domingo, 16 de julho de 2017

Paradigma do 'especialista' da internet...

O Benfica comunicou à CMVM - não só que estava em negociações com o Barcelona, como depois, como é de lei - os contornos do negócio, agora fechado. Está lá tudo bem explicadinho para taliban ver; «€ 30.569.728 (trinta milhões, quinhentos e sessenta e nove mil, setecentos e vinte e oito euros) mais € 5.094.955 (cinco milhões, noventa e quatro mil, novecentos e cinquenta e cinco euros) por cada 50 jogos oficiais disputados pelo atleta ao serviço do Futbol Club Barcelona». Quanto à venda de Rúben Neves, do foculporto para o Wolverhampton pelos anunciados 18M€, diz-nos uma de duas coisas. Que a CMVM é mesmo uma merda ao serviço do clube da fruta ou essa venda valeu tantos milhões como os 4 campeonatos do Peyroteo que o brunalgas acrescentou à lista dos sapos. Inbestigue-se.

Há anos que o digo. O mal do presidente Vieira é mesmo este. Se andasse mais atento à blogosfera e às redes sociais pagava ao mini pereira toda aquela massa que o seu empresário exigia, evitava que o uruguaio oferecesse dois campeonatos seguidos ao foculporto e não andávamos agora neste pânico só porque vendeu o Nelson Semedo ao desbarato. A saída de Nelson Semedo, aliada ao primeiro penta da época do Penta, fez sair da toca uma chusma de especialistas que vão desde os expert das compras e vendas até aos catedráticos da construção de planteis. Agora sim, depois de tantos anos de espera parece ter chegado a hora da repetidamente anunciada apocalíptica queda do Tetracampeão Nacional! Um clássico das pré-épocas. ABC.

De suplente do Cedric, na selecção do Ronaldo, Nelson Semedo passou a melhor lateral do universo em menos do riscar de um fosforo. O melhor de todos os tempos, uma vez que nenhum lateral terá custado mais caro na história da bola. Eu não sei se o Nelson é o melhor lateral direito do Mundo. O que eu sei é que a equipa b do Benfica reforçou, nos últimos 3 anos, a grande maioria dos colossos mundiais. E não foram reforçar o Wolverhampton do amigo Nuno por uma verba não obrigatoriamente declarada à CMVM...

Não. Os jogadores que três épocas atrás andavam no Seixal à procura de um lugar ao sol, encontraram-no no PSG (Gonçalo Guedes) Manchester City (Bernardo Silva e Ederson) no Bayern de Munique (Renato Sanches) no Barcelona (André Gomes e Nelson Semedo) e no Manchester United (Victor Lindelöf)! E isso também nos diz várias coisas que até um taliban da internet deveria ser capaz de entender. Primeiro que a politica do Seixal (criada por gajos que não percebem nada de futebol e negócios) prova todos os anos (não apenas com os atletas que saem para os colossos mundiais) a sua razão de existir, apesar de os mesmos especialistas não largarem as canelas (e a braguilha) do Hélder Cristóvão...e nem é preciso muito; basta o empate da ordem!...

E depois, (esta até um calhau como o Nuno Luz será capaz de o perceber) que se o Barcelona, o Manchester City e o Manchester United compraram mais de metade da defesa do Benfica, obviamente que a defesa do Benfica não podia ter ficado reforçada. É agora, na pré-época, que o treinador Rui Vitória verificará, experimentando-os em competição, quem de dentro do plantel é capaz de substituir os que saíram ou se é preciso actuar no mercado. Até um gajo que não percebe um cu de futebol o entende! Não é preciso tirar o curso de médico, gestor, enfermeiro, treinador...sentado atrás de um teclado! Ou, como diria o meu amigo José Marques da Costa, só mesmo de "benfiquistas feitos de sporting"! Cumps.

27 comentários:

  1. Guachos, considero este um dos teus melhores posts de sempre. E, em alturas incomparavelmente mais conturbadas que esta, foste o baluarte do benfiquismo.

    Tocas em vários pontos chave do momento, sendo que este momento não é apenas a espuma dos dias, mas sim o arranque para um inédito Penta, antecâmara do nunca conseguido, por ninguém, Hexacampeonato. Com toda a campanha orquestrara para denegrir os feitos do passado recente e, sobretudo, para condicionar a época que agora arranca, a nossa união é, mais uma vez, essencial.

