sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Federação reles e mesquinha - às ordens dos interesses instalados.

O futebol português está nas mãos de Jorge Mendes, Ronaldo e da sua legião de vassalos. A dupla Mendes/Ronaldo caga de bem alto para todos e todos lhe fazem as vontades. E a federação e os clubes (sim, também o Benfica) vão todos comer-lhes à mão. A não ser assim, como é que se compreende terem-se lembrado de conspurcar a imagem de Eusébio precisamente na semana que assinalava um ano após a sua morte? Demasiado reles os promotores da ideia. A capa de ontem do pasquim do serpa diz tudo em relação à subserviência do país futebolístico à dupla que o domina e controla.

Para quem não sabe, Eusébio ganhou todos os seus títulos e prémios jogando por um clube português, numa altura em que quase não havia televisão e não havia promotores de imagem que transformam peidos em flores e gays em autênticos garanhões. Não haviam 3 jogos por semana, promovidos, vistos e revistos em todo o mundo e os adeptos dessa altura ou iam ao estádio ou só pela rádio tinham acesso às façanhas dos seus ídolos. Numa altura que em Portugal eram poucos os que tinham acesso à rádio, e televisão...só de ouvir falar!

Eusébio não tinha a máquina galáctica do Real Madrid a promover-lhe a imagem e não tinha o melhor empresário do mundo a vendê-la. Vivia num país pobre, na periferia da Europa, atrás do sol posto; no cú do Mundo. Um país que só ficou conhecido porque ele, EUSÉBIO, foi capaz de o pôr no mapa, com toda a sua classe inigualável, que fez dele um ídolo mundial; o país que agora o esquece e que humilha a sua memória. Sem ajudas de ninguém, sem precisar que lhe lavassem a imagem, casou com uma mulher, fez filhos (filhas) como os demais mortais, cometeu erros, pecados, falhou golos feitos, marcou golos impossíveis, ganhou títulos, troféus, prémios e honrarias...e esperou que lhe fizessem uma estátua...um verdadeiro ídolo.

Sujeitar Eusébio a uma votação on-line onde a esmagadora maioria dos votantes nunca o viram jogar, concorrendo com um jogador a quem todos os dias vendem a imagem de melhor jogador do Mundo, é no mínimo reles e cobarde. Um asco de gente, aquela cambada que gere a federação. Basta ver as escolhas do melhor onze (do século deles) para melhor o entendermos. Ou não percebem nada de bola, (muito provável) ou são todos uns canalhas (mais provável ainda) castrados das ideias.

Não está em causa, pelo menos para mim, quem é ou quem foi o melhor português, até porque não tenho a mínima duvida. Essa é uma questão que vai ser sempre discutida por todos os que nunca viram jogar Eusébio e por todos os que se sentem felizes porque podem - finalmente - desvalorizar os seus e os feitos do Benfica. É triste mas é legitimo. Não é isso que está em causa. O que me enoja é forma como o estão a fazer; reles e mesquinha - sem pudor.

21 comentários:

  1. São dois grandes jogadores, cada um no seu tempo.

    João Gomes

    ResponderEliminar
  2. Porra Guachos, estàs " assanhado " ( sem ofensa, claro. ) Lembras-te do que eu tinha, modestamente pre-
    visto hà dois ou três dias atràs, sobre uma mais que provàvel contenda entre o nosso Eusébio e o Cris-
    tiano Ronaldo, levada a cabo por aqueles que estão às ordens da azulagem e da verdagem, contenda que
    eu reprovo veementemente, ( apesar de eu ser mais Eusébio, pela minha idade...não se pode negar os feitos do Cristiano Ronaldo, nos relvados !) Ora ainda ontem, no insuspeito correio da... merda, começou
    uma espécie de votação que eu nem sei a que corresponde, mas dava os do contra a ganhar por 1,23 %,
    a favor do Cristiano e em detrimento do nosso Eusébio ; não te espantes , ( mais uma vez ...) se este tipo
    de contenda vier a repetir-se amiùde, infelizmente, porque eu , como fã do futebol e antigo praticante,
    entendo que o nosso Portugal não tem assim tantos valores de reputação internacional que justifique este
    tipo de contendas. Saï de Portugal em 1970, por acaso vim parar a Paris e aqui encontrei razões mais que
    suficientes para crer que o nosso sangue de Portugueses ( e apesar das 'bocas' de merda de certas pessoas do norte...) contem uma mistura explosiva , meia àrabe meia judaica, ( entre outras misturas, claro )quer queiramos quer não. Ë ver a nossa eterna insatisfação, que vem de algum lado...; esta ideia não me sai da cabeça !!! Nem é bom nem é mau ( antes pelo contràrio...) : é apenas uma constatação feita por mim.
    Saudações Benfiquistas de Paris.

