sábado, 4 de agosto de 2012

Jorge Jesus o catedrático!

Jorge Jesus tornou-se um ícone da cultura portuguesa, quando ao serviço do Belenenses, afirmou sem papas na língua, que o  Fair-Play é uma treta! Lembro-me bem da torrente de elogios que o trouxeram para as primeiras páginas de então...
Mais tarde, ao serviço do Braga, passou a catedrático, quando em pleno estádio da luz, (na altura tinha no bolso um convite do peidoso para ser treinador dos corruptos), aziado com uma derrota, inventou o «campeão da Playstation»! Aí, foi levado à condição de herói! Tinha nascido um ídolo!
Ao  bom futebol que o Braga apresentava, juntava uma vontade clara de afrontar o Benfica, o que de imediato lhe conferiu o estatuto de grande treinador e poliglota de inquestionável valia!
4 milhões de fãs vibravam, extasiados com as suas façanhas linguísticas, mais que da táctica, da técnica ou dos golos que a sua equipa marcava...

Os expert's adoravam-no e vários eram os que sabendo-o apalavrado com o peidoso, lhe teciam os mais rasgados elogios!
Eram tempos em que os benfiquistas 'deliciados' com belo e acutilante futebol de Quique Flores, 'curtiam' satisfeitos o magnifico futebol apresentado e os sucessivos títulos conquistados!
Grandes contratações, excelentes jogadores; não havia Gaitans na equipa e o Cardozo rompia o banco de suplentes, enquanto que o titular, David Suazo, encantava a plateia!
Não marcava muitos golos, mas isso que importa! Corria muito, era elegante, e houve uma vez que fez uma finta espectacular, deixando sentado um defesa!
O Benfica viria a perder esse jogo, mas que importância tinha isso? não estavam todos encantados com a elegância do moço?
Os jornais adoravam-no, a M. Rebelo não marrava com ele, e os adeptos deliravam com as suas proezas! 
Praticava-se um futebol de encantar e era constante ver o estádio rebentar pelas costuras!
Ai que saudades! Ai, ai!

Enquanto o peidoso hesitava, com pena de despedir Jesualdo, LFV antecipa-se e contrata Jesus!
Ho, ho, ho! Do catedrático Jesus, já nada restava!
Um labrego, um burro que não sabe falar, um cepo que não sabe lidar com os jogadores, um estúpido, um iletrado e outros mimos mais ou menos imbecis...
Descobriu-se que o homem fora nascido e criado na reboleira, ao invés do aristocrático Quique, descendente das melhores famílias de nuestros hermanos...
A juntar a isto, o homem tem a mania que é o Ferguson e passa grande parte do tempo a mastigar 'chicla' com a boca aberta! Que labrego!

Portugal é um país de catedráticos!
Damos uma leitura pela blogosfera e ficamos com essa "certeza"...
Se tivermos um pouquinho (muita) de paciência e espreitarmos as diversas caixas (online) de comentários dos jornais, sejam eles desportivos ou outros, é esclarecedor o "elevado" nível dos participantes!
Trata-se a língua portuguesa com o mesmo respeito com que o proença trata o Benfica!
Um país que tem um Relvas como ministro, (já depois de ter o inefável Sócrates com primeira figura da nação) tem também milhões a criticá-lo com inusitada sanha demolidora!
Grande parte dos que gozam e criticam Relvas, tiraram o 6º, o 9º e o 12ª ano nas 'novas oportunidades' e as suas 'competências' não vão além do tricot e da culinária...

São esses e outros (mais imbecis porque mais instruídos) que desancam Jesus (e também Vieira) cada vez que um ou ambos, se expõem na defesa do Benfica!
Refiro-me aos benfiquistas, porque dos outros não espero melhor...

O GuachosVermelhos, que não nasceu num berço de ouro e que aos 11 anos já andava a trabalhar aprendendo um oficio, está (talvez por isso) muito mais perto dos 'labregos' desta vida, que dos catedráticos inócuos e imbecis, armados em intelectuais!
Jorge Jesus é autentico, é impulsivo, mas natural...corre por isso riscos de imagem que como se comprova, é assunto a que não dá a mínima importância!
Eu gosto...

Se há um jogador não obedece às suas ordens e impulsivamente Jesus o repreende em publico, não sei dizer se isso é bom ou mau! Sinceramente, não sei!
O que sei, é que o tempo vai responder a isso muito melhor que todos os criticos. Isso eu sei.
Para Ola Jonh, é uma aprendizagem melhor e mais rápida, que o supersónico doutoramento do ministro Relvas!
Em poucos dias já ficou a conhecer em profundidade a matilha que o rodeia, já sabe que essa treta de ser jovem serve apenas para os lagartinhos do outro lado da segunda circular, e se desejar muito ser jovem, mude de nome e passe a chamar-se Iturbe ou Rámes!
Terá então dois ou três anos, até lhe cobrarem rendimento a condizer com o salário...
No Benfica isso não existe e Ola Jonh já o ficou a saber...

São famosas as descompusturas publicas que grandes treinadores mundiais deram aos seus pupilos, por  terem desobedecido às ordens dadas...
Fábio Capelo, ainda recentemente, com Rooney, desancando-o publicamente sem dó nem piedade, ou Mourinho, com Postiga e Baía, Ricardo Carvalho...
Ferguson, com vários casos mediáticos, são apenas exemplos de treinadores que quando é preciso mostrar quem manda, se estão nas tintas para os catedráticos, que, aliás, nestes casos, passam rapidamente de críticos ferozes ao 'lambebotismo' mais que deprezível...

