segunda-feira, 16 de abril de 2018

Somos todos Benfica.

Hoje não vou falar do Artur Soares Dias, do brunalgas ou do francisco traques, da merda de comunicação social que temos, dos talibans da internet - sempre prontos a atacar ao mínimo desaire - e não falarei dos verdadeiros cavaleiros do apocalipse que já previram esta debacle vai para cinco anos. Tão pouco falarei dos especialistas que sabiam táctica certa para derrotar o clube da fruta e nem um pouco da acalmia que vai varrer o país, de lés a lés, no rescaldo dos erros arbitrais (não acontecidos) neste fim-de-semana futebolístico. 

Já não importa se o Soares Dias não expulsou Sérgio Oliveira, como devia, ou se fez de conta que não viu o pênalti sobre Zivkovic, mesmo no último suspiro do Benfica. Não interessa se a táctica era a mais acertada, se foi a estratégia de Rui Vitória que falhou, a ausência de Jonas, ou se foi o mexicano errado a acertar na baliza errada à hora errada. Hoje quero falar de carácter. Do carácter forjado nas vitórias que mostra a sua verdadeira face na hora das derrotas. Pior que ver os dragartos convencidos que já ganharam o campeonato é olhar para os meninos que não suportam uma derrota sem culpar o mundo pela sua desdita. Aguentem-se à bronca que o desporto é saber ganhar e perder. E enquanto, num jogo de futebol, houver três resultados possíveis, é muito provável, que um dia, nos calhe a nós não ganhar. Perceber e aceitar este principio tão básico é meio caminho andado para não dizer tantos disparates. 

Quando ganhamos vamos todos para o Marquês festejar. O pior é que o Benfica não é só o do Marquês. Quando perdemos reforçamos o nosso benfiquismo, caralho! Assim fazem os homens de carácter. Levantamo-nos com mais vontade que nunca, damos as mãos e vamos ao Estoril tapar as rachas que o golo de Herrera escancarou. E no jogo a seguir voltaremos a encher a Luz com a nossa fé. Perdemos uma batalha, é certo. O golpe foi bem duro e doeu demais. Mas estamos muito longe de perder essa guerra. Recuso-me a acreditar que a vontade que nos manteve unidos e nos trouxe vivos até aqui, nos abandone agora, quando mais será necessário mantê-la.

Aos engraçadinhos empenhados em humilhar o nosso treinador, eu quero dizer-lhes que se 11 Eusébios não nos deram um Tetra, Rui Vitória é dos poucos que ainda pode fazer parte do Penta. Algum pudor e um bocadinho de vergonha na puta da cara, nunca fizeram mal a ninguém.

Entre 1962/63 e 1976/77 o Benfica (de Eusébio) conquistou 12 campeonatos sem nunca conseguir ganhar quatro títulos seguidos. Quatro séries de três, sempre com o sporting a quebrar a possibilidade do quarto, resultaram em perto de duas decadas de domínio (quase absoluto) sem que o Benfica conseguisse alcançar o almejado Tetra. Só havia um Eusébio na altura, e, que me conste, nenhum Rui Vitória fazia parte da equipa. Mas eram todos Benfica. Tal como hoje, somos todos Benfica. Força meu Benfica.

36 comentários:

  1. Subscrevo por baixo Guachos Vermelhos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O m/caro GV ainda não percebeu a diferença entre ser Benfica que adoramos e o resto, seres sujeitos a críticas, como empregados e dirigentes do SLB?

      Eliminar
    2. Percebi. O que eu nunca vou perceber é a burrice cognitiva.

      Eliminar
    3. Totalmente de acordo com o Guachos. O Campeonato ainda não acabou e quem desiste a meio é cobarde e um derrotado e não merece ser benfiquista!! Por mim podem mudar de clube.

      O Benfica perdeu um jogo mas ainda não perdeu a guerra! Quem deitar a toalha ao chão neste momento é um cobarde!!
      Todos sabemos da canalha campanha de insultos, de mentiras e de difamação, campanha essa de que o Benfica e quem o dirige não tem culpa.

      Quanto ao facto de os "seres sujeitos" a crítica serem empregados e dirigentes do SLB é das coisas mais burras que eu já vi escritas. Tu o que és? És o dono do clube?
      Não és! O facto de seres adepto ou sócio do clube não te dá o direito de criticar pessoas que fizerem bem o seu trabalho e fizerem o seu trabalho o melhor que puderam!

