quarta-feira, 1 de junho de 2022

O "verdadeiro" verdadeiro e o especialista da especialidade!

Porque o "verdadeiro" verdadeiro benfiquista tem como certo que o Benfica só deixa de ganhar por causa dos meus posts no GV, ao longo de todos destes anos como que fui forçado a desenvolver um apurado faro para detectar "verdadeiros" verdadeiros e especialistas da especialidade. A minha caixa de spam está repleta de insultos, desde o clássico "Vieirista" para cima, Pedro Guerra para baixo, e de filho da puta até ao teto ninguém me livra em caso de uma derrota ou empate. Ameaças à minha integridade física e desafios para um encontro a sós encaro-os como bichanices de gente para quem bater pívias para cima do teclado há muito substituiu a vontade de foder.

Ao sabor da pena e sem qualquer pretensão cronológica, deixo-vos com alguns conceitos e definições do "verdadeiro" verdadeiro benfiquista, que na esmagadora maioria também possui currículo afamado na especialidade de especialista da especialidade! Os não "verdadeiros" e os verdadeiros que não se reveem nestes pressupostos escusam ficar melindrados. Este post não é (mesmo) nada para eles.

Primeira obrigação do "verdadeiro". Pedir a cabeça do treinador aos dez minutos de jogo, despedir metade do plantel por volta da meia hora e exigir eleições antecipadas no intervalo sempre que o empate persistir. Se o Benfica acabar por ganhar, enviar rapidamente dezenas de mensagens a gozar os lagartos e ir a correr para as redes sociais fazer chacota com os amigos da fruta, são conceitos básicos que concedem ao "verdadeiro" forte possibilidade de chegar um dia ao difícil patamar do taliban da internet...

O "verdadeiro" tem a certeza absoluta que o presidente Vieira (para ajudar os seus amigos da fruta) fez de propósito para não ganhar o tão almejado Penta e nunca teve qualquer tipo duvida que o inédito Tetra só aconteceu por causa das publicações a malhar todos os dias na equipa e que as vitórias nas Taças só foram possíveis pelo acerto dos insultos e do aprumo da talocha quando a produtividade do "verdadeiro" se resumiu a pinchar as paredes do estádio! 

A segunda premissa para quem almejar fazer parte do restrito lote de "verdadeiros" benfiquistas é ter sempre exigência máxima e tolerância zero em qualquer assunto do Benfica. O ''verdadeiro'' tem sempre na algibeira máximas que não abdica: o árbitro até pode ser um filho da fruta mas apenas se o Benfica ganhar. Porque, mesmo que deixe de assinalar três penaltis descarados e quatro foras-de-jogo que até um cego vê, ''se fizermos o nosso trabalho ganhamos a qualquer equipa". "Nós não somos (não éramos) o sporting" é a sua bíblia sagrada e ai de quem se atrever a aceitar publicamente que no futebol ainda existem três possíveis resultados. E porque o "verdadeiro" só aceita ganhar por goleadas de arrasar...

O plantel parece-lhe sempre uma merda no início da época. A meio do campeonato já pode vir a ser um dos melhores de sempre e se ganhar apenas o campeonato, foi porque o treinador - terceira ou quarta escolha do "verdadeiro" - nunca teve unhas para aquilo. Aquele plantel nas mãos do treinador do Guimarães, do Braga ou do Rio Ave, chegava e sobrava para, pelo menos, chegar a uma final europeia. O ''verdadeiro'' adora os jovens formados no Seixal (vomita-se todo por cada um que sai para o estrangeiro) mas resfolega de raiva se o Benfica não comprar três ou quatro craques de craveira mundial no inicio de cada época. Porque os putos ainda não estão preparados e porque não é com "Taliscas" que vamos lá, há algo que o "verdadeiro" nunca abdica; mesmo que o treinador (seja lá ele quem for) venha ganhar a Champions nunca será treinador para o Benfica". Trapattoni, campeão no Benfica após 11 anos de seca, foi forçado a ir embora, Mourinho saiu como um pixote e Jupp Heynckes acabou escorraçado!

Trapattoni - 12º Maior treinador de todos os tempos da France Football. Taça intercontinental, Taça das taças, Liga dos Campeões, Supertaça europeia, Europe League (3), Nations Cup, Liga Austriaca, Supertaça Itália, Bundesliga Alemã, Taça da Liga Alemã, Liga Italiana (7) Copa de Itália (2), Copa da Alemanha, Liga Portuguesa. José Mourinho - melhor do mundo em 2010. Liga dos Campeões (2) Europe League (2), Europe Conference League, Liga Itália (2) Supertaça de Itália, The FA Cup (2), League Cup, Liga Inglesa (3) FA Community Shield (2), Liga Espanhola, Copa del Rey, Supercopa de Espanha, Liga Portuguesa (2) Supertaça Candido Oliveira. Jupp Heynckes - melhor do Mundo em 2013. Liga dos Campões (2), Bundesliga Alemã (4), DFL-SuperCup (3) UEFA Intertoto Cup (2), DFB Pokal. Todos foram achincalhados no Benfica porque os "verdadeiros" e os especialistas da especialidade não gostavam do futebol praticado! 