Mas há outros, que mesmo tendo um temperamento (público) calmo e cavalheiresco, não de inibem de na hora, mostrar o seu desagrado pelo mau comportamento de vedetas, que, embora se façam pagar a peso de ouro, por vezes se comportam como frágeis universitários, a quem todos tratam como se de porcelanas quebradiças se tratasse...
Deixo-vos o exemplo de um treinador, homem que o GuachosVermelhos mais admira no mundo do futebol  por ter construído (na minha opinião) a melhor equipa de sempre e pela sua postura cavalheiresca...

13 comentários:

  1. guachos é urgente que passes para a comunicação do clube (se quiseres um assessor já sabes)!

    ResponderEliminar
  2. Fantástico, Guachos. Fantástico.

    Quando fiz aquele post com o Mourinho, Fergusson e Capelo andei à procura de imagens disto mas não encontrei.

    ResponderEliminar
  3. No vídeo vemos que o Guardiola é um treinador psicologicamente débil, mentalmente pouco equilibrado, a crucificar a quente e em praça pública. Aquilo não é ser mestre na disciplina. Aquilo é ser um perfeito idiota.

    A imagem que fica é a de um desequilibrado mental que decide descarregar no alvo mais fácil. O modo é o que já todos conhecemos, aos gritos, insultando e tratando os jogadores abaixo de cães.

    Se há alguma coisa que o Guardiola é em termos de disciplina, é um analfabeto. Dizer que Guardiola é mestre na disciplina é mentir desavergonhadamente. Uma pet shop seria melhor para este indivíduo trabalhar.

    Lamento em chamá-lo de idiota, mas um indivíduo que comete sucessivas idiotices é o quê? Um idiota. Estou cada vez mais farto deste imbecil à frente do Barcelona. Ainda bem que se foi embora!

    ResponderEliminar
  4. Parágrafo por parágrafo, palavra por palavra, subscrevo este texto.

    Se houvesse prémios para melhor blogue do mês, certamente o Guachos teria ganho o do mês de Julho e estaria lançado para arrecadar o do mês de Agosto.

    Caro Guachos, desculpe lá esta lambidela nas suas botas, mas haja alguém que lhe faça justiça. Está de facto imparável.

    Cumprimentos Benfiquistas

    ResponderEliminar
  5. Meus amigos,
    assim fico com a impressão que sou capaz de pelo menos me fazer entender...
    Não tarda, conotam-me como o jesus da blogosfera...
    Sem 'canudo', obviamente...

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem que o Oprah Winfrey Show já acabou,pois ás tantas tinhamos entrevista em direto, e o mulherio aos gritos ... Guachos, Guachos, Guacho...
    Agora mais a sério, e porque já ficou tudo dito, resta-me dar os parabens, não ao mestre da táctica, mas ao adepto que sabe da poda, e muito, digo eu !

    ResponderEliminar
  7. Muito bom post, muito bom mesmo, parabéns pela tua tua assertividade, continua assim não te deixes esmorecer. Força.

    ResponderEliminar
  8. NOVO BLOG

    http://www.covildosidiotas.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  9. Grande post Guachos como sempre de um dos melhores blog´s Benfiquistas que realmente defende o Benfica.
    Até li na Gloriosa Blogosfera que Jesus devia ser alvo de um processo disciplinar de facto isto está tudo louco, mas enfim são os grandes benfiquistas.
    Há outro episódio do Mourinho neste caso com o Sergio Ramos no ano passado depois de mais uma derrota com o Barça para a taça no 1º treino após o jogo á frente de todos inclusive das camaras da TV acusa-o de "ser o responsável pelo golo do Puyol" e que "queres-me lixar todo" isso sim é disciplina. Imagina se fosse o Jesus. Ou então se o Jesus agredi-se o grande estrela da equipa atirando-lhe as chuteiras. Giro não era. Houve um sr. que até é sir que fez isso e hoje.

    ResponderEliminar
  10. Meu caro Guachos, podes ter a certeza de que te fazes entender. Este post está soberbo.

    ResponderEliminar
  11. Para aqueles que não entenderam o meu comentário acima, o que nem surpreende, não passa de uma simples sátira utilizando o excelente post do Guachos e o grande Guardiola para glosar com um post cínico e vergonhoso sobre o nosso treinador Jorge Jesus.

    ResponderEliminar
  12. Só agora aqui cheguei e lembrando-me de uma história de intelectualidades a discutir futebol,conto uma q ouvi há largos anos,quando o Farense era Farense,numa das habituais tertulias num famoso café em Faro.
    Contestava um médico,um antigo jogador do Farense,expert na matéria:
    -Ouve lá ,o pah!Tu de futebol não me ensinas nada!Eu nasci em S.Luís,ao lado do estádio.
    -Pois saiba o dr.q eu nasci DENTRO do hospital velho,mas de medicina,não percebo NADA!
    Escusado será dizer q foi uma gargalhada geral e o sr dr meteu o rabo entre as pernas.
    Fosse hoje,e o tal médico,pq nasceu ao lado do estádio,(não sei onde nasceu eduardo barroso)teria de certeza,um curso de treinador e o ex jogador,nascido dentro do hospital,seria médico ,de certeza!!!

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.