quinta-feira, 28 de junho de 2018

Nunca conseguirão dissimular o sapismo entranhado...

É de fazer chorar as pedras das calçadas. O brunalgas voltou ao facebook no "primeiro dia em que despiu a camisola de presidente do Sporting" - ou em linguagem de sapo; no primeiro minuto em que se deu conta que não voltaria a sentar o terceiro olho no BMW serie 7 à conta dos sapos, que o cartão de credito e as demais mordomias lhe foram cortadas e que os pés-de-microfone, agora, até lhe desligam o telefone nas trombas. O post é todo ele um grito de clemência...ou demência - mendigando a migalha respeito que ele sempre fez questão de não conceder a ninguém...

"O meu desejo é simples, que se acabe com este processo disciplinar e se permita aos sportinguistas ouvirem todos os que quiserem falar e decidirem o futuro do clube e SAD. E neste momento é muito importante não provocar mais fragmentações do universo leonino. Vamos encarar cada lista com o respeito que merece, pois querer servir o clube não é um 'crime', mas sim um ato de paixão". Credo! Eu nem consigo imaginar o arrependimento que paira sobre aqueles cornos. Se pudesse voltar atrás, era menino para lambuzar de cima abaixo todos os sapos que ele escorraçou com um sorriso escarninho, até chegar ao tio Ricciardi e ao Álvaro Sobrinho, cheio de vontade de lhes lamber o cuzinho. 

O sporting de Lisboa não quer que a Comissão Arbitral Paritária (CAP) se pronuncie sobre a situação dos nove jogadores que rescindiram com a SAD dos sapos. Assim mesmo. Não quer. Não quer o sporting e eu estou em crer que ninguém da merda da comunicação social que temos a quer. E dêm-lhes mais uns dias até aparecerem notícias de membros da CAP com familiares apanhados assistir a um jogo do Benfica e outros perigosos cibernautas caçados no facebokk com uma camisola Sálvio ou do Jonas! Aí está a primeira amostra do que aí vem. Podem, num primeiro momento, fingir que o brunismo foi exorcizado dos sapos, mas nunca conseguirão dissimular o sapismo tão entranhado nessa seita ordinária. Se pensavam que o brunalgas era uma besta...

Mundial 2018 - Muito melhor que a Alemanha. O foculporto passou com distinção e brilhantismo à fase seguinte do campeonato do Mundo. Com esta proeza do México, o Real Madrid vai ter que perder as estribeiras para conseguir contratar o Quintero. Não é crível que o os outros tubarões da Europa não façam chegar ao nojo, ao rascord e à bolha, essa grande vontade de superar a clausula do craque...

Sem o mesmo esplendor do foculporto, o Japão também acabou por seguir em frente com base num critério definido pela disciplina. Empatados em tudo (pontos, diferença de golos, número de golos marcados e confronto directo), Japão e Senegal viram o seu destino ditado pelo comportamento, factor de desempate onde levaram os nipónicos levaram a melhor. Mais faltosos, ou com falta de sorte - os cartões amarelos dependem sempre do humor dos apitadeiros - calhou a fava aos senegaleses.

Se um dia o rolha proença se lembrar de importar esta moda para Portugal - de decidir resultados com base nos cartões mostrados pelos árbitros  - o Felipe vale tudo é menino para chegar ao fim do campeonato sem nada na folha disciplinar a assinalar....

O Presidente Marcelo anda pelas Américas a tentar vender banha da cobra a Donald Trump. O intrépido beijador de velhas e saltos para a água em cuecas, além da lição de história que aplicou ao analfabeto presidente americano, impingiu-lhe o melhor cotovelo do Mundo e ainda se deu ao luxo de medir o tamanho da pila com o divertido marido da Melania, espetando-lhe na cara que o filho da melhor Dolores do Mundo nunca teria qualquer hipótese numa disputa eleitoral com ele próprio; "Portugal é um pouco diferente dos Estados Unidos". Tem toda razão o emérito comentador desportivo e ex-estrela televisiva da politica nacional. Num país a sério como Portugal seria impensável dar a um Aeroporto o nome de um futebolista em actividade. Estes americanos são loucos!

