou o proença no jogo do fora-de-jogo do maicon... mas eles arranjam outro...

    Neste aspecto não podemos fazer mas do que criticar e fazer uma exposição à UEFA e à FIFA para que este FDP não tenha a carreira internacional que tanto ambiciona...

    ResponderEliminar
  16. Ora bem grande Guachos. Na semana passada não "exigi" (nem durante esta época inteira vergonhosa de crime flagrante) o Penta. Mas "exigi" este ano, e exijo ontem, hoje e sempre o Benfica ser defendido, por quem foi eleito para o fazer, até às últimas consequências.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  17. Hoje estou em crer que o clube currupto vai abrir as pernas ao circo do lumiar, talvez até seja de penálti...

    ResponderEliminar
  18. Queria aqui dar dois exemplos de situações em que o SLB e os adeptos foram passivos em vez de reagir em força:

    1) bilhetes de borla do Centeno e do Lucas Pires.
    O SLB só tinha de perguntar se o autarca que mandou construir o centro de treinos do Olival, pagou todas as vezes que foi às antas ou ao dragão.
    E já agora como e por quem foi pago esse centro de treinos.
    A transparência é um direito de todos sobretudo quando se fala nos dinheiros públicos.

    2) árbitros do Porto em jogos nos clubes dessa cidade. Será normal?
    Vocês já imaginaram um Real Madrid - Barcelona com um árbitro de uma dessas cidades?
    É ridículo não sei é?
    E que dizer de um árbitro filho de outro árbitro com ligações a um clube em específico?
    Pode aceitar-se.
    Mas um árbitro ameaçado por adeptos e claques de um clube a dirigir jogos dessa equipa quase todos os meses, sobretudo os mais importantes?
    Alguém imagina a UEFA a nomear o árbitro do Real-Juve num jogo da Juve?

    Mito encarnado

    ResponderEliminar
  19. A mim me chamou atençao esta frase do Guachos nao nos vamos defender com pedras e fisgas enquanto eles nos atacam com tanques e granadas,que verdade mais redutiva eles nos atacam com tudo com todas as armas mortiferas que tem ao seu alcanse e sao muitas eu como benfiquista aqui o disse outro dia tenho mais medo de jogar com os fruteiros de com qualquer outra equipa do mundo,e este medo enraizou-se em todos nos jogadores inclusive, isto tem uma razao de ser o arsenal armado dos fruteiros e fortissimo nos sentimos isso,entenda-se estas palavras arsenal militar eles jogam com tudo desde o macaco ao dias os nossos jogadores nao jogam desinibidos como jogam contra os lagartos por exemplo eles sabem que os jogadores fruteiros contam com toda a protecao que vem de cima podem malhar descriminadamente que nada lhes acontece isso ja e uma arma poderosissima que nos nao temos,por isso perdemos a maioria dos jogos com eles,a que dar um murro na mesa fortissimo ate que parta a puta da mesa chega de de soares dias nos nossos jogos chega de j. sousas chega de arbitros preferidos pelso fruteiros para jogarem connosco,chega de arbitros da associaçao do porto caraças entao nao existem mais arbitros no Pais chega chega chega ja nos comeram uns quantos campeonatos a beira do fim por causa desses malditos arbitros portuenses se a direçao do Benfica nao for capaz de o fazer nao sei quem o sera pode-se nao gostar do sombras mas em algumas coisas ele tem razao os nossos dirigentes tem de fazer mais muito mais para travar esse poderio mafioso do velho.
    Ate os nossos adeptos em qualquer canto do Pais a policia descarrega sem do nem piedade sobre eles,quanto aos adeptos corruptos nao se passa o mesmo sendo poupados como fossem eles uns anjinhos.

    ResponderEliminar
  20. Digo apenas isto: quatro dias antes do jogo, estava a conversar com um amigo brasileiro e, às tantas, disse-lhe que o árbitro seria do Porto. Ele ficou a olhar para mim, como quem fica à espera do final da piada e como eu não disse mais nada, ele perguntou: "Estás falando sério?" E eu disse: "Claro que estou. Aposto já aqui mil euros contigo em como vai ser um árbitro do Porto." E ele respondeu: "Como é isso possível, se nem no Brasil, que é o país corrupto que é, nenhum árbitro pode apitar um jogo que tenha uma equipa da sua cidade?"