    Quanto à nossa equipa, ela vai voltar a render, estes jogos treino servem para isso mesmo: treinar. Infelizmente, com a mediatização exacerbada, são à vista de todos. Só que não passam disso mesmo, de treino de arranque de temporada!

    Zé Pincel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Guachos; o Baluarte da Águia... EH EH EH, salv(i)o seja...

      A nossa Equipa já está a render; ontem, enquanto jogaram os melhores e o cansaço físico não bateu à porta em nada fomos inferiores a uma equipa c/ + 2 semanas de treino...

      Faz-me lembrar a famigerada "pré-época desastrosa" da digressão americana, na qual tivemos prestações normais para o tempo de treino e para a qualidade dos jogadores q jogaram; por exemplo, perdemos c/ o PSG, mas enquanto jogaram os melhores ganhámos 1 a 0...

      Eliminar
    2. Caro Zé Pincel,

      Não te deixes conturbar pela merdia nacional.
      O Benfica está a trabalhar tranquilo e focado, ciente que vai ser mais uma vez contra tudo e contra todos.

      CARREGA BENFICA!

      Eliminar
  2. Amigo Guachos sempre um prazer passar por aqui.Temos que estar atentos pois ainda nem vimos metade do que nos andam a tentar fazer,o desespero assim os obriga.
    CUMPS

    ResponderEliminar
  3. A juntar a esses 5 ainda falta ai o Cancelo outro grande defesa,o Seixal nao para de produzir grandes talentos,outro grande texto do Guachos onde diz grandes verdades que a muitos de nos custa a ouvir porque as verdades sempre doeram,leram bem esses 5 jogadores para onde foram transferidos meus amigos clubes de topo mundial,e nao para um qualquer clube mediano ingles,na selecçao Nelson era suplente,idem Renato,idem Andre Gomes,idem,Goncalo Guedes,apos serem tranferidos para tubaroes europeus passam a estrelas a nossa comunicaçao e isto mesmo lixo,gostei muito da parte em que o nosso presidente anda desatento a blogsfera se tivesse um pouquinho mais de atençao talvez estivessemos a um nivel do Sporting e FCP.
    Eu confesso que o barrete me sirva a mim tambem porque nao concordo que de uma assentada se desfaça toda uma defesa comecando pela baliza mas eles e que sabem eu nao critico o presidente ou qualquer outro membro da direçao o Benfica como qualquer outro clube precisa de vender ativos para equilibrar as suas contas,o que eu critico sao jogadores jovens como Renato Gonçalo Guedes e agora Nelson Semedo tao jovens porque tem tanta pressa de irem pra fora chegam la fora sao tapados por outras feras mundias caso Renato no Bayern,caso Goncalo G.no Psg se ficassem mais dois tres aninhos no Benfica ganhavam mais maturidade mais experiencia e depois davam o salto mas isto sou eu a dizelo porque admito que sou um ignorante nao percebo nada de business.
    Do resultado de ontem eu como qualquer outro benfiquista sentio-se arrazado com uma goleada mas compreendo que preepoca e enestes jogos que se rodam jogadores para ficarem com uma ideia quem serve quem nao serve para quem tem de irem rodar para outros clubes e de certeza que estraoa tentos aquela defesa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nada disso Francisco, qd surge uma oportunidade destas não se pode impedir q o jogador faça o contrato da sua vida... e é por os jogadores saberem q no Benfica não lhes "cortam as pernas" q dão o máximo em cada jogo e em cada treino...

      Basta ver o q aconteceu na época passada ao Adrien; não o venderam qd foi campeão europeu e agora ninguém lhe pega...

      E se o Vieira não deixava sair o Nelson como fez o nalgas (lagarto, lagarto, lagarto) ao Adrien e ele se lesionava c/ gravidade esta época ao serviço do Benfica?

