quarta-feira, 1 de julho de 2015

Por ti, Bernardo (I).

Por José Albuquerque

Há uns dias, um nosso Leitor assíduo desafiou o Guachos a abordar, aqui, o tema Bernardo Silva e eu, mesmo sem saber se o Guachos o pensa fazer, creio que hoje é um dia particularmente adequado para o fazer, quer pela entrevista do Presidente que a bolha acaba de publicar, quer pela final de mais logo em que o Bernardo vai participar e que bem pode vir a celebrar o nascimento da mais brilhante estrela sub21 do actual futebol desta velha Europa.
Mas tenho de confessar que tenho um interesse mais geral em regressar a este tema da formação e lançamento de jovens profissionais de futebol, muito além do exemplo do Bernardo: trata-se de um assunto que tratei especificamente quando o Miguel Victor partiu para continuar a sua carreira longe do Glorioso, ou seja ... há já muito tempo.

Mas vamos primeiro ao Nosso Bernardo (sim, Nosso, porque se trata de mais um de Nós) e começo por fazer votos de que ele possa brilhar ao mais alto nível esta noite em Praga. Mais que isso, faço sinceros votos de que ele possa ter uma carreira sem limites de sucessos, bem complementados por inúmeras razões de felicidade na sua vida extraprofissional.

Creio que ele ainda não tinha 13 anos quando eu o vi, pela primeira vez, saltar do banco para participar num jogo treino de uma Nossa Equipa de sub14 (contra uma equipa do Casa Pia, se a memória não me atraiçoa) e aquele garoto franzino me impressionou a pontos de eu ter interrogado o meu Filho mais novo sobre quem ele era, como era e tudo o mais que a minha curiosidade permitiu: até eu, que não pesco bolufas disto, pressenti que se tratava de um pequeno frasco de perfume, de demasiado talento (jeito e inteligência) para tão pequeno arcaboiço físico!
Nos anos subsequentes só o vi jogar umas três vezes (duas já nos sub19), mas fui acompanhando o seu crescimento através dos meus Filhos, que me repetiam os exemplos de “como o pequenote brilhava no meio dos grandes”, numa estória repetida de autêntico David contra Golias, em que aquele Nosso Atleta compensava a falta de gabarito atlético com cada vez melhor técnica, cada vez maior inteligência e uma dedicação sem limites.

Recordo-me bem, apesar de ter conhecido a pequena estatura física dos pais, de como esperávamos que o Bernardo “desse o pulo”, até que, depois dele apresentar um buço farto, nos convencemos de que ele estava condenado a lutar contra um tremendo handicap atlético.
E ainda ontem me recordava o meu Filho mais novo de quantas vezes eu o incentivei a dizer ao Bernardo para esquecer o futebol de onze e se dedicar ao futsal, porque eu pressentia que ele podia ser um “novo Ricardinho”, com uma técnica ainda superior e, sobretudo, uma capacidade para ler o jogo e decidir sempre bem que nem o Ricardinho tem.

Pois, pois ... eu sou daqueles que têm a tendência para simplificar as coisas (é a Lei dos 20 – 80, que todos os Gestores seguem) e nunca apostaria em futebolistas com menos de um metro e oitenta ... e cinco se forem defesas laterais ... e noventa se forem centrais ou guarda redes. E isto é mesmo um limite inferior, porque o que eu queria mesmo eram muitos Matic, Jardel, ou Pogba, ahahah.
Mais uma forma de comprovar o pouco que eu percebo de futebol, quando escrevo estas barbaridades e, se me perguntarem sobre os dois mais fabulosos futebolistas dos últimos 25 anos, lá terei de responder ... Maradona e Messi, dois “cambutas” cuja magia faz explodir todas as mais voluntariosas preferências atléticas do jogo.

Honra e Glória, pois, ao Nosso Bernardo Silva que soube carregar esse handicap, rir-se dele (e de mim, ahahah), lutar com ele e ultrapassá-lo definitivamente, comprovando que essa regra do suporte atlético tem de aceitar excepções.
Cada um destes quatro desafios do Europeu de sub21 foi, na minha humilde opinião, a prova absoluta de que ele, Bernardo Silva, já ultrapassou qualquer “regra” e vai a caminho do aerópago reservado aos predestinados, àqueles de quem se diz “who cares what the size of the dog in the fight, when what does matter is the size of the fight in the dog”.

