quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Um Ney(mar) de hipocrisia!

"O Benfica não aposta nos jovens". "O Benfica compra demasiados estrangeiros". "o onze do Benfica não tem portugueses". "A selecção não tem jovens formados no Benfica". Anos e anos de certezas generalizadas deitadas ao lixo pela fúria contratadora do Chuck Norris do Campo Grande!..

«Novo paradigma». Aposta em força na formação...investimento...o Seixal...os jovens que importa lançar....muito trabalho...cada vez mais persistência...o acreditar...o futuro acima de um campeonato ocasional...concretizar, trabalhar; o novo paradigma. Qual é a parte que ainda não perceberam? O Benfica, antes de actuar em força no mercado, procura uma solução dentro de portas. Uma estratégia global não se deita pela janela fora à primeira dificuldade...

Exemplo; sai maxi pereira - pânico generalizado, imprensa aos saltos tentando encontrar uma brecha. Não se contratou a qualquer preço, não se fizeram adaptações e apostou-se em Nelson Semedo, que andava a ser preparado na «B». Primeiras exibições titubeantes...insistência de quem nele acreditou...o sucesso, outra vez o paradigma e...a venda milionária. O mesmo com a lesão de Júlio César...Ederson...outra vez o Seixal...Lindelöf...os frutos de uma aposta arrojada...o mesmo com o tal oito que não havia, antes e depois de Renato Sanches...as soluções que o Benfica acredita ter em casa. O Nelson saiu...nada de adaptações...aposta em jovens com grande potencialidade...outra vez tempo para o crescer sustentado...não perder a cabeça com o pânico generalizado e a pressão mediática...o novo paradigma...o acreditar...a persistência...o trabalho...mais investimento estrutural, onde é que está a duvida, afinal?

Nos últimos anos sempre me ensinaram - pelas publicações (quase diárias) que também fizeram incontáveis aberturas de telejornais - que é very cool ter custado muito dinheiro em transferências e que, bater recordes sucessivos em salários e publicidade é muito prestigiante para o nosso país. Maior encantamento só entrevistar a Dolores ao lado do Porsche ou ouvir a Katia Aveiro a cantar um fado da Amália!

Agora é tudo pornográfico. Desde o salário às comissões tudo serve para condenar o negócio Neymar. Gente que bate uma pívia a cada vez que o Ronaldo bate recordes na "Forbes" arranca os cabelos só porque um rico resolveu pagar muito dinheiro a outro rico! Mas o pior são os comentários ao redor das qualidades do futebolista. Eu fico abismado com a quantidade de cretinisses que são ditas sobre o futebol de Neymar! Há uma grande maioria de pessoas que escrevem e falam de futebol que, a ultima coisa que gostam é do jogo. 

Anda tudo com o pito aos saltos porque o valor das transferências não pára de aumentar. O cumulo da hipocrisia são frases como, ''o futebol caminha para o abismo'', o clássico ''onde é que isto vai parar'' e outras parvoeiras similares. Esquecendo o facto de o Neymar não ser irmão de uma fadista famosa o que é que mudou afinal? Eu respondo. Não mudou nada, rigorosamente nada. Os ricos continuam, como sempre, a trocar "mercadorias" entre si e se antes o faziam por 100 agora fazem-no por 220. Os ricos, como sempre, vão a casa dos pobres e dos remediados e sacam-lhes os melhores valores. Se antes ofereciam 10 agora oferecem-lhes 20. E daí? O dinheiro circula entre todos como sempre circulou. 10, 20, 100 ou 220 é igual. Nunca nenhum pobre deixou de ser pobre por causa dos dinheiros da bola. Ai e tal que quando os magnatas saírem do futebol alguns clubes vão ter enormes dificuldades. Pois vão; as mesmas que tinham antes de os magnata aparecerem. E daí? Se não tiverem 220 gastarão 20 e se nem 20 tiverem...mandam regressar o Marega. É a vida.