      Eliminar
    2. Francisco

      Só uma ou duas observações sobre a parte respeitante à suposta permanência por mais dois ou três anos que os jovens deveriam ter no Benfica antes de darem o salto para outras latitudes:
      1. O mercado e várias contingências que nos escapam detalhadamente, não obedecem nem podem obedecer a desejos de adeptos, principalmente num país pobre como o nosso;
      2. Quem nos pode garantir que passada essa oportunidade, o futebolista, num mundo de futebol sempre dinâmico, continua a ter uma progressão que aumente o seu valor e, acima de tudo e de todos, quem nos garante a inexistência de, no entretanto, lesões comprometedoras? Já ouviste falar de um gajo chamado Mantorras?

      Eliminar
    3. Eu concordo que é um grande incentivo para os jogadores do plantel saber que o clube não os vai impedir de fazerem contratos milionários.

      Sim, nós adeptos gostávamos que eles ficassem mais um ano ou dois. Ou que o Benfica só os deixasse sair por mais 5 ou 10 milhões do que o valor pelo qual saíram. E se calhar até é verdade que seria melhor para o próprio jogador, e para a sua evolução, ficar mais 1 ou 2 épocas no Benfica.

      Mas saberem que podem fazer um contrato das Arábias num curto espaço de tempo se derem o litro, a nível motivacional deve funcionar melhor que contratar 10 psicólogos e 20 motivational coaches.

      Eliminar
    4. Caro Francisco,

      Concordo que as vendas são prematuras, pelo menos as do Bernardo, André e Nélson. E concordo que, à semelhança da também transferência do Guedes, não se traduziu completamente o potencial do jogador nos valores (anunciados) das vendas.
      Mas como comentam os colegas, é preciso ter em conta a pressão do jogador em sair, e nos casos do Guedes e do Nélson, quem poderia negar um contrato com o PSG ou o Barcelona? Estes comboios só passam uma vez.
      Quero acreditar que as capacidades negociadoras do nosso presidente continuam intactas. Mas mesmo assim 5M€ por 50 jogos parece-me poucos euros para tanto jogo.
      Quanto à goleada, é preciso ter calma, e perceber que o nosso timoneiro Vitória está novamente a apostar em putos. Que precisam de meter água para crescerem. Tenho grande expectativa neste novo jovem central.

      CARREGA BENFICA TRINTA E SETE!

      Eliminar
    5. E há outra coisa muito importante: o Benfica não está a vender a um clube qualquer. Estamos a lidar com os melhores clubes do mundo!
      O Benfica para vender não pode querer ficar com o melhor naco em todos os negócios, tal como em qualquer negócio. Para criar uma marca e relações privilegiadas, há que negociar bem, sim, mas também saber que se está a vender aos melhores clubes e criar uma imagem, um selo de qualidade, uma rede de relações que nos irão beneficiar no futuro. Não podemos ser intransigentes a qualquer preço. Eu quando vendo a minha hortaliça que é da melhor qualidade, não posso vendê-la ao preço do ouro aos melhores mercados, senão ninguém me volta a contactar para a próxima. É preferível vender a um preço aceitável e razoável para todas as partes e continuar a poder manter o negócio numa curva ascendente sem comprometer o modelo de negócio.
      O Benfica sabe o que faz e, apesar de poder errar, como todas as empresas erram, tem um rumo traçado, um modelo de negócio estabelecido e uma marca que ainda mal começou a dar os primeiros passos lá fora.
      Nós, adeptos, só temos de continuar a dar as melhores condições aos nossos jogadores, enchendo os estádios, transmitindo-lhes o nosso amor pelo Clube e o sonho de ocupar o lugar que já ocupámos entre os melhores da Europa e do Mundo.

      Eliminar
  4. Este é o melhor blogue Benfiquista da Web.

    Os outros são bons, mas defender o Benfica com unhas e dentes, sem aproveitamento cobarde dos maus momentos, compreendendo as capacidades e limitações do Benfica, a estratégia da direcção, e o facto de o futebol hoje ser um negócio e na somente uma competição Amadora entre clubes -aliás, o BEnfica é o único clube português realmente profissional no futebol e que olha a modalidade como uma indústria - e o GUACHOS percebeu isto isto tudo

    PARABÉNS

    João Sereno

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Percebesse por aqui q o Benfica é, e será sempre, o Maior Clube do Mundo.