Tanto quanto são permitidas certezas, hoje eu tenho a certeza de que o Benfica “perdeu” um Atleta ímpar, perdeu a oportunidade de o ver afirmar-se perante o mundo com o Manto Sagrado vestido, perdeu a possibilidade de ter ganho o dobro, ou mesmo o triplo, com a sua venda e, acima de tudo, tenho a certeza de que ele, o Bernardo Silva, não tinha de “nascer mais dez vezes”!
Pior que isso, repugna-me a hipótese de que alguém que sabe muito de futebol tenha, nem sequer, imaginado que o Bernardo poderia ser melhor aproveitado como defesa lateral esquerdo!
Eu já tinha ouvido essa parvoice, mas confesso que não tinha acreditado: é inconcebível e nem me vou dar ao trabalho de explicar porquê. Uma tal bacorada pode não ter sido motivo para despedimento com justa causa, mas cheira-me exageradamente a uma qualquer espécie de castigo, de tão inconcebível que é.

Mas os Leitores do GUACHOS já me conhecem e sabem que eu não sou de fugir a responsabilidades, nem de desdizer o que escrevi, pelo menos sem pedir desculpas pelo erro.
Quando, há um ano, escrevi que um empréstimo de um ano para o Mónaco, mesmo com uma opção de venda por 15M€ (limpinhos de comissões ao agente, que recebeu os 750k€ restantes), era uma excelente solução para o “caso Bernardo”, eu sabia que era uma boa decisão, mesmo que ele viesse a provar valer o dobro, e mantenho a opinião!

Eu tenho quase 40 anos de Gestão de Empresas e de Equipas de Colaboradores, pelo que seria imperdoàvel se eu ainda imaginasse ser possível ter as qualidades dos Colaboradores sem os seus defeitos, recolher as coisas que eles fizeram bem e eliminar as que eu teria feito melhor, sob pena de ter de trabalhar só.
Quando se trabalha em equipa, os teus Colaboradores são como as rosas e boa parte do teu trabalho como líder é, precisamente, tentar limar-lhes os espinhos, dar-lhes a conhecer os seus pontos menos fortes e treiná-los a evitarem as situações em que essas fraquezas podem gerar maus resultados. Mas não podes “arrancar” os espinhos sem “matar” as rosas!
Ao longo de 6 anos, eu escrevi muitas vezes que considerava a ligação entre o Glorioso e o Nosso antigo técnico uma combinação perfeita ... e não me arrependo de o ter feito.
Ao longo de todos esses anos eu também repeti que considerava que essa “perfeição” dependia da capacidade desse excelente profissional em manter-se motivado e solidário com o Clube e os Nossos objectivos, algo que creio que sucedeu até há alguns meses e que acredito que deixou de ser verdade logo que conquistámos o Bicampeonato.

Paralelamente, desde há dois anos (desde o início da “nova” BTV), ainda o Bernardo estava no seu primeiro ano de Júnior, que eu defendo que o futebol do Glorioso entrou numa nova fase do seu desenvolvimento, passando a ter dois novos pilares de sustentação (a BTV e a “Fábrica”), que se vieram juntar ao já existente “sucesso desportivo” (medido em títulos e proveitos da UEFA).
Eu considero que o Nosso antigo técnico errou no que diz respeito ao Bernardo Silva, tanto como não errou relativamente aos dois André, nem ao Cavaleiro, nem ao Cancelo: o André Gomes comprovou o seu talento e potencial, mas já estava vendido em condições que eu considero válidas; o André Almeida é um soberbo Atleta, um típico número “12” de eleição; o Cancelo e o Cavaleiro continuam a não demonstrar a qualidade necessária para a Nossa Equipa, pelo que a sua venda em condições económicas atractivas é uma oportunidade imperdível.
Quanto ao Bernardo, creio que é indiscutível que, estando no Plantel, poderia ter assumido um papel muito importante na segunda metade da época finda, desde que não fosse a substituir um qualquer defesa.

Agora, não adianta chorar sobre o leite derramado: eu prefiro que o Benfica tenha aprendido com o (único) erro!
Agora, resta-Nos apoiar o Bernardo Silva como fazemos com qualquer um dos Nossos Atletas, nem que seja chorando com ele, se ele tiver de viver o infortúnio de Nos marcar algum golo: eu já o fiz uma vez, com o Maestro!
E fazer-lhe sentir que nunca vai estar só ...  

Obrigado, Bernardo!   

Viva o Benfica!   