Ai e tal que é uma afronta para a pobreza do Mundo. Essa então é de gritos. O dinheiro dos ricos é dos ricos. Se eles o gastam a comprar jogadores, nos casinos, em mansões, putas e aviões, é para o lado que o pobre melhor dorme. Nunca, que eu saiba, os proprietários do Chelsea, do M. City ou do PSG, antes de chegarem ao futebol, andaram pelo mundo a distribuir dinheiro pelos pobres. Se antes o queimavam na lareira e agora resolveram aquecer o mundo da bola onde car@lho é que está a diferença? Epá, a sério, poupem-me com essas merdas moralistas. O Mundo é como é, como sempre foi, e nunca será diferente por causa de frases bonitas ou demagogias bacocas. Um conselho; comprem um disco da Katia e uma assinatura da Meo, lavem o cabelo com Linik, calcem umas Nike e troquem de corpo com “The Switch”. Ou "tomem um tocafé que isso passa''.

17 comentários:

  1. Saudações Benfiquistas!!!!!

    Toda a razão Caro Guachos,o exemplo do Nelson Semedo cai que nem uma luva,eu até acrescento o caso do Lindelof,na defesa são todos velhos,Luisão,Jardel,as "casas" do Lisandro,mas não temos o Kalaica? Ruben Dias?,enfim alimentam-se do Benfica para venderem "jornais e programas de tv",é o caos total no Benfica,tudo mau mas pior são os tais "benfiquistas",que ao menor erro,veem expressar as suas opiniões da tanga,entrando no jogo da lama dos dragartos,cambada de ursos é o que são!

    Carrega Guachos!!!!!
    Carrega Benfica!!!!!

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde, Bom Amigo e Companheiro,

    Mesmo com pouco tempo (só vim para uma visita rápida), este teu brilhante texto exige-me um comentário de apoio.

    Para começar, quero dizer-te que oxalá fosse só hipocrisia, é que me parece ser bem pior que isso: é inveja!
    Inveja daquilo que alguns podem e, sobretudo, do que outros recebem, todos eles os que mais seguidores têm nas chamadas "redes sociais".

    Eu nasci em África e conheço o continente bastante bem: garanto-te que há por lá muito poucos que, nem sequer, saibam quem é o Neymar.
    Vivemos num Planeta e estamos conscientes de corromper, até com os nossos votos, aqueles que estiverem prontos para nos despreocupar relativamente aos abusos que, todos e todos os dias, perpetramos contra o Planeta ... porque preferimos não fazer nada e dormir descansados.
    Os nossos netos vão ser implantados, talvez ainda dentro de úteros, talvez simulados, com coisas como telefones, localizadores GPS, tradutores Inglês-Mandarim, chips de RAM e outras coisas mais, enquanto 60 ou 70 % das crianças vão continuar condenadas já não só a uma sub-cidadania, mas, ainda mais grave, ao handicap da subnutrição, da falta de iodo, vitamina A e todos os outros nutrientes que poderiam impedir que se diferenciassem tanto dos nossos netos, como os Neanderthal se diferenciaram do Sapiens ... e a História conta como é que estes erradicaram aqueles.
    Vivemos num Planeta onde ainda há meninas a serem castradas, até organicamente ... todos os dias.

    E pedem que alguém (ainda por cima com o perfil da FIFA, ou da UEFA) venha proibir a compra do Neymar?

    Graças a deus que eu sou ateu, ahahah.

    Viva o Benfica!
    (José Albuquerque)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O cumulo da hipocrisia é a federação espanhola, do Ángel Villar, preocupada com o fair play financeiro do PSG!! Caputa de falta de vergonha!

      Eliminar
  3. Acontece no futebol mais ou menos o mesmo que acontece nos restantes negócios!

    Se tens muito dinheiro, e/ou muita qualidade de trabalho, e/ou boas ideias na altura certa... podes ter alguma vantagem!

    O PSG tem muito dinheiro, o Barcelona tem muita qualidade, o Neymar tem muita qualidade, as equipas inglesas têm muito dinheiro, alguns agentes como o Mendes tiveram boas ideias na altura certa, etc, etc... logo, todos eles conseguem ou conseguiram ter alguma vantagem, num momento ou noutro!