    Percebo que os adeptos da fruta e do cuspe gostem do ASD, o que eu nunca percebi, e que nunca hei de perceber, é com é que há benfiquistas que dizem que este é o melhor árbitro nacional.
    Este é um árbitro muito mais manhoso do que o Proença e sempre foi medíocre e fraco de cabeça. Quem não se lembra do jogo inenarrável em que roubou 3 pontos ao Guimarães no jogo contra o Braga, quando lutámos com o Braga (!!!) até à última jornada?

    Digam-me um país europeu em que um árbitro ameaçado de morte poderia apitar um jogo do clube da sua cidade e logo o clube que o ameaçou? Ainda há aqui gente que pede para apelar às "instâncias competentes"? A quem? À FPF, liderada por um entregador de fruta? À Liga, liderada por um filho da puta que nos roubou sempre que podia e não podia e que andou com o grunho na escola? Ao Conselho de Disciplina e aos Árbitros liderados por sapos? Aos políticos, essa cambada de cobardes que até se borram todos quando ouvem um troglodita a humilhá-los em direto na TV?

    Esqueçam essa merda. O Guachos dá à receita para quebrarmos essa escumalha de uma vez por todas:
    "Eu não quero ver o meu Clube defender-se com fisgas numa guerra onde o inimigo ataca com bazucas e tanques. E não é um problema de treinadores, como a história recente o demonstra. É a forma como se encaram esses desafios. O Benfica pensa numa festa. Eles vêm preparados para a guerra."

    Não se esqueçam de uma coisa: se nós deixarmos, se baixarmos a guarda por um minuto que seja, eles exterminam-nos como fariam a uma barata. Há muitos benfiquistas que ainda não perceberam que o Benfica hoje é maior do que jamais foi, mas que o que está construído deu muito trabalho e não se fez da noite para o dia. Temos de estar atentos e tomar medidas para defender o clube e não é apenas ignorando o inimigo que se consegue isso. Está muito bem ignorar a escumalha, mas é preciso mostrar posições de força nos MOMENTOS CERTOS, para fazê-los ver que não somos moscas mortas e que eles nos podem enrabar quando querem. Acordem, Benfiquistas!

    ResponderEliminar
  21. Importa reforçar as ideias do post: durante anos a fio andaram a embalar os distraídos que os campeonatos se ganham contra os clubes pequenos, o que não é de todo verdade. Como referi há dias, se o Benfica perder o presente campeonato (coisa detestável, só de referir...) é o terceiro, desde 2009, que perde por causa da míngua de pontos nos confrontos com os tripas.

    Basta atentar que se o Benfica tem empatado nas antas (para mim será sempre este o nome) no último título deles já éramos penta! Nesse campeonato só conseguimos um ponto em seis! E no anterior julgo que zero! No campeonato que ainda corre um! Os números revelam a relevância de ganhar aos adversários diretos, ao contrário da ladainha que vão propagando...

    Então, quais as causas deste pobre pecúlio? As arbitragens explicam parte (proença, maicon, artur...), mas a outra parte é nitidamente mental. Os jogadores do Benfica têm uma qualidade extraordinária, mas não vestem a armadura apta ao combate, pois é de uma guerra que se trata! Os jogadores não entendem bem que estão a enfrentar uma mentalidade quase balcânica, suportado num discurso mentiroso que vem desde os tempos do odioso pedroto (uma das piores figuras da história do futebol português, para não dizer europeu...). A mentira é bem conhecida: "o Benfica era o clube do Estado Novo, nós somos os intérpretes da alma trabalhadora de uma cidade..." E esta ideia ainda persiste. Até ao dia que o Benfica os passar a derrotar naturalmente. Mas para tal é preciso entrar e mexer na mente dos jogadores.

    ResponderEliminar
  22. Se houve alguma coisa de positivo na nossa derrota de domingo, foi sem dúvida ter contribuído para que os textos do Guachos ficassem ainda melhores, os meus parabéns, 100% de acordo.

    ResponderEliminar
  23. 16 anos na nova Luz e temos 3 vitórias e 7 derrotas!!!!!!!!!!!!!!!!

    Nos 68 anos anteriores temos 9 derrotas............

    Comecem a tratar deste problema, das suas origens e as coisas voltam ao que é natural em qualquer Pais do mundo, quem joga em casa ganha com outros da sua igualha desportiva pelo menos 60% dos jogos.

    Eu concordo que não temos de descer ao nível rasca, mas pensem nisto -os últimos campeonatos do Benfica foram baptizados a Norte como "o da mão do Luisão", o do túnel, o "colinho" , o "limpinho, limpinho", o dos mails, do Kit Eusebio e mais não sei que.