16 comentários:

  1. ...caro GUACHOS...é mesmo preocupante,é mesmo para assustar!!!bem sei(sabemos)que nesta miserável justiça,neste país de merda que se tornou Portugal(NÃO O MEU PORTUGAL;DE CAMÕES,PESSOA,EUSEBIO,AMALIA,AGOSTINHO,ETC...)repito, é preocupante...o FACÍNORA que veste uma farda(noutros tempos(no meu PORTUGAL,sinal de respeito)para ter a oportunidade de dar largas aos seus instintos criminosos,viu a tal justiça de merda e corrupta "oferecer-lhe"3 anos de pena suspensa,porque o FACÍNORA,se sentiu ameaçado por um CIDADÃO DE BEM QUE É CULPADO POR AMAR O BENFICA,O PAI UM IDOSO DE FACA E PISTOLA,E AINDA DUAS CRIANÇAS ARMADAS COM GRANADAS NA CINTURA...que filha da puta de justiça...e,depois ficamos surpreendidos porque o CRIME ORGANIZADO COM SEDE NA CIDADE DO PORTO ,MAIS CONCRETAMENTE NA TORRE DAS ANTAS,ESTÁ ACIMA DA LEI...pudera,pois são eles que vestem as fardas neste país de merda...caro GUACHOS,quanto ao resto,apenas assinar por baixo(se me permitires)mais um texto cinco estrelas...aceita um abraço(Afonso

    ResponderEliminar
  2. Esse critério dos cartões é uma palhaçada e algo totalmente injusto, mais valia usar o critério de remates à baliza como ouvi de um comentador.

    No que se refere à importação deste critério para as competições nacionais, cheira-me que esse grande benfiquista Pedro Proença já deverá estar a preparar a introdução dessa regra na Taça da Liga da próxima época, e escusado será dizer qual será o clube escolhido para mostrar que os grandes não são protegidos no critério disciplinar.

    São tão previsíveis os dragartos.

    ResponderEliminar
  3. O urso que perseguiu tudo e todos que se lhe opuseram, que expulsou várias pessoas enqt sócios do Sporting, agora vem, qual ovelha mansa, pedir clemência.

    ResponderEliminar
  4. Segundo o Octário Machado, Brunalgas é um agente secreto do Benfica, implantado como sócio do Sporting precisamente para dar o tetra ao Benfica, e desviar atenções se eventualmente o Benfica fosse apanhado nas suas corrupções e tentativas de controlar o futebol Português.

    Os sapos por lá continuam todos, nisso o Brunalgas tem razão, são sempre os mesmos no poder, sempre os mesmos nomes a aparecer em todo o lado, a politica do ódio vai continuar, não seria o Sporting de Lisboa uma filiar do Frutabol de Porto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca consigo perceber : quando o Octachado Maldávio fala , é como homem do futebol ou como " homem do futebol-clube-do porto " , conforme ele próprio se auto-definiu ???

      Eliminar
    2. O Octachado é homem do futebol-que-lhe-convém.
      Os Sportinguistas tem duas características bem definidas:
      - Anti-Benfiquismo
      - Vira-Casacas

      Eliminar
  5. "...O intrépido beijador de velhas e saltos para a água em cuecas..." é uma verdadeiro "Pièce de résistance"! Bravo! Bravíssimo!

    ResponderEliminar
  6. O ultimo parágrafo é para emoldurar.....ahahahahah!

    ResponderEliminar
  7. Quem percebe o que se passa no Sporting!? Sai jogador, volta jogador; não tem direito a nada e recusa 10 milhões (Bas Dost); sai treinador, entra treinador; quer quem saiu, manda embora quem cá está... Dass!!! ninguém percebe nada.

    ResponderEliminar
  8. Ministério Público confirma investigação por corrupção no desporto
    Nome não é especificado mas Correio da Manhã adiantou tratar-se de Luís Gonçalves..
    A lavandaria azul na PJ continua a lavar mais branco.

    ResponderEliminar
  9. onde para isto....Federação pede investigação às denúncias do Benfica sobre o FC Porto sera q a policia judiciaria do porto anda de ferias ...

    ResponderEliminar
  10. FC Porto investigado por pirataria informática , será q vamos ter de pesquisar no Google como se caça um gatuno informático ou um jornalista trafulha

    ResponderEliminar
  11. O Ministério Público abriu um inquérito para apurar se o FC Porto cometeu algum crime de pirataria informática no caso dos e-mails.
    onde!!! onde, na policia judiciaria do porto , esta investigado, pois os ditos agentes são todos do fcporto sendo assim o melhor sera pedir ao MP E AO PGR e a MINISTRA DA JUSTIÇA UMA INVESTIGAÇAO AUTONOMA A POLICIA JUDICIARIA DO PORTO ....