      Mas tb q estamos no caminho certo e q "há q dar tempo ao tempo"; não podemos exigir q o Benfica seja Campeão Europeu s/ ter condições mínimas para o ser...

      Eliminar
    2. Seria bom que cada vez mais benfiquistas percebessem isto. Era sinal que nos tornaríamos uma massa adepta invencível cá dentro e que regressaríamos às glórias lá fora.

      Eliminar
  5. Ler o Guachos é refrescante... Ler jornais ou outros blogs é um chorrilho de desinformação e tragédia. Aí Jesus que já perdemos o campeonato, segundo alguns "especialistas".

    ResponderEliminar
  6. Mais um post TOP! Guachos, o que chateia os talibans é que a defesa do Tri está la toda (Almeida, Jardel, Luisão e Eliseu), e mesmo no ano passado estes jogadores assumiram vários jogos com excelência.
    Claro que os shadows, jorgens, moleculas, jotpes, papoilas, vibram com isto, é com as derrotas que eles sonham para poder dizer "eu já sabia", "arrogância", que pelo 4 anos seguido "o Luisão já acabou", "acham que só os da B chegam", exatamente o que disseram na entrada sobre o Oblak, Ederson, Lindelof, Semedo, Jardel, Fesja,Jonas etc, quando os monstros que estavam antes haviam saído.

    Interessa la que temos uns 5 ou 6 titulares de fora, que temos uma semana de trabalho, que o adversário está a preparar o jogo do ano na Champions daqui a uma semana ... isso são peaners... Terminamos com Heriberto, Arango, Willock, Chrien, Horta, Kalica, Varela e Pedro Pereira em campo 8 jogadores que estão em formação, e quase todos nem dos 18 convocados deverão constar na maioria do ano.

    Agora sobre o SENHOR Luis Filipe Vieira (que esses macacos de merda desrespeitam a cada empate ou derrota), nem é preciso dize-lo, é um génio e sabe muito disto. Alguns burros ainda alguns vieram dizer que foi mal vendido e tal (tiveste um visitante aqui que teve a coragem de dizer que foi MUITO mal vendido). Devia ser o Mendes anonimo. A inveja é fodida, pena é que o pessoal tem inveja do sucesso da própria equipa, não se entende!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só cinco ou seis titulares de fora? No jogo contra o Young Boys o Benfica só se apresentou com dois titulares habituais do onze tipo que foi tetracampeão. Fejsa e Jonas. Já Cervi e Rafa foram apenas jogadores bastante utilizados o ano passado, mas longe de serem titularíssimos do onze. A isso acrescentem Júlio César, André Almeida e Jardel que perderam um ano de competição, sendo que tal facto acarreta problemas na aquisição do ritmo competitivo necessário para enfrentarem as adversidades da competição pura e dura - principalmente Jardel que não jogou nada o ano passado e nestes jogos de preparação notam-se as dificuldades causadas pela paragem forçada.

      Juntem a estes ingredientes a ausência dos defesas esquerdos habituais do Benfica - Eliseu e Grimaldo - a voz de comando do Luisão, a inexperiência dos jovens que estão a ser lançados às feras, a falta de rotinas e integração dos mesmos no plantel, a diferença de ritmo competitivo entre uma equipa e outra e concluímos que estão reunidos todos os condimentos que conduzem a resultados " apocalípticos" em jogos de preparação.

      Por último, recordo aqui um célebre jogo da Eusébio Cup, no qual o Benfica humilhou o Real Madrid por 5-2, mas onde muitos relativizaram esse jogo com o facto do Real se apresentar com a equipa B, apesar de todos os jogadores do Real constituirem o plantel principal. Só no Benfica as reservas são obrigatoriamente jogadores de top, enquanto os do Real Madrid são promessas da equipa B. Critérios incoerentes, mas com rabos de palha à vista.

      Eliminar
  7. Leiam a entrevista do João Gabriel no HugoGil. Está lá quase tudo!

    ResponderEliminar
  8. Sem relação ao post com o qual concordo na generalidade.
    Estava a almoçar e deu a notícia da manifestação de apoio dos adeptos do Ajax ao jogador que sofreu lesões cerebrais permanentes.
    Perguntaram-me quem era o jogador e eu disse que não conhecia e acrescentei que não conhecia nenhum jogador do Ajax actualemnte.