20 comentários:

  1. Não partilho, de todo, a euforia que se instalou sobre o valor de Bernardo, a quem só falta comparar a Messi.
    Bernardo Silva tem várias coisas contra si e eu duvido muito que ele tenha essa capacidade de as ultrapassar. Estamos a falar de um jogador a quem os especialistas já apontam para um dos 10 melhores do Mundo!!! Certo?

    Para já, duvido muito que haja uma clube de top, disposto a montar uma equipa à sua medida, como fez, inteligentemente, Rui Jorge nesta; é preciso não esquecê-lo - selecção de sub-21 -, preparando uma táctica e uma estratégia onde a suas características pudessem ser uma mais valia; o 4-4-2 losango que raríssimas equipas de top (e muitas outras também) usam como primeira opção. Logo, só vejo Bernardo numa equipa de média dimensão onde a sua capacidade esteja acima da maioria do plantel; onde possa ser a estrela. Vai ter que comer o pão que o diabo amassou até esse dia chegar, digo eu.

    Tem (ainda) contra ele o físico; não me parece jogador para aguentar uma época inteira ao mais alto nivel de responsabilidade (um jogador como ele tem de tomar conta da equipa) num clube que lute sempre para ganhar e não sei se terá capacidade para mental para aceitar o banco de suplentes (no Benfica não teve) sem começar logo a pedir para sair (os papás são fodidos)...resumindo; estou a léguas do sentir da maioria. Mesmo não duvidando nem por um instante da sua capacidade futebolistica. Olhe-se, só como mero exemplo, para Gaitan (jogador com uma capacidade e intensidade fantástica) e veja-se o tempo que ele demorou no Benfica a atingir este nivel de agora. E note-se; sem nunca ter a responsabilidade que querem dar a Bernardo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao menos nisto és coerente. Sempre detestaste o Bernardo, mesmo sabendo que é um miúdo, sócio do SLBenfica desde que nasceu. E sim, vai ser um fora de série, e irás ter de o engolir!

      Eliminar
    2. Só detesto a cretinice, anónima ou outra, qualquer que ela seja.

      Eliminar
    3. Estou quase totalmente de acordo com o Guachos. Ontem viu-se que contra uma equipa mais forte fisicamente Bernardo tem muitas dificuldades e pouco criou. Já estava inferiorizado fisicamente e teve dificuldades em recuperar de um jogo para outro.
      Quem me surpreendeu ontem fisicamente foi o Lindelof.

      Infelizmente não teve o mesmo tratamento hormonal que teve o Messi nas mesmas idades e hoje seria um jogador do mesmo nível. Mas não teve e agora não podemos fazer nada.

      É um excelente jogador, tem uma grande técnica, é muito inteligente e define muito bem os lances mas sem dar um salto significativo em termos físicos (de explosão) nunca será um fora de série. Pode ser que aconteça um milagre, nunca se sabe!
      O facto de ser um grande benfiquista significa zero para o caso! Eu também sou um grande benfiquista e…?

      Eliminar
    4. Não só estou de acordo com o Guachos, como vou mais longe em termos de afirmações polémicas. O Talisca tem tudo para meter o Bernardo Silva a um canto. A melhor coisa que o Bernardo Silva fez para a sua afirmação meteórica em Portugal foi... ter saído do Benfica.

      Mas deixando as considerações pessoais acerca da qualidade do jogador, a quem só desejo o melhor, vou falar genericamente da formação, e da parte em que discordo a 200% do companheiro Albuquerque. E isto vem de quem não vê em JJ um treinador melhor que medíocre, e não é de agora.

      O Benfica nunca vai, ou espero eu que nunca vá, apostar em Bernardos Silvas. Repare-se que utilizo o plural no sentido de referenciar os jogadores da formação na sua globalidade.
      Não vai o Benfica, como não vai o Porto, o Real Madrid, O Bayern de Munique, a Juventus, a Chelsea, o PSG, ou qualquer outra equipa que tenha obrigatoriamente de lutar pelo título, com uma ou outra excepção pontualmente no tempo.
      Isto é para Mónacos, Sportingues e outros que tal que se ficarem em 3º já é muito bom. É para clubes em que os pontos que custam formar estes jogadores não fazem falta.

      Claro que isto não invalida a existência de uma formação fortíssima. Uma formação como a do Benfica, que em conjunto com a Equipa B rende ao clube muitos milhões de euros que tanta falta fazem.
      E também não invalida que haja atletas da formação englobados no Plantel da equipa principal, e até como primeira alternativa a alguns habituais titulares.
      Menos ainda invalida que na ausência de um dos habituais titulares um destes jogadores agarre a oportunidade, provar que para a sua idade se trata de um fora de série, que até vai dar mais pontos à equipa do que aqueles que lhe vai custar.
      O Oblak foi um bom exemplo. Pena o resto.