      E alguém te pediu a tua opinião?
      Gostas de criticar outros porque tens falta de auto estima, o problema está dentro de ti, quando o que deve preocupar os benfiquistas neste momento é fazer exactamente o contrário, estarem unidos cada vez mais em vez de procurarem culpados.

      Os que gostam de criticar e andar a chorar pelos cantos da sua própria infelicidade, eu pergunto, quando cometem erros no emprego (toda a gente o faz) se também gostavam de ser criticados e ver pedidos de despedimento por outros acéfalos que lá trabalham?

      Pessoalmente não critico ninguém, não está dentro do meu feitio nem da educação que recebi. Só o faria se visse desleixo, incompetência, falta de profissionalismo ou falta de dedicação. Nada disso se passa! E os últimos troféus provam-no.
      E os troféus que iremos ganhar no futuro irão prová-lo ainda mais.

      O Benfica já ganhou muito, não pode ganhar sempre e tivemos sorte quando andávamos a jogar mal e não perdemos o jogo no antro dos cabrões por erro do árbitro. Há que saber ganhar e perder.
      O segredo é a união. E ainda nada está perdido.

      Eliminar
    4. Uma cópia deste texto deveria estar afixada, ontem, em todas as saidas do estádio.
      Suporto facilmente os Dragartos. O que é realmente insuportável são essa raça de benfiquistas que se intitulam de "exigentes". Vão exigir pra puta que os pariu. Ao Benfica não se exige nada. Só se agradece!

      Eliminar
    5. Uma cópia deste texto deveria estar afixada, ontem, em todas as saidas do estádio.
      Suporto facilmente os Dragartos. O que é realmente insuportável são essa raça de benfiquistas que se intitulam de "exigentes". Vão exigir pra puta que os pariu. Ao Benfica não se exige nada. Só se agradece!

      Eliminar
    6. Aprenda a ler seu acéfalo...
      não estou a exigir nada ao Tetra Campeão mas ao staff técnico, directivo e jogadores.
      Se pensarem só um bocadinho não é a mesma coisa, ou é?
      O SLB é inquestionável e único. Os sujeitos não estão isentos de criticas...

      E mais, não recebo lições de benfiquismo de ninguém!!!

      Eliminar
  2. Concordo que ainda nada esta perdido mas conhecendo a maneira do foculporto fazer as coisas prevejo que ganhem os 4 jogos que faltam.

    Quanto ao Benfica doi bastante perder um jogo em casa que em caso de vitoria praticamente nos garantia o penta. E doi mais por vermos que na 2a parte a equipa estava encolhida mais preocupada em nao perder do que arriscar ser feliz.

    Vir agora falar de penalties e do ASD, soa a desculpa, ja se previa que iria ser ele o arbitro, ja se conhece o historico de prejuizos dele nos jogos do Benfica. Vir agora falar disso é meter trancas na porta depois da casa assaltada.

    ResponderEliminar
  3. Bom dia a todos hoje levantei-me mais cedo que o habitual mas que puta de noite mal dormida como tudo quno o Benfica perde e assim mas este jogo doeu mais porque foi contra os corruptos e o Soares Dias e que nos pode custar o penta,ja li e ouvi um bocadinho porque nao perco o meu tempo
    a ver talkshows nas televisoes portuguesas que o golo de Herrera e um grande golo a mim pareceu-me que aquela bola era defensavel,e que o soares fez uma boa arbitragem a mim nao me pareceu ainda estou por ver uma boa arbitragem do soares em jogos do Benfica prefiro cem vezes mais o J.Sousa e que com este ameacado somos sempre comidos de cebolada,e bem verdade que com Eusebio nunca conseguimos nenhum penta e o Eusebio era rei, sozinho desbaratava qualquer equipa e mesmo assim nao conseguimos nenhum penta agora atacar o Rui Vitoria como atacam em certos blogs e inadmissivel nao me pude conter e respondi o Rui em 2 anos que nos levou ao Marques ganhou tudo o que era para ganhar dentro de portas era bom, agora que perdeu um jogo ja nao presta meus amigos o Benfica como qualquer equipa no mundo nao vai ganhar sempre reparem bem os jogadores nucleares que lhe tiram todos os anos e mesmo assim consegue fazer equipas bem competitivas e de mestre,e mais este ano minaram-lhe o caminho de uma forma mais cobarde e estupida que alguma vez se vio no mundo do futebol para que nao seja campeao ate no sorteio no começo desta liga complicram-nos a vida com jogos docinhos para os outros e complicados para nos para que nas jornadas iniciais ficassemos demasiados atrazados vendo o pequenino pelotao dos aldraboes tomssem a dianteira para mais ninguem os alcansar,puro engano os alcansamos os ultrapassamos e so um amecado que nao teve coragem de marcar um penalti nos tirou de la ao minuto 90,agora so ha uma restea de esperanca no sprint final porque a meta esta a vista nunca se sabe se os corruptos serao ultrapassados mesmo em cima da linha de chegada.