    ResponderEliminar
  3. Totalmente de acordo com o post. Basear uma escolha numa votação on-line não lembra ao diabo! Gente ignorante e estúpida! Ou então mal intencionada! Inclino-me para todas!

    Agora outra coisa. Os Orcs corruptos do norte estão muito indignados, o que me deixa naturalmente satisfeito. Hoje na Bola, o fdp do andrade de serviço branqueador da corrupção, Pedro Manuel Lopes (PML), entregando a encomenda recebida, apelida de "miserável" o facto da FPF não ter convidado o Orc Mor para as comemorações dos 100 anos da FPF no Estoril, com o argumento de que é o dirigente que mais provas internacionais ganhou. E afirma o imbecil que PC causa incómodo ao país, acusando as pessoas de serem invejosas por esse facto.
    Naturalmente que causa incómodo, assim como causaria ainda mais incómodo convidarem-se os nazis para a comemoração dos 70 anos do fim da 2ª guerra, eles que tiveram grandes sucessos e vitórias durante o acontecimento, foram grandes e activíssimos participantes na empreitada, feitos que causaram também e naturalmente muito inveja entre os participantes!!

    Também acho que o governo italiano devia convidar os Capos das 3 máfias italianas, Camorra, ´Ndrangheta e Cosa Nostra, aquando das comemorações dos 70 anos da fundação da República Italiana em 2016. Afinal são 3 organizações que nasceram em meados do séc XIX, portanto muito mais antigas do que a própria República italiana, são as maiores empresas de Itália, grandes exportadoras de bens de consumo para todo o mundo com grandes tradições de empreendedorismo levando o nome de Itália a todo o mundo.

    Hoje, para não darem nas vistas, não ficava bem vir o próprio clube falar do mesmo Orc, por isso aproveitaram o "timing" do artigo acima referido para o clube através de um comunicado bater na FPF pelas mesmas razões, mas não por não terem convidado o Orc Mor (dava muito nas vistas, por isso arranjaram um "surrogate"), por não ter sido mencionado o grande Pedroto entre as grandes figuras do desporto nacional.
    Eu aqui estou de acordo com a FPF já que Pedroto devia era figurar entre os GRANDES FIGURÕES do desporto nacional!

    A nova moda andrade, agora que estão num plano cada vez mais inclinado em direcção ao cemitério, é tentar equiparar a figura de Pedroto ao que Eusébio foi para o Benfica e para o país, porque não lhes resta mais nada! É que não têm mesmo mais nada, a não ser que fossem buscar o Reinaldo Teles, o Fernando Póvoas ou o António Garrido como exemplos supremos de empreendedorismo nacional!
    Porque eles querem a todo o custo comparar-se e equiparar-se ao Benfica. É a sua doença, o seu complexo de inferioridade! Que os acabará por matar!

    Não será de todo estranho que o presidente da FPF, Fernando Gomes, um figurão que foi parte activa do Sistema quando este ainda estava no auge, quisesse agora afastar-se do seu turbulento passado, alguém que conhece bem quem eram os cúmplices nas tramóias, crimes e golpadas que andaram a cometer durante tantos anos, acabando por não lhes reconhecer mérito algum nem a eles nem às suas famosas conquistas.
    Nada melhor do que os "repentiti" para se revelarem os factos! Neste aspecto honra lhe seja feita!






    ResponderEliminar
  4. Guachos... eles estiveram 50 anos à espera que viesse alguém que pudesse ser usado para isto... estava tudo preparado...

    Mas pronto... eu não me importo com o que outros dizem... nós sabemos que o Eusébio é o maior e que, acima dele, só o Benfica. O Eusébio é maior que o pau do Enzo (só para a referência ao cota do bigode) e o porto que se foda.

    ResponderEliminar
  5. Muito bem!
    Totalmente de acordo, este post ao fim ao cabo retrata e bem a gente miserável que infelizmente habita neste país, não apenas no futebol mas em todas as áreas da sociedade, pobre país este...

    Tony Montana

    ResponderEliminar
  6. Excelente !!!

    Sem pôr em causa o valor de ninguém, no teu texto, escarafunchas em quase todas as feridas que têm minado o Futebol em Portugal.

    Perante a anilada desfaçatez com que foram lançados, os nomes de alguns dos jogadores, curiosamente todos ligados ao 'superempresário', fiquei admirado, como o próprio não teve direito a um dos muitos prémios 'Quinas', e me lembram ... fósforos ou amorfos !!!

    De igual modo, admirado fiquei, ou melhor estupefacto, por os cardeais da Cúria papal, não terem tido o desplante, de entregar prémios, 'prestige', aos 2 maiores bandalhos do Futebol em Portugal.