      O Bernardo Silva não me parece nada ter o estatuto de fora de série, se na época passada ainda estivesse no Benfica estaria a aquecer o banco e nem sempre, e na minha opinião bem, e isto é válido para todos os jogadores da nossa formação que vão integrar o plantel este ano. Ou então alguma coisa vai estar muito mal no reino Benfiquista, o que eu duvido.

      Para terminar que esta minha prosa já vai longa demais, até porque abordei um tema que não se explica num livro, quanto mais em meia dúzia de linhas, só para dizer que estou fartinho do miúdo até à raiz dos cabelos e a culpa nem sequer é dele.




      Eliminar
    5. O Talisca não tem tudo. O Talisca já o fez. E o Bernardo só ''é'' o que ''é'' por ter saído do Benfica. 100% de acordo.

      Eliminar
    6. Talisca o quê? rennie que isso alivia-vos.

      Eliminar
    7. di Maria Gaitán João Vieira pinto aimar Simões chalana etc etc tudo cagatacos.

      Agora quem me diz que o Bernardo nunca vai chegar ao nível que eles ?

      O Guachos.

      Como ele proprii diz há mtos que despejam diarreia mental pela internet... Não vale apena remar contra a maré que vou-me cansar.

      Ao SR José Albuquerque Parabéns por ter escrito um texto sensato.

      PS:Assino em anónimo para deteste mais cretino eheheh

      Eliminar
  2. Na mouche, grande Carlos Alberto.
    Subscrevo na íntegra, palavra a palavra.
    Depois do desalento de perdermos uma vez mais nas grandes penalidades uma final que tínhamos tudo para ganhar e sermos felizes, veio-me à ideia mais tarde a canalhice que muita gente fez ao Nuno Santos e ao Guzzo. E foram tantos canalhas...
    Sim, CANALHICE! IMUNDÍCE!
    E somente porque são BENFIQUISTAS. Em vez de os protegerem, criticando-os, se assim o entendessem, de forma construtiva, aceitava-se. Agora promovê-los a bodes expiatórios e culpados do insucesso da seleção é PULHICE PURA.
    Então o Record é um NOJO. Pior mesmo que o Jogo. O anti-Benfiquismo primário da sua linha editorial deveria merecer uma viva repulsa de todos nós. BOICOTE TOTAL a essa osgada encapotada de jornalistas. Não comprar o jornal, nem lhes dar palha - informações, entrevista e afins. Queria ver como essa animalária vivia depois. Era o mínimo que poderíamos fazer (eu e muita gente conhecida já o fazemos). O destaque reles negativo que deram às penalidades falhadas pelo Guzzo e pelo Nuno hoje não tiveram o mesmo tratamento jornalístico.
    É uma VERGONHA! Jornalismo de sarjeta, à "la Estado Novo".
    Quanto aos blogs da betada dos pullovers, que são como os touros sempre a marrar com o vermelho, não me surpreende. Esses foram mesmo os piores. Como sempre. Gentinha pequenina, que se vangloria da seleção sub 20 "ser deles", atacar o Benfica através dos miúdos dos sub-20, e ontem e hoje... nada.
    "Karma is a bitch"...
    Eles os "pretensamente" diferentes são-o mesmo. Diferentes para a anormalidade!
    Nós, BENFIQUISTAS E PORTUGUESES, enviamos um abraço forte de reconforto ao William e ao Esgaio. Gostaríamos que tivessem marcado, mas não os crucificamos. O redes sueco parecia o Beto na final de Turim.
    Parabéns a TODA a seleção pelo desempenho, pena o caneco.
    Chama Imensa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enganas-te-te no blogue.....