    ResponderEliminar
  4. So fica mais uma vez demonstrado o porqué de nao haver um apitadeiro tuga no proximo mundial da Russia, se aquele que é considerado o melhor do tugao passa os jogos que apita a mais de 15 metros das faltas e local onde a bola esta e em mais de 90 por cento dos apitos que ontem efectuou, como queremos que a Fifa e Uefa os chamem para competiçoes a serio?
    Se alguem ainda tinha duvidas que tudo ia ser feito para nos empedir de realizar o penta ontem foi so mais uma demonstraçao do que eles combinaram, desde o sorteio com condicionamentos para os mesmos de sempre desta liga ao jogo de ontem no Restelo tudo ficou branco no preto.
    E PLURIBUS UNUM.

    ResponderEliminar
  5. É óbvio que o Benfica não acaba, como não acabou há quatro anos num pontapé inspirado no demónio. É claro que o Benfica deve continuar ligado ao campeonato, embora a situação seja difícil. Se não for possível ganhá-lo, o Benfica deverá preparar-se para voltar mais forte.

    No entanto, reforço o que disse ontem: em dezoito jogos (para o campeonato) desde há nove anos, o Benfica só ganhou dois aos tripas. Se não ganharmos este título, é o terceiro perdido em que estes viram o campeonato a jogar connosco. Por isso, trata-se, essencialmente, de uma questão mental, que terá de ser ultrapassada definitivamente: é o que falta para dominarmos ainda mais. Repare-se que mesmo o Sporting tem um registo mais aceitável nas disputas com os tripas.

    Finalmente, gostaria de fazer o único reparo que é para mim plausível e absolutamente necessário: o Benfica não devia ter mantido a pose institucional em relação ao árbitro, optando por vetá-lo. Quem tem sobre si e sobre a sua família uma ameaça de morte não pode apitar jogos entre contendores directos, sendo um o clube de quem ameaçou. Nunca tal poderá acontecer! Sobre isto o Benfica nada fez e disse. Por isso mesmo, o Oliveira permaneceu em campo. E um penalti só seria assinalado se algum rim de um jogador do Benfica viesse assomar à luz do dia. E mesmo assim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas o Benfica pode vetar árbitros? Se pode, devia tê-lo feito, sem dúvida.

      Eliminar
  6. Olé!!!! Haja alguém com um pingo de discernimento, só me apetece extravasar no lombo de alguns benfiquistas.

    ResponderEliminar
  7. Hoje temos um post à SLB. OBRIGADO GUACHOS, VIVA O BENFICA. !!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  8. Sempre Guachos. Obrigado por mais um companheiro... abraço

    ResponderEliminar
  9. Obrigado Guachos! Máximo respeito e depois de um desaire sem dúvida que o meu Benfiquismo se acentua com todo o fervor. Assim é que podemos e temos que ser. Um abraço...e ainda não acabou!