    Ao "presidente de todos os séculos", passado, presente e vindouro, desde, cóf, cóf, cóf, ... 1893 ou 1983 ou o c@r%$#%& que os f&%$, e ao Zé Maria - o boné do zé...culo - seu treinador e mentor nas solércias e mescambilhas.

    Por medo de saírem, enQUINAdos, digo eu.

    ResponderEliminar
  7. Nesta madrugada,depois de um curto interregno para afazeres profissionais, o Bronkosgera retoma a actividade precisamente com copy-paste deste post como sinal do meu total acordo e o dos benfiquistas dignos desse nome.
    P'RA CIMA DELES, SEMPRE!

    ResponderEliminar
  8. Comparar Ronaldo a Eusébio. Ha ha ha ha ha! Esta merda entregue aos morcões é isto. Pronto.

    ResponderEliminar
  9. Hoje na BTV 10 horas o Afonso de Melo instado a opinar sobre a gala da FPF e sobre a votação disse qualquer coisa como isto: não foi uma gala, foi uma galinha e muito mal frequentada, e a federação limitou-se a patrocinar uma palhaçada com a qual se insultaram muitos internacionais portugueses que pelo seu esforço mereciam ter sido homenageados e não avacalhados
    Grande!
    Luis

    ResponderEliminar
  10. Enormerrimo Guachos, Companheiro e Bom Amigo,

    Sabes o que te digo?

    Excelente texto!
    Excelente e perfeitamente digno do soberbo conjunto de comentarios que precedem este meu humilde registo.

    Eusebio, SEMPRE!

    Viva o Benfica!
    (Jose' Albuquerque)

    ResponderEliminar
  11. Não posso estar mais de acordo.

    A merda de sociedade em que vivemos é fruto da força mediática que os poderes políticos apadrinham, sustentando os empórios financeiros, à custa da ignorância e da corrupção incólume.

    Irina das Mamadas

    ResponderEliminar
  12. E entretanto, para desviar as atenções do facto do jogador pertencente ao fêcêpê, Quiñones, não ter sido convocado pelo Penafiel, toca de reabrir o processo Miguel Rosa/Deyverson. Que timing tão inocente...

    ResponderEliminar
  13. Porque havemos nós de querer comparar dois grandes de Portugal? Ronaldo é Grande, todos os dias o demonstra, mas só na Morte se consegue entrever a Grandeza da Alma, porque no gesto de quem fica se vê o valor daqueles que da Lei da Morte se vão libertando.

    Quem viu a fila ininterrupta que acompanhou o cortejo fúnebre do Eusébio, um mar de gente, da Luz ao Rossio, a romaria ao Estádio para o velório, o mar de cachecóis de todas as cores na sua estátua, a multidão no cemitério, sob um diluvio apocalíptico, sabe que foi esta imensidão anónima mas genuína que o nomeou REI!
    Quando os seus restos mortais repousarem entre o Génio e a Arte, no Panteão Nacional, ecoará pela Eternidade que Eusébio não foi o melhor, nem o maior, foi PRIMUS INTER PARES, um simples mortal, humilde, generoso, tímido, que quando pisava um relvado, envergando a gloriosa camisola do Benfica, encarnava em si o melhor do nosso Povo, transfigurando-se num misto de Raça, Querer e Ambição!

    VIVA o BENFICA! LONGA VIDA, LÁ NO OLIMPO, AO REI!

    ResponderEliminar
  14. Águia Nazarena
    Caro Guachos, acho muito mal não terem premiado o PC com o "cagalhão d´ouro" o maior corrupto do desporto do século a nivel mundial!
    A merda já não espanta
    Saudaçoes BENFIQUISTAS