O "verdadeiro" verdadeiro começa a mostrar a sua raça logo no primeiro treino da época. É ali, na primeira peladinha em directo, na BTV, que o "verdadeiro" detecta dois ou três alvos para massacrar no que resta da época. Espumava-se com os imaculados calções do Nené, já marrou muito com Luisão, Jonas e Júlio César, roeu as canelas a Saviola, odiou a 'ginga' de Di Maria e Gaitan, detestou o caruncho do Aimar, bateu todos os dias da sua vida no Pizzi, achincalhou com valentia Jardel e Cardozo, arrasou a pouca altura de Grimaldo e do Cervi (um gigante após sair do Benfica para Espanha) e mesmo Sálvio (grande jogador que Vieira deixou sair ao desbarato) era impopular às segundas, quartas e sextas, por ter demasiadas lesões, e nas terças e quintas o "verdadeiro" verdadeiro sofria a valer por o argentino não passar a bola ninguém. 

Indignado por perder a Taça de Portugal para o Vitória de Guimarães de Rui Vitória, o ''verdadeiro" verdadeiro que foi ao Jamor insultar e cuspir o treinador (Jorge Jesus) do Benfica entrou imediatamente de luto assim que o batráquio saiu para ser apresentado nos sapos. O "verdadeiro", que olhava para o Rafa do Braga como a ultima coca-cola do deserto, é o primeiro a oferecer-se, desde que o  comendador chegou ao Benfica, para ir ao aeroporto despachá-lo para longe!

O "verdadeiro" benfiquista gosta por demais do estudioso Vítor Pereira (o Vitó da Mosca que nem os fruteiros conseguiu conquistar), já teve orgasmos múltiplos com João Pedro Sousa, dá o cuzinho para escutar a bazófia de Carlos Carvalhal e já achou Pedro Martins um treinador à maneira. Quem o conhece de ginjeira lembra-se bem que, por vontade do "verdadeiro", a careca do Miguel Cardoso já tinha aportado na Luz como uma espécie de remédio milagroso. E que até o ex-forcado Paulo Sérgio foi, no seu período supra-sumo, o Messias desejado que calaria bem fundo no seu coração sofredor. O "verdadeiro", como o especialista da especialidade, pela-se pelo futebol bonito do aristocrata Luís Castro, morre de amores pelos sucessivos treinadores do Guimarães e os do Braga provocam-lhe orgasmos múltiplos e emoções às toneladas. A Nuno Espírito Santo bastou-lhe chegar ao Wolverhampton para começar a fazer-lhe cocegas nas virilhas e o Marco Silva chegará a velho preenchendo-lhes na totalidade as medidas.

O ''verdadeiro'' ainda tem mais duas certezas na vida. Se o jogador (com currículo) for bom nunca virá para o Benfica. E se por qualquer outra razão vier a ser contratado - sempre contra a sua vontade e dos especialistas da especialidade - é porque vem com espondilose e/ou a feder a caruncho. Os novos craques têm sempre defeito: ou porque já chegam demasiado velhos ou porque ainda não provaram nada para jogar no Benfica. Os Dawins são sempre uns pixotes. Os Jonas uns valentes Lítotes.

Na casa dos 26/7 anos são todos uma bela porcaria, caso contrario há muito que tinham chegado ao estrelato! Negociatas do Vieira, quer num caso quer nos outros, que o "verdadeiro" conhece-os de ginjeira e jamais se deixa enganar!

Por vezes, lá concede que o jogador até pode ser bom, mas só serve para os jogos mais fáceis. Esperar por um teste mais a sério (que nunca mais chega) é finca pé de todo o "verdadeiro" verdadeiro benfiquista que se prese. O jogador do Benfica nunca tem valor de mercado: são coisas dos jornais e do empresário que anda a comer o Benfica e os sócios à custa do Vieira e/ou do Rui Costa. Por norma, o "verdadeiro" verdadeiro está sempre disponível para levar o jogador ao aeroporto e ainda mete algum do seu bolso para se ver livre do flpo. Mas que se livrem de tentarem vendê-lo. Vender um jogador do Benfica é provocar um terramoto de criticas, despoletando de imediato a raiva e o ADN que apenas o ''verdadeiro'' carrega na alma...