    ResponderEliminar
  10. É um pouco isto...o SPORT LISBOA E BENFICA, tornou-se o Maior Clube Português, sem nunca ter conseguido ganhar um Tetra!!
    Relembro que o campeonato ainda não acabou!!
    Também não quero falar da arbitragem, já que o pior mesmo nesta época tem sido a comunicação vil, suja, nojenta, dos dragartos, do pior que pode existir no Desporto e na vida!
    Quanto ao jogo, penso que não fomos suficientemente ambiciosos, não pela entrada di Samaris, como muitos opinam, recordo que entrou em Guimarães e a equipa ficou maus forte e até marcou um golo.
    Mas a atitude da equipa mudou de facto a partir dos 75 minutos e não tivemos a ambição de empurrar o fcp para a sua área.
    A partir dessa altura o jogo disputou-se mais no nosso meio campo!
    Não podemos tirar o mérito aos jogadores do fcp, se quando ganhamos aos 90 minutos, é porque nunca deixamos de acreditar, também penso que eles, sem merecerem, acreditaram mais!
    O Penta ainda é possível, mas se não ganharmos, tenho a certeza que continuamos com todas as condições para continuar a ganhar nos próximos anos.
    Para mim, se não formos Penta, é certamente uma tristeza, mas seria e poderá ainda ser uma oportunidade de ouro para que lagartos e corruptos se enterrem definitivamente e mais rápido, com dificuldades financeiras acrescidas!
    Não faltei a nenhum jogo e dia 28 lá estarei como sempre, de há muitos anos, para apoiar o SPORT LISBOA E BENFICA!!

    E PLURIBUS UNUM

    ResponderEliminar
  11. Parece que ainda existem benfiquistas lúcidos,só especialistas da net,o benfica recuou na 2parte?então o porto recuou na 1parte?será que as pessoas não se mentalizam que estavam a jogar duas equipas e que em determinados momentos cada uma joga o que a outra deixa jogar,foi feliz o porto com mais um momento kelvin.

    ResponderEliminar
  12. Exatamente, Benfica a ganhar ou a perder, sempre contigo.

    Não querendo defender o blog do sombrinhas, mas aquilo é malta que pelo menos é coerente, já batiam no RV, LFV, Svilar, Varela, Eliseu, Jonas, Pizzi até quando ganhavam, se bem que citando o candidato, "o poder vem do campo" e o glorioso tinha-os mantido de cloaca fechada desde Belém.
    Se já antes eram um blog que fazia oposição a LFV agora são os pontas de lança do "candidato", nem sei se são benfiquistas, mas o que aparentam querer é poleiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Paulo Duarte

      Coerente, aquele coio de esterco? Menos, companheiro, menos. Um tal de GB, que enaltecia Rui Vitória, não é o mesmo que o dá agora como finito? Se isso é coerência..., enfim, não, não é, isso tem um nome resultante de como encaram a coisa: resultadistas.
      E o Benfica tem de ser e será sempre muito mais do que isso, incomparavelmente mais.

      Eliminar
    2. Alma Encarnada,

      é coerente na medida que dali só sai esterco, e por vezes umas análises financeiras do GB. Nessa medida nunca vou ao engano. Acho pior o "candidato" que tem poleiro na SicN semanalmente andar semana sim semana sim a fazer juras de amor eterno ao glorioso e depois andar na CS a mandar estocadas na direção, e agora andar a apalpar terreno no blog

      Eliminar
  13. Ser benfiquista é isso mesmo e é nossa obrigação perceber quem não o sabe e ensinar. Não é fácil, dói, mas temos de fazê-lo. Eu já o fiz, desde ontem. A minha filha, habituada a ganhar, provou ontem o sabor da derrota. Ainda bem. Ficou a conhecer que um benfiquista é-o ainda mais nessas horas difíceis. Cair, levantar, lutar e procurar sempre, pelo trabalho, ser melhor.

    Próxima paragem: Estoril. Para ganhar!

    Zé Pincel

    ResponderEliminar
  14. CURIOSIDADES DA NOSSA LIGA:
    Nos últimos 10 campeonatos, em 312 jogos o Benfica conquistou 747 pontos e o F. C. Porto 743 pontos. Ou seja, o F. C. Porto conquista em média 79% dos pontos possíveis. Em princípio diríamos que o F. C. Porto até pode ter um rendimento superior a esse com os árbitros que apenas dirigem os seus jogos contra o Feirense, Moreirense, Estoril, Belenenses ou Chaves, mas seguramente em condições arbitrais normais deveria ter um rendimento médio inferior aos 79% com os árbitros internacionais (Artur Soares Dias e Jorge Sousa), árbitros que estão reiteradamente a ser nomeados para os seus confrontos com os rivais diretos na luta pelo título (Benfica, Sporting e Braga).