    Nunca nos dão mérito, e começam a organizar a campanha com antecedencia

    Temos de deixar de ser anjinhos e de nos fazerem de parvos, esta sequência de arbitragens á Proença tem de parar, senão partimos sempre em desvantagem - mesmo com este histórico miserável conseguimos ser Tetra e quem sabe ainda Penta, mas o que não teríamos feito com normalidade?

    Eu sinto-me como muitos benfiquistas desamparado por uma comunicação errática e por vezes anedótica.

    Guerra é guerra!Ponto!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mais.
      Parece que ainda não se percebeu que isto é uma guerra.

      Eliminar
  24. E para ir de encontro ao que tenho dito, quem esteve a ver o jogo do Sporting com o Porto, pode ver como os jogadores do Sporting pressionaram o Jorge Sousa nos últimos minutos - agora revejam o nosso jogo e vejam a atitude que tivemos, o Artur Soares Dias sentiu-se á vontade para fazer o que fez - a maneira como não se jogaram os últimos 5 minutos foi sintomática.

    Quando o Sergio Oliveira fez aquela falta o arbitro tinha de ser pressionado pelo menos para se sentir na obrigação de consultar o VAR.... quando soam os tambores de guerra não soltem as pombas da paz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se pressionassem levavam amarelo... e agora estávamos a queixar-nos de que não havia controlo emocional...

      Eliminar
    2. Tens toda a razão FranciscoB, saía já directo comunicado no blog da Lista NGB pelo Rui Gomes da Silva, e de caminho ainda sobrava para o Rui Vitória por "não ter mão nos jogadores". A merda do costume.

      No entanto, pensava nisso mesmo do grande Chakra no outro dia, o Cardozo é expulso pelo Capela por dar um murro na relva. O Coentrão e o Brahimi chamam filho da puta ao árbitro na cara dele.
      É evidente que as ordens de como interagir com os árbitros enquanto está ali um filho da puta de apito literalmente a rir-se na cara deles, são ordens que vêm de cima, e nada têm a ver com o treinador, já o Jorge Jesus era açaimado também pela estrutura quando ia às conferências de imprensa. Resta saber se essas ordens são boas ordens ou más ordens. Se é boa ou má estratégia.
      Se o Foi Com Putedo for campeão este ano nas últimas jornada com mais um penalti em Paços de Ferreira sobre o James Rodriguez com a falta a ser feita fora de área, e o Benfica levar com mais uma Proençada em Alvalade, estará mais que evidente que a estratégia está uma merda e tem quer jogada no lixo onde pertence.

      Os jogadores vão acabar amarelados e expulsos? Que seja. Ao menos tira-se a puta da máscara e roubam às claras. Sempre fica claro para todo o mundo perceber, tal como já todos perceberam sobre os sumaríssimos e os seus critérios. E a revolta que viesse daí ainda ia acabar num Proença II qualquer a ficar em pior estado que numa mera cabeçada nos dentes com eles a voar. Ou então, qualquer dia os Benfiquistas ainda se juntavam todos e iam ameaçar de morte árbitros mais as suas famílias, e depois ter esse mesmo árbitro a apitar o Benfica ou então invadiam o campo a meio do jogo e agrediam um Marega qualquer para o Benfica ser punido com uma multa de 2000 euros. C'horror! Onde é que já se viu isso. Não estamos no Brasil! Eu sei que é um cenário completamente irreal, uma vez que não há nada disto de Espanha a Inglaterra a França até à Itália, e não estamos num país de terceiro mundo como o Brasil, esse país tão corrupto, nada como o país do Tuguês. Já eu só digo, vão-se lavar.
      Cumprimentos

      Eliminar
  25. Calma pessoal, já não estamos nos tempos do apinto dourado; se assim fosse eles nunca tinham perdido 6 pontos em 3 jogos nas últimas jornadas...

    Eles vão tropeçar, e cair... vamos ser campeões na última jornada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim e não, Francisco B, há maneiras de se pressionar a arbitragem, e possivelmente se a parte da pressão tem sido estrategicamente feita as coisas talvez tivessem corrido de outra maneira.

      Mas claro que agora podemos encontrar todos 1001 justificações para a derrota de domingo, sendo até todas elas compatíveis umas com as outras.

      A principal causa, quanto a mim, tem muito a ver com essa percepção de que se está numa espécie de guerra onde vale quase, (atenção ao quase que é muito importante), quase tudo.

      E isto vai desembocar naquelas que são para mim as semelhanças entre o jogo de domingo e o de Maio de 2013, mas até essas semelhanças esfumam-se se analisarmos os jogos que não perdemos com eles desde Maio de 2013 até agora e em que o resultado a 5 ou menos minutos dos 90 nos servia, e assim se manteve.