O jogador que sai (não importa o nome), certinho e direitinho, é sempre melhor que os ficam. Se for vendido por menos de um camião de euros é sempre um péssimo negócio para o Benfica. O ''verdadeiro'' fica sempre desconfiado com o interesse (jornalístico) do Benfica em novos jogadores. Emérito conhecedor do métier o "verdadeiro" sabe perfeitamente que há muito melhor na equipa b, nos sub 23 nem é bom falar, mas explode de raiva nas redes sociais ao primeiro resultado tangencial se o craque acabar por assinar pelo foculporto! O "verdadeiro" adora todos os novos Garrinchas que regularmente aparecem nos sapos na mesma medida em que abomina as perdas de bola do Darwin, os passes errados do Weigl e o rosto sério de Yaremchuk. O seu grande sonho é meter metade do 11 titular no banco de suplentes mais dois ou três na equipa b para aprender. Inteligente e sagaz como nenhum treinador do Benfica o "verdadeiro" resolveria todos os problemas trocando o plantel a cada resultado menos bom.

O "verdadeiro" verdadeiro sabe tudo da planificação de uma época, domina a fundo a medicina desportiva e o tratamento "lesional", e o corte da relva também não tem segredos para si. Treino sistematizado, sistemas de jogo, tácticas e modelos de jogo, papa-os ao pequeno almoço antes de começar a twittar. Sabe tudo de gestão e finanças, trata por tu os assuntos de natureza económica, discute com gestores e economistas os relatórios & contas, o 4-4-2 não tem segredos para si e dorme todos os dias com o fio-de-jogo enfiado no cu. Nas mãos de um "verdadeiro" comandante a águia vitória voaria mais alto e mais longe que a Fly Emirates...

Quem for ''verdadeiro'' sabe que o Presidente do Benfica fala sempre quando devia estar calado e nunca diz nada de jeito quando o "verdadeiro" entende que ele tem de falar. Qualquer empate a seguir a um discurso do Presidente é sempre por culpa da sua retórica. No caso de uma muito pouco provável vitória o mérito é dos jogadores que já não vão em cantigas! Sistematicamente derrotado nas urnas, o "verdadeiro" verdadeiro não consegue disfarçar o ódio de estimação que professa a qualquer presidente do Benfica mas está sempre na linha da frente para dar os parabéns ao clube da fruta que leva 40 anos a traficar dióspiros.

"Verdadeiro" verdadeiro é o que odeia hoje o que vai amar amanhã, o que destrata todos os que não lhe fazem a vontade, mas também, e muito naturalmente o seu contrário! Na opinião do ''verdadeiro'' se o Benfica marcar ao minuto 90 é porque tem uma sorte do Carrillo. Se sofrer aos 90 minutos é pura incompetência  do treinador, do Presidente, do GuachosVermelhos e do Domingos Soares Oliveira...

E nunca se esqueçam das premissas que fazem escola, cimento dos "verdadeiros" e dos especialistas da especialidade. Nenhum não "verdadeiro" pode ser considerado verdadeiro "verdadeiro" se não se mostrar publicamente indignado com os 10-0 ao Nacional da Madeira nem com a falta de competividade que existia na liga. Figura publica (mais ou menos ressabiada) especialista da especialidade que vá à televisão matraquear o Presidente, provocar o fim do mundo por causa da contratação do terceiro adjunto de Roger Schmidt e arrasar os futuros jogadores na imprensa arruaceira, tem tudo o que é preciso para alcançar o nível de sua santidade padroeira! 

terça-feira, 31 de maio de 2022

País de mansos do car@lho!

Em Fevereiro de 2021 o pasquim oficioso do clube anunciou que o foculporto comunicou à CMVM um resultado líquido de 34 milhões de euros nas contas do primeiro semestre da época e a projecção do cumprimento total do acordo com a UEFA, que permitiria à fruta SAD sair da sombra do Fair-Play financeiro a 30 de junho. O pasquim da fruta, onojo, explicava que a recuperação era fruto das mais-valias realizadas nas transferências de jogadores. Chidozie saiu para o Boavista, com o clube axadrezado a pagar cinco milhões de euros - "em face do defesa nigeriano ter alcançado uma série de objetivos" - destacando os valores das duas maiores vendas. Segundo o Relatório e Contas, Fábio Silva, transferido para o Wolverhampton, gerou uma mais-valia de 25 milhões de euros e Alex penalti Telles, que saiu para o Manchester United, deixando na frutaria 11.199.820 M€ em caixa.