    Alguém acredita que um clube que tem um rendimento médio geral em que conquista 79% dos pontos, sendo que no campeonato por cada 34 jogos defronta os rivais diretos apenas em 6 desses jogos (Benfica por 2, o Sporting por 2 e o Braga por 2), consegueria manter o mesmo rendimento médio se a Liga Portuguesa fosse um campeonato de 22 jogos em que o F. C. Porto tivesse de jogar 4 vezes contra o Benfica, 4 vezes contra o Sporting e 4 vezes contra o Braga. Inacreditavelmente os dados estatísticos dos jogos arbitrados pelo Artur Soares Dias demonstram que o F. C. Porto conquistou 79% dos pontos possíveis nos 22 jogos que arbitrou do clube nos últimos 10 campeonatos, sendo que 12 desses 22 jogos foram confrontos diretos contra os rivais diretos ao título ((Benfica, Sporting e Braga). Com a Arbitragem do Artur Soares Dias, o Benfica, o Sporting ou o Braga passam a ser para o F. C. Porto adversários ao nível do que é o Feirense, Moreirense, Estoril, Belenenses ou Chaves. E ainda há quem fica admirado que o Benfica perca contra o F. C. Porto num jogo arbitrado pelo Artur Soares Dias. Alguém se lembra de um penalti ou expulsão desfavorável ao F. C. Porto assinalado pelo Artur Soares Dias numa altura da partida em que os pontos ainda estão em disputa. Nestas últimas 10 épocas, ainda só assinalou 2 penaltis desfavoráveis ao F. C. Porto sendo 1 deles aos 90 minutos num jogo que o F. C. Porto já vencia por 3-0 e somente expulsou 1 jogador do F. C. Porto, explsão essa que foi aos 74 minutos de um jogo em que o F. C. Porto já estava a perder por 2-0 e Artur Soares Dias já tinha fechado os olhos ao corte com a mão na área do Mangala, pois nessa altura ainda tinha esperanças que esse erro arbitral posibilitasse ao F. C. Porto conquistar pontos nesse jogo.
    Artur Soares Dias já assinalou 5 penaltis desfavoráveis ao Benfica e apenas 2 ao F. C. Porto nos últimos 10 campeonatos. É incompreensível como esta época não assinala nenhum penalti contra o F. C. Porto no jogo em Chaves, no Dragão contra o Sporting no lance do Doumbia, nem no Estádio da Luz no lance do Zivcovic. Isto para não falar no jogo da Taça da Liga em que como VAR nada disse ao arbitro sobre o agarrão do Danilo ao Bas Dost.
    Ainda há que queira fazer crer que o Artur Soares Dias tem condições de imparcialidade para apitar jogos decisivos para a atribuição do titulo nacional!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Belíssima análise estatística, claro que a CS " imparcial" que temos não irá encontrar nenhum padrão nesses mesmos dados, mas já sabemos com quem é que lidamos.

      Eliminar
  15. Vou apenas reproduzir o que escrevi ontem num blog onde o passatempo é bater no Benfica.

    O jogo foi difícil e equilibrado, e o Benfica não conseguiu na 2ª parte fazer mais para ganhar.

    A forma como se tenta arranjar culpados nas más horas define as pessoas, um individuo parecido com um qualquer Bruno de Carvalho.

    E note-se, até acho que o Rui Vitória não esteve bem, mas os jogadores também não.
    Talvez seja bom é perceber o que esteve menos bem ( e desde o inicio da época) e melhorar, porque o Benfica não começou hoje nem acabou hoje.

    Viva o Benfica!

    A grande pergunta a fazer é - porque é que estamos 7 jogos seguidos sem ganhar ao FCPorto? Quantos jogos ganhamos ao FCPorto nos anos do Tetra?
    Quantos jogos ganhamos ao FCPorto nos anos de JJ e RV somados?

    Acho que histerismos não levam a lado nenhum, muito deve ser analisado mas no final da época, e os mesmo que nos conduziram ao Tetra e quem sabe ao Penta são os que irão decidir com ponderação o que foi mal planeado e que comunicação se quer para o nosso clube, num tempo em que estamos debaixo de fogo constante.