    Equipas históricas como o Benfica e o Ajax, que tiveram a sua era de domínio na Europa, hoje não têm qualquer hipótese de lutar contra os "tubarões" da Europa.
    Os tubarões que compram jogadores por 70 ou 80M€ como quem compra uma camisa.

    Algo deveria mudar no futebol europeu.
    Por exemplo haver um limite ao número de jogadores contratados por época e fechar a janela de transferências de Janeiro.
    Se cada clube só pudesse contratar 3 jogadores para o seu plantel principal esta loucura das transferências poderia diminuir um pouco.

    Mas algo tem de ser feito, isto assim não pode continuar...

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  9. Há ainda q salientar q estes jogadores foram promovidos a jogar no Benfica e não na selecção principal... pelo contrário, tudo têm feito para q eles não joguem na selecção... ou só joguem qd o Benfica já nada tem a ganhar com o jogador...

    ResponderEliminar
  10. Amigo Guachos este é sem dúvida das melhores análises que li nos últimos tempos, bem estruturada e factual, de fazer inveja a muito doutor da bola que escreve ou tenta nesta imprensa da treta que por aqui temos.

    ResponderEliminar
  11. A Talibanzada já saiu toda da toca outra vez...e por cá ficarão até o próximo barrote lhes entrar pela cloaca acima.
    Arreia-lhes forte e feio, caro companheiro!

    ResponderEliminar
  12. Bem observado. Também Oblak teve alguma formação no Benfica e foi para o Atlético de Madrid, clube que apesar de tudo está no 4.º lugar do ranking da UEFA. É mais um jogador do sector recuado.
    É óbvio que quando se sofrem golos toda a equipa tem culpa e não são só os jogadores da linha defensiva. Quando se diz que esta equipa não dá confiança para o início da competição a sério, é preciso não esquecer que a equipa que jogou não tinha muitos dos nosos melhores jogadores: Pizzi, Luisão, Jimenez, Zivkovic, Mitroglou, Salvio, Samaris, Grimaldo e Eliseu. Acredito que ainda se compre um guarda-redes, mas não acredito que venha mais algum defesa central.

    Sérgio.

    ResponderEliminar
  13. Também considero ser este o melhor blogue benfiquista ao ponto de vir aqui (ao sítio) com alguma frequência diária e ficar frustrado quando não vejo novas publicações e, ao invés, sentir profunda alegria pelas novidades, tal como esta que agora nos apresentou. Isto já deve ser mania... :-)

    Aprecio a forma simples e objectiva como são abordados os problemas do Glorioso, umas vezes utilizando uma linguagem mais "hard" outras de nível mais elevado, quando as ocasiões e os temas assim o determinam. Muito bem aqui.

    Por fim, apelando que esta página continue a dar voz às nossas angustias, incertezas e também às alegrias, sem nunca destapar o flanco ao inimigo, e isso é uma arte e uma virtude. Bem hajas Guachos.

    Rodrigues Dias

    ResponderEliminar
  14. Caro Guachos, tu consegues transformar em verbo os tabefes que tenho vontade de administrar nos especialistas da internet. Que cambada de anormais. Obrigado e parabéns

    ResponderEliminar
  15. Eu concordo com tudo o que está escrito, mas... há casos e casos.
    Há casos de histeria, mas também há casos em que os adeptos revelam preocupação por razões mais compreensíveis.

    Acho que neste caso do jogo de ontem há uma "variável" nova, neste contexto ainda relativamente novo da aposta na formação, que é motivo de preocupação de alguns benfiquistas, mesmo dos que não entram em profunda depressão por um resultado menos bom num jogo a feijões.
    Entre eles eu, que não me preocupa muito que o Benfica seja goleado em jogos de preparação, e ainda muito menos enquanto continuar a ganhar campeonatos.

    Estou-me a referir concretamente ao Pedro Pereira.

    Acho que não é parecido ao casos de Kalaica, Ruben Dias ou até Hermes ou Chrien.
    Nem sequer acho parecido aos casos de Nélson, Renato Sanches, Bernardo Silva e outros.