      Eliminar
  3. Mais uma vez estou de acordo com o GV. Aliás, no post anterior deixei subjacente as minhas dúvidas sobre se Bernardo Silva atingirá o top do futebol europeu.
    Naturalmente que nem vou abordar a questão da tal alegada pretensão do JJ o pôr a treinar a lateral. Se sim, é próprio de um tolo ou então com fins inconfessáveis, o que em termos de resultado final vai dar praticamente ao mesmo. E estou à vontade, porque fui defensor do nosso ex-treinador, mesmo sabendo de algumas das suas imperfeições. Enfim, continuando sobre Bernardo, não sou técnico de futebol nem sou gestor, mas acho que ter sido vendido pelo valor conhecido foi muito bom. Procuro ser objectivo enquanto observador do que me rodeia e pouco me importa se ele hoje vale ou não mais. A mim interessa-me é o que valia quando foi transferido para o Mónaco e um rapaz de 20 anos, que nunca tinha jogado ao mais alto nível, que não era sequer titular no Benfica, francamente, de forma objectiva, para mim foi um muito bom negócio.
    Já vi muitos jogadores a prometerem mundos e fundos nestas idades, precocemente elevados a génios por uma imprensa que bem sabe vender essa ideia aos adeptos do futebol sedentos de idolos, e que não passaram disso. Bernardo Silva é talentoso e pessoalmente, porque gosto de um futebol onde a beleza esteja presente, agrada-me a forma como trata a bola, como denota inteligência e pensa rápido, mas, como o tempo é o melhor juiz, veremos se isso chega num futebol cada vez mais fisico e potente, em que os treinadores preferem os mais fortes e lestos, acresce que, tal como o GV, afigura-se-me, pelo menos por ora, e é do agora que falamos, pouco intenso e, insisto, o futuro o dirá, por não ter sido um dos marcadores dos penaltis, se não lhe falta arcaboiço mental nos momentos de maior aperto. Naturalmente, os mais habilidosos terão, espero eu, sempre o seu lugar, porque trarão sempre algo diferente ao jogo, mas dificilmente, hoje em dia, qualquer treinador arma uma equipa em torno de um jogador com estas caracteristicas. Assim de repente, não me lembro de nenhuma equipa que gire em redor de um jogador a que se convencionou designar de 10. Nem o Barça de Messi.
    Repito que o facto de Bernardo Silva ter nascido no Benfica, ser benfiquista como nós e tão orgulhosamente o assumir e, sobretudo por isso, eu desejar-lhe os maiores êxitos pessoais no exercicio da sua profissão, não significa que considere um erro o Benfica tê-lo vendido quando foi entendido ser oportuno. Se calhar mal comparado, ou não, mas por essa ordem de ideias, talvez Benfica devesse ter aguentado David Luiz mais uns tempos, visto o Chelsea, para mim no negócio do século, tê-lo vendido posteriormente ao PSG por 50 milhões. Já para nem falar de CR7, a quem os lagartos, nessa mesma linha de raciocinio, venderam ao desbarato e até me admiro como é que a direcção da altura não é também acusada pelo badochas de alvalade de gestão danosa.

    ResponderEliminar
  4. Caro José Albuquerque,

    Obrigado pelo post. Esclareceu quase tudo no que diz respeito à sua opinião sobre o "caso BS".
    Concordo 100%.
    Acho no entanto que:

    i) deveria ter sido acautelada uma eventual valorização do atleta (será que foi!?)
    ii) não foi devidamente ponderada (economicamente) a mais valia do jogador ter feito toda a sua formação no Benfica, e ter interiorizado a cultura Benfica. Isto é um património imaterial que deveria ser ter sido valorizado convenientemente (será que foi!?), pois jogadores com perfil de líderes (capitães) não abundam.
    iii) tenho alguma dificuldade em antecipar o futuro de BS e o potencial que terá para "exteriorizar" e, convenhamos, acho pouco prudente estar a vaticinar se BS terá ou não arcaboiço para chegar lá acima. Quanto mais não seja, da equipa B para titular de 4ºs de final de champions e finalista de europeu sub20 em apenas 12 meses é um progresso notável.
    iv) deveria ser esclarecida pelo presidente a questão da vontade (ou não) de saída do jogador, e a eventual necessidade do negócio para fazer face a outras obrigações

    O debate neste forum está elevadíssimo.
    Parabéns.

    CARREGA BENFICA!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enorme Nene', Companheiro,

      Eu vou esperar ate' que o Guachos publique a segunda parte deste texto, para, depois, discutirmos este teu excelente comentario.

      Por agora, digo-te que, sinceramente, nao vejo como poderia ter sido encontrada uma melhor solucao, a menos que a oferta salarial feita pelo Monaco ao BS fosse "suportavel" (e julgo saber que foi cerca do dobro do "suportavel").

      Obrigado por mais este teu contributo e desculpa-me pelo pedido de paciencia. Voltamos a falar depois da segunda parte, ok?

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  5. José, meu Amigo, desculpa lá o of-topic mas será que esta treta agora funciona assim, à padeiro?