    E falando de comunicação, recordo o que disse o grande Martin Luther King - O que me preocupa não é o grito dos homens maus. É o silêncio dos homens.bons.

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  16. Orgulho acima de tudo. Não precisamos de dizer para levantar a cabeça. A nossa pode andar bem altiva. Sempre. Isso é para a carneirada. Faltam 4 jogos ? Vamos ganhar os quatro. Os corruptos em casa não irão perder pontos...em principio. Vamos acreditar que na Madeira e/ou Guimarães tal possa acontecer. Temos de fazer 12 pontos e ... ponto final. Dizer no final do Campeonato, se o perdermos, que só ficámos a dois pontos, apesar de toda a contaminação a que fomos sujeitos pela escumalha, é um triste consolo, eu sei. Mas sempre é melhor o primeiro dos últimos neste caso, que o lugar abaixo...Custa ? Claro, mas na época passada os fruteiros também festejaram como se tivessem ganho o campeonato em nossa casa... no fim foi o que se viu.

    Tetra abraços
    Santos Pereira

    ResponderEliminar
  17. É nestas alturas que os benfiquistas mais se afirmam quer pela positiva quer pela negativa. Como é hábito, surgem os 'bitateiros', 'pés de microfone' e 'propagadores de bacoradas' que nestas alturas ´dão côr à sua vida'. E nestas definições englobo todos os anti e aqueles que se afirmando benfiquistas, só aparecem à luz do dia quando algo não corre bem. Estamos habituados a eles!
    Para que o Benfica perdesse é óbvio que algumas coisas não correram bem. Desde logo o já previsto por muitos; que o inefável ASD (versão actualizada de Pedro Proença) não tinha condições para apitar um jogo desta natureza, ou se quisermos para apitar jogos de qualquer dos dois clubes. Era uma assumpção clara e demonstrativa. A responsabilidade é em primeiro lugar do Conselho de Arbitragem e em segundo do sujeito que se encontrava há muito condicionado. Reafirmo a minha opinião que para estes jogos não deverão ser nomeados árbitros de qualquer das Associações de Lisboa ou do Porto. Por motivos óbvios e factuais que não podem nem devem ser ignorados. Acresce que para jogos do Benfica parece não haver árbitros que não sejam oriundos da AFP. E não estou a especular mas apenas e só a reconhecer factos.
    Dir-se-ia que já se estava à espera que isto sucedesse e o Benfica teria que estar preparado. É verdade. Mas logo surge a pergunta; mas preparado para quê? Para aceitar uma gritante dualidade de critérios sempre em seu desfavor? Para assistir impávido e sereno a uma estalada sem punição de Herrera a Raul que até se ouviu na bancada? A placagem nos contra-ataques como se fosse uma coisa normal? À não expulsão de Sérgio Oliveira? Ao anti-jogo sistemático de Casillas culminado com um passeio prolongado no relvado durante o minguado período de descontos? Ao 'encosto mais efusivo' de Ricardo a Zikvovic a terminar o encontro?
    É evidente que é possível fazer sempre mais, e o Benfica não conseguiu fazê-lo. Sobretudo ter 'convidado' o seu adversário a ganhar o jogo no único remate enquadrado com a baliza em todo o encontro. Mas deverá isso ser motivo para vir a terreiro criticar? Claro que não, porque nem sempre as coisas correm conforme esperado e ontem foi manifestamente o caso. Sigamos então o nosso caminho para a frente porque para trás já nada nem ninguém consegue mudar, face a regras adulteradas desde o princípio. Acreditar sempre é um princípio de que não deveremos nunca abdicar.
    Já consta nos 'mentideros' que o VAR de ontem devido a mais um 'excelente' trabalho' deverá ser nomeado para a Amoreira. Vamos esperar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só faltou referir o excelente trabalho dos fisioterapeutas e preparadores físicos deles, com pessoas destas no SNS seríamos o país mais saudável do Mundo.

      Eliminar
    2. Exacto. Terminaram o jogo com uma pujança que vai lá vai, a pressionar alto como o jogo tivesse começado...