    Bernardo Silva é especial, porque o treinador nunca apostou nele quando nos blogs todos o elogiavam.
    Nélson, Ederson, Lindelof, Renato, Grimaldo e Gonçalo, todos quando fizeram os seus primeiros jogos no Benfica fizeram jogos, no mínimo, interessantes. Podem ter errado aqui ou ali, mas sempre fizeram coisas que "deixavam água na boca".
    Mesmo quando erravam dizia-se coisas como "Defendeu mal mas atacou bem" ou "falhou muitos passes mas a intenção era boa e revela inteligência e criatividade".

    Uns entraram quase "de rajada" no plantel principal e no 11 titular, enquanto outros já treinavam com a equipa principal, mas só se tornaram mais titulares após lesões dos habituais titulares.

    O caso mais parecido ao de Pedro talvez seja o de André Gomes.
    Isto porque as primeiras exibições do André não convenciam o "publico" ou os adeptos a 100%. Lembro que em jogos mais difíceis parecia que as coisas não lhe saíam mesmo nada bem. Até ao jogo em que fez o golão contra o porko. Aí passou a "entrar no goto" dos adeptos. Mas mesmo André Gomes é diferente, porque as opiniões dos adeptos não correspondiam às estatísticas. Na retina ficavam alguns erros do jogador, o que provocava o "esquecimento" do que ele tinha feito de bom em campo. As estatísticas "diziam" que ele fazia muitas coisas bem. Ao mesmo tempo André Gomes não era nem 1ª, nem 2ª opção. Era a 3ª ou 4ª opção para a sua posição.

    O que preocupa no Pedro Pereira acho que não é tanto os erros. Que se aceitam, e ainda mais a um jovem que a um jogador mais experiente.
    Como se aceitam os erros de Ruben Dias. Até pode ter cometido erros, como qualquer outro jogador comete, jovem ou experiente, mas ao mesmo tempo mostrou pormenores interessantes, que fazem com que continuemos a ter confiança no seu potencial.

    É que o Pedro Pereira treina com o plantel principal desde Janeiro, e nos minutos que esteve campo mostrou muito pouco que se possa considerar interessante. Mas, o mais importante... isto quando (pelo que sabemos) se espera que ele seja 1ª ou 2ª opção para a sua posição. Não 3ª ou 4ª opção como era André Gomes, por exemplo.

    E acho que foi isto que preocupou mais alguns no jogo de ontem.
    O facto de se saber que saiu Nélson Semedo, e que o jogador que supostamente está a ser preparado para o substituir, há mais de 6 meses, não só não parece de facto preparado, como não mostrou indícios de poder estar rapidamente.

    Todos os jovens bons que têm saído, quando começaram, e quando erravam, nós pudemos sempre dizer: "Errou, mas...". Tal como digo do Ruben Dias.
    O Pedro Pereira até pode vir a ser um grande jogador e espero bem que sim, mas pelo que vi até agora eu quase não consigo dizer "Errou, mas...".
    A principal excepção talvez seja "Errou, mas parece possante".

    Mas duvido que treinador e estrutura andem a dormir.
    Se for aposta é porque é mesmo bom, e as primeiras impressões enganaram. Se não for mesmo bom, aposto que serão tomadas as medidas necessárias para que o André Almeida não seja a única opção para aquela posição.

    Pedro Pereira é um "caso" que me deixa preocupado mas tranquilo!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que o Pedro Pereira só é 2ª opção, agora, que o Nelson foi vendido ha dois dias. Ele foi contratado em Janeiro mas ainda tem muito que trabalhar. E o fato de ter sido contratado não quer dizer que seja um grande jogador, ou que o vá ser no SLB. Demonstrou ter características e potencial adequados, era um negocial viável e atacou-se. Duvido que o Coentrão na sua contratação tivesse algum consenso nos adeptos. Ainda é cedo, vamos com calma!

      Até 31 de agosto há mais de um mês, até la teremos uns 5/6 amigáveis e mais uns jogos oficiais para verificar se é preciso corrigir. Podes ter a certeza que quem trabalha no dia a dia com a equipa, que os olheiros que descobriram os Nelsinhos, Witsel, Gaitan, entre MUITOS outros não estão a dormir, e quem analisa o plantel e ve as necessidades e as valências e potencialidades dos atuais também não.

      Eliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.