    O Benfica, por exemplo, vai fazendo pela vida, tentando ter boas ideias e qualidade de trabalho, para também conseguir ter mais algum dinheiro!

    E muitos dos que não têm nada disto... afogam-se num mar de invejas!

    É a vida! E são os negócios!
    Nem sempre é justo, mas é mesmo assim!

    ResponderEliminar
  4. Sobre o mundo do futebol e mais ainda no que toca às contratações do Benfica, remete-nos para a velhinha históra: Um avô e um neto iam em viagem a pé levando um burro pela rédeas, ao passarem por uma aldeia, a multidão começou a chamar-lhes de burros porque não montavam o burro. Decidiram então montá-lo, pelo que na localidade seguinte foram criticados por carregar em demasia o nobre animal. Decidiu então o avô ir a pé e deixar o neto montado, na localidade seguinte o pessoal ficou indignado por o netinho não ter compaixão da tão avançada idade do avô. Pelo que decidiram trocar. Mas, na localidade seguinte largaram dragartos ao avô por não respeitar a tenra idade do netinho.
    Moral da história: é como diz o outro. " Isto não está bom nem má, antes pelo contrário

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O outro diz : " Isto não está bem nem mal; está uma merda!"

      Eliminar
  5. Do melhor, post BRILHANTE!!!

    E ja agora... mais uma da saga "o super olheiro sombreado", depois de Seferovic que supostamente não valia uma chaveiro porque tinha péssimas estatísticas (não digo que seja o melhor do mundo mas já provou ser um bom jogador com enorme cultura tatica), agora é o GR do Eintracht que supostamente é horrivel porque sofre muitos golos... Sendo assim está tudo dito, ou os meninos nascem no Barcelona ou então nunca mais são jogadores na vida. O Fejsa deve ser um merdoso porque em 80 jogos marcou miseros 2 golos...

    Ele insultou de tudo o Nelson Semedo, dizia que era um buraco e precisavamos urgentemente de Def Direito, insulta o Grimaldo, Jardel, Luisão, Pizzi, Salvio, Jonas (este porque não lhe fez adeusinho quando foi substituído e ele estava no estádio a fazer venias - é indigno do manto...). Somos tetra campeões, mas é dos maiores detratores que temos, so fica manso de março a maio qdo estamos perto dos títulos. Depois VOLTA COM TUDO!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esse imbecil é um filho da puta que não percebe nada de futebol ! Não é preciso dizer mais nada!!

      Eliminar
  6. Relativamente À 1ª parte do Post queria aqui relembrar o princípio estratégico da gestão do plantel do Benfica; para q é q necessitamos de suplentes pagos a peso de ouro? a Equipa tem de ter um "núcleo duro" de jogadores c/ créditos firmados, + ou menos experientes, e, depois, se for necessário substituir 1 jogador efectivo, recorre-se à Equipa B... estes jovens têm de estar preparados para q, qd "passar o cavalo" o agarrarem c/ todas as forças q tenham podendo permanecer como titulares do Benfica; foi o q aconteceu c/ o Semedo o Renato, o Guedes, o Victor, o Ederson... mas nem todos o vão conseguir; ficou célebre, sobretudo para alguns cumentadores ressabiados, o "erro do Clésio"...

    ResponderEliminar
  7. Relativamente à 2ª parte do Post devo dizer q sempre me fez confusão, nestes casos constituídos de pura inveja, q se digam as barbaridades aqui desmascaradas pelo Guachos; 1 dos argumentos + falaciosos é o de q o dinheiro poderia ser empregue de melhor maneira; isto sobretudo qd se trata de dinheiros públicos, o q nem sequer é o caso do PSG... ora, como mt bem diz o Guachos, o magnata do PSG podia simplesmente usar o dinheiro para acender os havanos ou até no wc... mas mesmo qd se trata de dinheiro público é necessário pensar duas vezes no q se diz pq se o dinheiro não fosse utilizado para, por exemplo, construir estádios e acessibilidades, não teria sido utilizado para nada...