      Eliminar
  18. a mim o que me deixou lixado com F grande são os adeptos , enquanto instruidos muito barulho muito bom.. depois desaparecem ..aquele era o jogo ... era gritar ate ficar sem voz... sem ser preciso instruccoes nem que se cordenasse dez minutos de cada lado ..
    preferem petardos e criar disturbios depois do jogo nisso foram bons. agora apoiar a equipa o jogo tdo durante 90 min , ta quieto , eu bem berrei , mas ainda diziam agora nao vale a pena ja nao estao a cantar ... inferno vermelho, o tanas

    ResponderEliminar
  19. Mas a verdade absoluta real verídica e que não ganhamos nunca ao porto porquê os árbitros estão comprados e vendidos ao clube corruptos azuis basta ver..... Forcaaaaa Benficaaa forçaaaaa

    ResponderEliminar
  20. Benfica Sempre!

    Moro no Seixal, perto do nosso Centro de Treinos. De manhã, no meu caminho para o trabalho, costumo cruzar-me com vários dos nossos jogadores no seu caminho para o trabalho. Aí há tempos, achei por bem pendurar um cachecol do Glorioso na janela do meu carro no momento em que saio de casa. Ao longo do trajecto comum, o cachecol permanece pendurado na janela, esvoaçando livremente, como que saudando quem passa. Depois retiro-o. Quando passo pelos nossos jogadores, não grito, não gesticulo, não buzino. Simplesmente, utilizo o cachecol como quem diz: "Bom dia, vizinho. Bom trabalho! Estamos juntos!" E juntos seguimos. Ah, o dia em que me lembrei de iniciar este simples ritual foi a manhã seguinte a termos levado cinco do Basileia.

    ResponderEliminar
  21. Em primeiro lugar Viva o Benfica!

    Depois, é um consolo para a alma poder "conviver" com opiniões mais lúcidas e mais equilibradas do que o fácil botabaixo que todos são pródigos em fazer nestas alturas... nisto vê-se quem é Homem e quem é rato e à cabeça o RGS, sobretudo porque esteve lá, isso faz dele um enorme oportunista nestas alturas. Se ganham é porque lhe deram ouvidos, se não têm que pôr o lugar à disposição... Não dou para esse peditório nem queimo neurónios a ler disparates como o blog do mancha negra.

    Por isso, obrigado Guachos e a todos os Benfiquistas que aqui se "encontram" para respirar o amor pelo nosso clube!

    Estou dorido, combalido, como todos, porque ver o único remate à baliza em noventa minutos dar em golo, doi muito, ainda mais para quem estava no estádio e fez parte daquele ambiente que se criou...
    Não vou em caças às bruxas, embora não tenha apreciado nem algumas prestações de jogadores, nem as escolhas do treinador, mas nunca condenarei sumariamente quem nos deu tantas alegrias.

    Do árbitro apenas tenho que dizer que é o maior cobardolas da arbitragem e que só por brincadeira pode ser considerado o maior apitador deste futebol. Se é o melhor, percebe-se porque não vai fazer excursão até à Rússia. Fica no recato da familia que tanto zela proteger... Metesse uma baixa ou inventasse uma indisposição e seria mais digno que a figura que fez, igual a tantas outras em iguais circunstâncias.
    E ainda tenho que ver e ouvir (ontem) que foi uma grande arbitragem! Foda-se!

    Perante tamanha armadilha (que mal soube, logo avisei como seria e aqui o escrevi), também lamento o silêncio ensurdecedor e quase apaziguador dos responsáveis do Benfica, a mais um capítulo protagonizado pelo novo Proença. Se a ideia é resignarmos-nos, passa a ideia que está mesmo tudo feito e sem remédio, então o esforço que tantos fazem em ir ao futebol com todo o fervor e amor clubístico é infrutífero.

    No campo sempre acreditei e acreditarei que tudo é possível e tantos anos a ver futebol assim o permitem. Perdemos uma oportunidade dourada, mas o campeonato não acabou e foi contra todas as probabilidades que chegamos onde chegamos ontem... E fui dos que sempre acreditou, por isso desistir nunca!

    Amo-te Benfica
    Rossetti

    ResponderEliminar
  22. Enorme texto, à Benfica, maior que Portugal.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  23. "Assim fazem os homens (e MULHERES) de carácter"!
    Meu caro, obrigada por me provar que não estou só neste sentimento.
    Sempre Presente

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.