      As semelhanças são estas: quando chegados a 5 ou menos minutos do fim e temos um resultado que não é o pior possível para as nossas contas, o jogo tem que acabar, não há mais jogo, é lesão atrás de lesão, cada lançamento de linha lateral dar azo a protestos como se de um golo irregular, expulsão ou penalty se tratasse, é o vale-tudo para o adversário não ter o controle da bola.

      "Ah, e tal o jogo era na Luz onde temos que jogar sempre para ganhar", é verdade, mas jogar para ganhar é também isso, não deixar a bola sair das proximidades da área deles, ou seja não deixar a bola correr.

      Mas o que eu estou a dizer é óbvio, e uma das primeiras vezes que pensei isto até nem foi num jogo em que sofremos um golo deles tão em cima dos 90 minutos, se a memória não me atraiçoa, claro.

      Benfica - Porto de 1990, salvo erro Novembro ou Dezembro, ficou 2 a 2, o nosso treinador era o Ericsson, um gajo que sabe mais de futebol que o Jorge Jesus ou o Rui Vitória juntos.

      Tínhamos feito o 2 a 1 pelo Rui Águas, (ou foi o Ricardo?), e de repente o jogo ficou partido, bola cá bola lá, e eu que era um puto lá no meio dos antigos Diabos, pensei: "temos que amainar esta merda, senão ainda mamamos um", e mamámos mesmo.

      E isto para reforçar a ideia de que se o resultado já nos serve, PQP as bancadas e os sócios que querem ver o Benfica a atacar à doida, é segurar o resultado e ir espreitando as oportunidades para marcar e fazê-las durar o máximo de tempo.

      Há um canto a nosso favor, demora-se 2 ou 3 minutos até marcar, e não se marca enquanto houver gajos fora do sítio onde devem estar; lançamento de linha lateral no mínimo um minuto, um ata as chuteiras, outro dá-lhe uma tontura, outro atira-se para o chão a dizer que levou um soco; não há jogo, ponto.

      Prefiro jogar feio e não perder, que jogar assim-assim e perder, como foi o caso de domingo.

      Saudações benfiquistas

      Eliminar
    2. Que DEusébio o oiça, camarada...
      De facto, o programa Chama Imensa não terminou, erro meu. Mas parece-me que acabou no sentido de desmascarar através da denúncia sistemática a rede podre de árbitros controlados para nos prejudicar.
      Possivelmente tenha ver com aquilo que o camarada Afonso tem vindo a partilhar, as provas que o Benfica tem em sua posse e a espera pela justiça que de célere não tem nada...
      Sabe, se eu não tivesse na vida algo mais importante que a minha própria vida, muito provavelmente já tinha feito algum disparate em relação a esses filhos da puta que nos gozam sentido-se impunes.
      É que aqui na Beira Baixa não vivemos nem admitimos ameaças de jagunços da noite do porto, e há muita malta que ao fim de semana, para além de gostar de ver jogar o Maior que Portugal, também gosta de fazer o gosto ao dedo no gatilho na caça... E mais, oportunidades para colocar em sentido quem nos rouba através de uma bela sopinha de urso não faltam... O xistra é da covilhã e o hugo macron é de Oledo...

      Gonçalo
      Castelo Branco, cidade ENCARNADA

      Eliminar
    3. "só" temos que fazer o nosso trabalho. Até é bom o sporden ganhar todos os jogos até so scp-SLB, assim vai ser jogo pelo jogo com jj a ter que ganhar. O meu medo é o SLB ter que ganhar e o spordeng não precisar.
      Estes ultimos 4 jogos com porto na madeira e guimaraes, a receber setubal e feirense. Só jogos de nervos.
      Sperding em portimão e madeira, a receber o Glorioso e o boavista.
      Nervos no máximo, se ganharmos os nossos jogos seremos campeões, também acredito nisso, mas empatando em alvalade não sei se chegará.. Repito, temos que fazer o nosso trabalho e ganhar TODOS os jogos e lembrarmo-nos que nem a Champions está garantida!

      CARREGA BENFICA!!