    ResponderEliminar
  12. Não tenhamos dúvidas; o Clube dos Viscondes continua fiel ao ADN que sempre o caracterizou ou seja, o ódio visceral ao Benfica seja quem for que o dirija. O Bruno 'da Musgueira' foi apenas um 'fait-divers' e um 'accident de route' que não muda em nada a matriz original. Por alguma razão têm sistematicamente vegetado à sombra dessa 'alergia congénita' pois, em vez de tentarem medrar por si próprios e lutar pelas suas próprias conquistas, preferem olhar e invejar o que se faz no outro lado da 2ª circular, aliás uma característica muito vincada em todos os sectores da vida nacional...
    Enquanto isso, o clube de Contumil (enquanto aguarda pelo 'novo' posicionamento dos 'Viscondes' que não deverá diferir muito do habitual), continua a engendrar as suas tradicionais golpadas para impedir que o Benfica consagre o mérito que tem em êxitos continuados. Palpita-me que à falta de melhor, não tardará uma nova denúncia anónima (como é próprio dos cobardes) fomentando uma qualquer novela rasca venezuelana com o apoio firme e decidido dos mérdia que estão algo entontecidos com o prolongamento do caos dos sapos.
    Será que causa alguma estranheza o silêncio compulsivo do 'Rolha' Proença com a 'saída de cena' do seu mentor, mesmo que o edifício ameace desabar a qualquer momento? Ou do eternamente ausente Presidente 'das Selecções' que parece sempre a leste de tudo o que de negativo se passa no 'pobre' futeluso?
    Mas atenção; não tardaremos a ouvir 'inovações' promovidas pelos sempre distantes dirigentes da Liga, C.A. e Federação copiadas de outro lado qualquer, para fingir que estão a trabalhar em prol da justiça e do desenvolvimento do futebol português...

    ResponderEliminar
  13. - O nível, a classe, estas verdadeiras ínclitas gerações, do Reinaldo ao Sobral dos peidos e da coca, e acabando no seu presidente, das Conversas cú Professor Marcelo, todas as semanas antes do Big Brother, um reality show às direitas, não é como aquelas coisas que eles têm lá nos EUA, o Prof Martelo e as suas pilhas de livros todas as semanas, e o cumentário sobre tudo e o seu contrário na TVI, e o seu amor pelo Sporting, do Minho, porque isento e nada burro.

    - De facto não há aeroporto Tom Brady, Michael Jordan ou Joe Montana nos EUA, são um país atrasado e que nem gosta de frutabol ainda por cima, devem ser é rabetas, como dizia o grande presidente Bruno de Carvalho durante 5 anos de aplausos e palmadinhas nas suas costas lipo-aspiradas entretanto: "dava-lhe um pontapé no cú mas pela cara dele, ele era capaz de gostar" - o nível, a classe, a elevação, nos EUA também não há nada disso, "é um pouco diferente".

    - O xó Sinisa, que eu não sei escrever o sobrenome do homem, é outro, que esteve na Guerra dos Balcãs, mas não sabe que no tugaz "é um pouco diferente", e no frutabol tuguês ui ui, então nem se fala, especialmente num clube de futebol de Lisboa, onde os contratos assinados por mútuo acordo entre as partes, de boa fé, com a palavra de honra dada, valem tanto como o papel higiénico usado nos WC cheios de ladrilho. Os únicos contratos que alto lá não se podem rasgar são os dos jogadores espancados e ameaçados de morte pelos Nazis encapuzados dos seus adeptos, aí é que nem pensar, que os contratos são para se cumprir. Mas o homem que veio da Guerra dos Balcãs para lidar com um clube de futebol com os croquetes e sabe Deus mais o quê, já fez saber que se querem rasgar o contrato que assinaram com ele nem à 2 semanas, vão ter que pagar.

    -E agora que o presidente Führer Azevedo foi destituído, uma vez que receberam 0 (zero) euros pela transferência, o Comédia Lisbon vai ao Wolverhampton EXIGIR o pagamento de 20 milhões de euros pelo Rui Franguício, certo? É isso? É que como é tudo tão "um pouco diferente" estas alminhas analfabetas, acabam a viver numa realidade alternativa. :))
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bom!

      Realmente somos diferentes, melhores é que está quieto!

      Eliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.