    ResponderEliminar
  15. Tenho-me esquivado a ver e ouvir o que sobre isso se tem dito e escrito. Porquê? Porque me irrita, porque me enerva, porque me indispõe, por isto, por aquilo, e, sobretudo, porque não lido bem, lido mesmo muito mal, com imoralidades, com injustiças, com sacanices, com sacanagens, com filhas da putice e com tudo o que lhe está associado.
    Quem não tem memória, decididamente, não presta! Por estas e outras é que estou-me completamente a cagar para a federação, para o clube da federação, para os troca tintas e todos os cabrões de invertebrados que fazem parte de uma teia de interesses vergados ao poder material, que vai desde as coisas mais comezinhas, como almoços, putas e, imagine-se, só porque sim, porque parece bem, porque não convém "afrontar" Jorge Mendes e Cª Ldª, porque vale muito, e aqui surgem à cabeça os jornalistas da tanga que fazem tábua rasa do que até há pouco escreviam e que se cagam nas convicções pessoais em detrimento doutros interesses, até toda a comandita adjacente subserviente a interesses mais sinistros e obscuros em que a imagem de determinadas personagens mediáticas são exploradas até ao tutano de forma a obter-se o que se pretende.
    Muito haveria a escrever sobre isto, sobre interesses instalados e que não podendo não ser ilegais são imorais. Como diz um bom amigo: "Nem tudo o que é legal é moral"!
    Esta sobre Eusébio nem tem qualificação. Não gosto de Ronaldo. Não gosto que me façam sinais a mandar-me foder. Lamentavelmente há muitos benfiquistas que gostam e que justificam o gesto, o acto, porque o rapaz, coitadinho, era um jovem imberbe, não pensava bem e, de tão assobiado que foi, fartou-se e mandou foder os adeptos do Benfica. Quase me apetece dizer que isso tipo de gente pensará mais ou menos assim: "São novos não pensam, são velhos não sabem o que dizem"!
    A esses, qual Cristiano Ronaldo, não por meio de gestos mas com palavras, digo: Fodam-se! Refodam-se e contrafodam-se!
    Lamento, mas as coisas não são assim, pelo menos para mim, que é o que me interessa, e para as pessoas que me são mais chegadas as coisas não funcionam assim. Para muitos vale a pena branquear. Para mim, inequivocamente, não. Mas a vida é assim e cada um desfruta do que gosta. Não nasci para me mandarem foder. A esses quero é que se fodam eles, com todas as letras.
    Futebolisticamente falando, independentemente da grande qualidade de Cristiano Ronaldo, do emérito marcador de golos que o é, ainda ontem marcou ao atleti um golo do caralho, compará-lo com Eusébio, e eu falo à vontade porque ninguém me contou, eu vi-o jogar, é o mesmo que, por exemplo e numa comparação medíocre, comparar Bento ou Vitor Damas (Eusébios da baliza) com Vitor Baía (CR da baliza). Como é possível, pergunto eu?
    Respondo eu, é possível porque vivemos no país da fábula!
    Fiquem bem, meus amigos benfiquista de verdade, e a estes grande abraço.

    ResponderEliminar
  16. A humanidade já leva uns bons milhares de anos, cujo tempo começou a ser contabilizado em antes de Cristo de DC
    Sendo que o ano 1 é o primeiro ano do sec I, temos que (por simples matemática), o sec XX começou em 1901 e terminou em 2000.
    Ora em 2000 tinha C.Ronaldo os seus 15/16 anos.
    Para a fpf o sec começa sabe-se la quando ou então até aos seus 16 anos o ronaldo já era o melhor do mundo.
    Nem se pode justificar que a votação era pra melhor jogador de sempre nascido no sec.XX, porque então teriamos de esperar pra ver se algum dos jovens nascidos no final do sec XX, se vai tornar num jogador ainda melhor que o cr7.
    Hipocrisia total.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo das 23,13

      Julgo que a "eleição" se deve ao centenário da FPF. Seja como for, estás certo, tudo isto é uma hipocrisia total porque toda esta merda cheira mal, como toda a porcaria.
      Já agora, para se aferir da falta de credibilidade desta porra, em qualquer equipa que se fizesse em Portugal, Chalana teria sempre de fazer parte dela, como dos primeirinhos. Da minha geração e dos poucos génios que vi jogar à bola.

      Abraço

      Eliminar
  17. Nem sei a que propósito há por aí gente a comparar o incomparável.
    Vi jogar o Eusébio ao vivo muitas vezes, principalmente fora do Estádio da Luz, por exemplo nas Antas uma vez em que foi expulso por rezingar com o árbitro por causa do sítio onde se devia colocar a bola para ele marcar o livre. Recolheu ao balneário e ainda no decorrer do jogo apareceu vestido com uma gabardine que tinha ganho por ter marcado o 1º golo do jogo. descontraído, sem problemas. Outra vez também nas Antas com a cabeça atada com uma ligadura marcou 2 golos espectaculares na nossa vitória por 3-1. Engraçado, era eu ainda mais pequeno vi-o jogar pela Selecção Militar, também nas Antas, contra a França. Já adolescente vi-o jogar no velho Estádio do Lima contra o Boavista (empate 2-2) porque o Bessa andava em obras e jogava no Lima.
    Na Luz vi muitos jogos dele mas o mais espectacular foi quando demos 5-1 ao Real Madrid!
    Fico-me por aqui, para não chatear e...não me virem as lágrimas aos olhos.

    Comparar Ronaldo com Eusébio é comparar merda com Brilhantina!

    Eusébio Sempre!

    Viva o Benfica!

    ResponderEliminar
  18. 'Ké ké' isso de comparar o homem da estátua com o enorme Eusébio? Só pode ser um aglomerado de m**** nas cabeças.

    ResponderEliminar

Se pertenceres aos adoradores do putedo e da corrupção não vale a pena perderes tempo...faz-te à vida malandro.