    Comunica-se à CMVM que o clube x "irá excercer a cláusula de rescisão" ? Fonix que eu cada vez percebo menos desta trampa. Futurologia, é admissível nestes casos?

    http://1.bp.blogspot.com/-WCQ1X4WF6_U/VZMpveZINiI/AAAAAAAAD-E/0wd1OULdm0c/s640/VENDA.png

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AHAHAHAHAH,

      E' uma vergonha!
      E vai ser uma vergonha ainda maior se a CMVM (e os Auditores, posteriormente ... e a propria UEFA) permitir que os andruptos registem a venda no exercicio 2014/15, caso o Atletico de Madrid register a compra em 2015/2016.

      Uma vergonha!
      Isto trata-se de verdadeira manipulacao das "Contas", 'a descarada e, aparentemente, com a bencao da CMVM.

      E, depois, ainda falam do "caso Roberto Jimenez" (uma tristeza, mas completamente transparente em termos contabilisticos)

      Viva o Benfica!

      Eliminar
  6. Companheiros,

    Obrigado! Muito Obrigado pelos vossos soberbos comentarios.
    Mesmo quando discordamos (o futuro dira' quais de nos estivemos mais perto da melhor previsao), parece-me obvio que o nosso Amor pelo Clube nos permite um dialogo construtivo, inteligente e Democratico.

    E' assim o GUACHOS VERMELHOS ...

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  7. Bernardo Silva abaixo Bernardo Silva acima,pronto saio do Benfica ja nao e nosso que seja feliz onde esta eu concordo com o ponto de vista do Guachos entre outros Bernardo nao e forte fisicamente ontem estava arrasado no comeco da preepoca anterior eu vi o Bernardo com um ou outro miudo como o Joao Teixeira pessoalmente gostei muito mais deste que o Bernardo mas isto sao so gostos pesoais acho o Bernardo muito franzino como tambem achava Miguel Vitor para defesa,Bernardo e de baixa estatura como eram Joal Alves, Valdo e Chalana, mas o Bernardo nunca ira atingir o patamar destes vamos esperar so o tempo o dira.
    Off topic vi bocados da apresentacao do Jjudas no S porting pro ano a tres candidatos ao titulo prtanto a 13 anos que o Zborden nao e campeao so existiam dois candidatos ate agora pronto e bom que aparecam mais candidatos mas pelo que vi o titulo 2015,2016 ja
    esta entregue.

    ResponderEliminar
  8. Este Campeonato da Europa deu para descortinar vários pontos de interesse:
    - valorizam-se jogadores na Imprensa, como o WC-do-buço-à-monhé ou o Paulo Oliveira, que já têm mais uns aninhos que a maioria dos outros convocados e não se evidencia essa diferença;
    - o WC deve ser o jogador mais sobrevalorizado da Galáxia (desde que o Éder foi transferido por 7 milhões, esta afirmação pode já não corresponder à verdade...): como é que alguém que não sabe construir jogo em condições, que joga ao ralenti, que não tem cabeça fria nos momentos-chave, pode continuar a ser incensado desta maneira?
    - Esgaio: acho que até eu, que tenho dois tijolos nos pés, jogo melhor que ele...;
    - Cancelo e, se Deus quiser também o Cavaleiro, são e serão duas grandes vendas do Glorioso;
    - apesar de apreciar o Bernardo, estou como o Guachos: só é o que é para os pés-de-microfone porque saiu do Enorme. Tenho muitas dúvidas quanto à sua capacidade física e foi visível que chegava ao fim dos jogos com os bofes de fora. Qualidade há; carreira profícua logo se verá

    Outro assunto: lá para os lados de Contumil, gastam-se mais de duas dezenas de milhões num jogador (a torre do Flopatêgo deve ter descoberto uma jazida de petróleo...), um agente diz que os sócios do fócul não conhecem nem 10% do clube, fazem-se profissões de fé quanto ao exercício de cláusulas de rescisão e no pasa nada...se fosse connosco era o fim do mundo em cuecas!

    ResponderEliminar
  9. WOW!! Caro Ze e GV ha muito que nao comentava e muita lia como sempre religiosamente e todos os dias, mas hoje tenho mesmo que comentar porque o pluralismo deste blog e o debate vivo e "gostoso" e 'e doce ver o Ze e o GV e todos os companheiros do blog debaterem com esta forma tao Benfiquista!! Parabens por tanta lucidez num tema tao fraturante.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.