    O mais importante é q o dinheiro circule e movimente a economia; o Futebol é 1 dos principais negócios a nível mundial e dá de comer a muita gente... e é tb 1 dos factores de equilíbrio civilizacional + importante... e isso, meus amigos, não tem preço...

    ResponderEliminar
  8. Ai e tal que quando os magnatas saírem do futebol alguns clubes vão ter enormes dificuldades. Pois vão; as mesmas que tinham antes de os magnata aparecerem. E daí? Se não tiverem 220 gastarão 20 e se nem 20 tiverem...mandam regressar o Marega. É a vida.
    Saudações benfiquistas! destaco esta parte do texto pelo FINO RETOQUE!!!
    Vitor Moreno

    ResponderEliminar
  9. Vou ser bruxo...depois de nomeados os cavaleiros do apocalipse (equipa de apitadores e video-vasco), são os mesmos da taça de Portugal, só com mudança de cavalgadura, mas o sentimento anti está lá todo (dragartos). O superlagarto deu o apito ao superdragao (àquele que não viu 3 grandes penalidades no alvalixo).
    A minha adivinhação tem a ver com o critério destes apitadores, 3 ou 4 entradas a matar pelos jogadores do Guimarães e amarelo a ficar no bolso, uma pequena falta do Benfica, amarelo (deve ser pelas faltas dos outros).como tenho a certeza disto, o Benfica ainda me vai contratar...

    ResponderEliminar
  10. Tenho pena que o Neymar nao fosse do Benfica agora tinhamos ganho uma pipa de massa quse dava para limpar o passivo mas mesmo assim os eternos insatisfeitos benfiqistas iam falar mal do Vieira durante dois anos. no que toca oa texto execelente deixai-os gastar esses milhoes eu tambem gasto aquilo que posso mais nao gasto porque nao tenho.

    ResponderEliminar
  11. Concordo , Vitor Moreno.
    Esse parágrafo do Guachos é muito "fino" , de Mestre!

    ResponderEliminar
  12. No dia em que vir o Benfica a contratar nomes sonantes (em função dos M€ que custam e dos critérios dos merdia nacionais) começo a preocupar me.
    Para já, e sábado já vamos tef um cheirinho, tudo me leva a pensar que estamos uma vez mais a criar um grande grupo. Porque isso é o mais importante. Até porque as adversidades este ano não vão ser menores.
    Tudo o que por aí se escreve é uma de duas: azia invejosa, ou ansiedade benfiquista.
    O nosso presidente já disse tudo. E não foi meigo: ESTAMOS OBCECADOS COM O PENTA. Para quem percebe alguma coisa de futebol é fácil perceber que mais uma vez ganhar um lugar no plantel do Glorioso não vai ser fácil.

    CARREGA BENFICA TRINTA E SETE!

    ResponderEliminar
  13. No ano que vem ou no próximo, quando o Neymar entrar seriamente na corrida pela Bola de Ouro contra o Reinado e ganhar, as putas ofendidas vão todas fazer filinha até ao fosso do Alvalidl WC XXI e cometer suicídio em massa. Espero bem que sim.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  14. Um pequeno off-topic...

    Estava a pensar com os meus botões acerca da expansão do Seixal.
    Ora, o Presidente referiu que o Estádio agora seria praticamente só para jogar, e que tudo seria transferido para o Seixal.

    Portanto, para além de passar a existir espaços novos no Seixal, também serão libertados espaços no Estádio. E de certeza que não passarão a ser espaços livres, desocupados ou abandonados. Isto é, este investimento no Seixal não muda só o Seixal. Também muda alguma coisa no Estádio. O Estádio poderá passar a ter mais alguns espaços para adeptos ou para fins comerciais.

    Isto é, o investimento no Seixal para além de melhorar as condições para atletas e funcionários, poderá também trazer benefícios comerciais ou benefícios para os adeptos, por via de aproveitamento de espaços libertados no Estádio.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.