      Eliminar
  26. Ainda em relação ao SLB 0 - 1 FCP, fui rever o jogo agora mais calmo e com especial atenção à exibição de ASD

    03:04 - Falta sobre Fejsa que deixava AA solto na ala direita (Otavio) Ataque prometedor
    05:18 - Falta sobre Ziv ala esquerda (árbitro marca ao contrário)
    06:39 - AA lança Rafa em profundidade que é placado (árbitro não marca)
    07:32 - Herrera vai deliberadamente com a mão à cara de Raul, (amarelo por mostrar)
    09:12 - Falta marcada a Ziv sobre Ricardo em cima da linha de fundo (não há nada, Ricardo lança-se para o chão quando sente a mão de Ziv, que leva menos intensidade do que o encosto anterior ao contrário)
    20:58 - Falta sobre Cervi, como o Fejsa recupera a bola o árbitro marca falta sobre Fejsa
    32:24 - Aparente obstrução sobre o Raul na lateral da grande área (sem outra imagem não tenho posição definitiva, árbitro não marca)
    33:00 - Bola no ombro do defesa do FCP dentro da área (eu nesta situação nunca marcava) Concordo com ASD
    38:11 - Placagem a Rafa a cortar o contra ataque (amarelo a Sergio Oliveira)
    40:56 - Uma má decisão a favor do Benfica, ASD marca pontapé de baliza quando AA é o último a tocar na bola
    44:30 - Falta sobre Cervi, árbitro não marca (FCP recupera a bola e na sequência há um remate perigoso de Marega)
    ASD Esquece-se de dar amarelo a Brahimi por entrada de pitons no tornozelo de Fejsa

    Já não tive estômago para rever a segunda parte, mas o Malheirinho mais novo que meta o processo onde o sol não brilha, porque só deu Benfica na primeira parte que tentou em profundidade, ataque combinativo como ele gosta muito de chamar, e um FCP que só se preocupou em cortar todos os avanços do SLB e sair em charutos para a frente, na pele dos jogadores do FCP, só fizeram o que tinham que fazer, é uma guerra e lutaram com todas as armas, restava ao árbitro fazer cumprir e ter uma avaliação correcta das leis do jogo. E não teve, a desculpa da arbitragem à inglesa seria se houvesse coerência na sua aplicação mas o que aconteceu foi um condicionamento por parte de ASD no jogo.

    Já ando a dizer à anos que não são penalties por marcar que decidem estes jogos, são estas arbitragens manhosas.

    ResponderEliminar
  27. Parece haver consenso que toda a estrutura do Benfica (sobretudo a comunicacional) terá que ser muito mais agressiva. O facto habitual de serem nomeados árbitros do Porto para jogos com o EFECÊPÊ tem que acabar e, para isso, há que pressionar de forma constante porque já deixámos há muito de acreditar em coincidências, e os factos e as estatísticas demonstram à exaustão que somos sempre prejudicados de forma descarada. Não há árbitros em condições fora daquela Associação?
    Não deveremos promover a guerra mas nunca deveremos fugir a ela sempre que a mesma nos é imposta e declarada. Não tenhamos dúvidas que a nossa preparação psicológica no sentido lato do termo (e não é de agora), é capaz de não ser a melhor, pois quem está de fora 'sente' que entramos algo debilitados e isso reflecte-se nos resultados dos jogos (em casa e fora) em que as estatísticas demonstram uma percentagem assustadora de insucessos. Desculparmo-nos com os árbitros, com a pressão que é exercida e com as manobras nos bastidores sendo um factor iniludível e altamente decisivo, é capaz de ser todavia algo redutor. Tanto que assim é que isso acontece no futebol e nas mais diversas modalidades e, salvo casos pontuais, não vejo qualquer superioridade nas equipas do Porto para que isso aconteça.
    O Benfica tem vários canais próprios à sua disposição para fazer chegar a sua mensagem para denunciar todas as manobras que vão acontecendo e que são por demais conhecidas. Está provado que a estratégia do silêncio não colhe frutos porque a despeito disso é tido nos mérdia por razões que se percebem como farinha do mesmo saco. Nos tempos que correm há que 'fazer marcação homem a homem' e denunciar tudo o que comprovadamente é feito com intenção e dolo para nos prejudicar.
    Seja o que for e contra quem for...

    ResponderEliminar
  28. E eu ando a dizer a tempos que a lagartada joga mais descontraida com os fruteiros ao contarario de nos que parece-me jogamos com medo com complexos com estes filhos da fruta,ontem mais uma vitoria pra lagartada,mas verdade verdadinha estes fruteiros nao jogam a ponta dum corno,estao onde estao porque existem muitos soares dias no futebol portugues.

    ResponderEliminar
  29. Porra Guachos...... mais um post à maneira.
    Concordo 100000000000000000000% com o que foi aqui escrito.

    ResponderEliminar
  30. Concordo com tudo!
    Só faltou o resultado e árbitro do Benfica-Porko de 2014 logo após o nosso King morrer.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.