Dos badalados 40 milhões de Fabio Silva, transacionado para o Wolverhampton do amigo Nuno Espirito Santo, restaram 25. Do penalti Telles, anunciado por 15, sobraram 11. De Chidozie, usado para martelar as contas, enganando a CMVM, os acionistas e a UEFA, soube-se agora que o foculporto reclama 5 milhões do Boavista que no relatório de 2021 declara ter recebido para contornar o Fair-Play financeiro da UEFA!! Dor de corno por causa do Musa ou comadres às turras (lembrar que o Boavista, no Apito Dourado, foi desterrado para as divisões inferiores por troca com o clube da fruta) sem cheta na tesouraria, venha um corrupto e escolha! O que mais me fascina, só para falar nos mais recentes, são os empréstimos de clubes como o Tondela (Osório) Paços de Ferreira (Eustáquio) e Portimonense (Abraham Marcus) ao clube da fruta, ou  vendas - a sério? - de 5 milhões de euros a clubes como o Boavista que não têm onde cair mortos! A tudo isto, a MDCSDQT, a CMVM e os especialistas da especialidade dizem nada! País de mansos do car@lho!

segunda-feira, 30 de maio de 2022

EPluribusUnum!

 


EHF European League. SL Benfica 40-39 Magdeburgo, lider da liga alemã, melhor liga do mundo. Título europeu!... Épico!... Extraordinário!... Milagre!... Meu Deus! Como é diferente o desporto disputado longe dos tentáculos do Calor da Noite e do Cashball! Para recordar eternamente. O Presidente Rui Costa, durante o jogo, a vibrar como um louco! Um dos nossos, sim senhor. Convidado por um elemento da organização a juntar-se aos festejos dos jogadores na entrega da taça, rematou para o melhor golo da carreira - "Não obrigado! A vitória é deles". Gustavo Capdeville envergou uma t-shirt com uma fotografia de Alfredo Quintana, guarda-redes do foculporto e da Seleção Nacional que faleceu a 26 de fevereiro de 2021. Nas bancadas, os adeptos do Benfica exibiram a camisola do malogrado guarda-redes durante os festejos! Filhos da puta quê? Isto sim é desporto. Isto é Benfica. E se amas o desporto, amas o Benfica!


domingo, 22 de maio de 2022

Premier League!

Em Portugal, na liga da farsa, onde o campeão se decide ao centímetro, as regras são contornadas à vontade do freguês e os cartões amarelos e os castigos são cumpridos nas férias. Em Inglaterra, na Premier League, a prova disputa-se até ao último suspiro, os estádios rebentam pelas costuras, os jogos são decididos pelos jogadores e pelos treinadores (Guardiola quase borrava a pintura apostando no autentico buraco que foi Fernandinho), com emoção, golos, reviravoltas...espectáculo! Ao intervalo o Liverpool, que também começou a perder, era campeão com o empate registado. Aos 69 minutos (0-2) Philippe Coutinho parecia ter acabado com as hipóteses do City! 

Qual quê. Entre os 76 e os 81 minutos, 2 golos de Gündoğan e Rodrigo (1) acabaram com a festa que já se fazia em Liverpool! De parabéns estão, para além de Guardiola e Klopp, João Cancelo, Bernardo Silva, Rúben Dias e Ederson (todos com passado na formação do Benfica) mas também Diogo Jota que, no Liverpool, completa o lote dos mal amados da MDCSDQT. Bons, bons, são o filho da melhor Dolores do mundo e o melhor Bruno Fernandes em campo, os bem aventurados que levaram ao colo (6º lugar) o Manchester United. 

sábado, 21 de maio de 2022

E ainda lhe pagam para isso!

Nenhuma novidade para quem se espumava pelos cantos da boca por causa dos 126 milhões de João Felix (dizia a alimária que bastava o Atlético de Madrid falir para o Benfica ficar sem o pilin). Nada surpreendente para o especialista na época passada disse mais ou menos o mesmo de Darwin. O Octávio gosma verde, da CMTV, também não gosta de Musa! Diz que o croata tem bicho. Apresentou o trabalho de casa agitando os cornos com os numeros do avançado que, com 1,90 cm, apenas marcou um golo de cabeça, dos 11 obtidos no Boavista na liga da farsa, em 27 jogos (2316 mts) realizados. Nenhum da marca de grande penalidade!

Taremi, 3 centímetros mais baixo, marcou dois de cabeça dos 20 obtidos no foculporto em 32 jogos (2430 mts) realizados. 6 foram de penalti. Contas feitas, jogando no Boavista e com menos 5 jogos disputados o novo reforço do Benfica, com os 6 penaltis do iraniano ficava com 17 golos no papo. Taremi, sem os penaltis dos Bascos Santos, ficava com 13 no currículo, mais dois que o Petar Musa sem os pontapés da marca de grande penalidade. Calhou ao azeiteiro Malheiro "defender" o Benfica no programa. Eu demorei 15 minutos a pesquisar estas contas. O azeiteiro (toureado pelo gosma) passou o dia e o resto da noite na farra. E ainda lhe pagam para isso!